Carro fica sem frente após enfermeira cochilar e bater em árvore no Acre

Segundo bombeiros, mulher ficou presa às ferragens.
Acidente ocorreu neste domingo (27) na BR-317.

Bandeira do Acre

Enfermeira de 33 anos sofreu acidente na manhã deste domingo (27) na BR-317 (Foto: Alexandre Lima/Arquivo Pessoal)
Enfermeira de 33 anos sofreu acidente na manhã deste domingo (27) na BR-317
(Foto: Alexandre Lima/Arquivo Pessoal)

O motor de um carro modelo HB20 foi arrancado durante um acidente na manhã deste domingo (27), na BR 317 sentido Epitaciolândia – Xapuri. De acordo com o Corpo de Bombeiros de Brasileia, órgão que atendeu a ocorrência, uma enfermeira, de 33 anos, dirigia o veículo e teria cochilado ao volante.

Segundo a sargento Gonçalves, a vítima acabou perdendo o controle do carro em uma depressão na estrada e batendo em algumas árvores. A enfermeira usava cinto de segurança no momento do impacto e o airbag disparou, mas estava em alta velocidade, pois o velocímetro marcava 140 km/h após o impacto.

Gonçalves conta ainda, que a vítima ficou presa nas ferragens, mas sofreu apenas escoriações leves e foi encaminhada ao hospital de Brasileia, município localizado há 232 quilômetros da capital, onde segue em observação.

“Ela cochilou, capotou o carro e bateu nas árvores da BR-317. Ela não teve nenhuma fratura, apenas escoriações. Ela reclamava de dores no pescoço, mas isso foi devido ao impacto. Estava consciente, respirando bem, não sofreu ferimentos graves”, disse.

Ainda segundo Gonçalves, a vítima trabalha no Hospital das Clínicas Raimundo Chaar e seguia de Rio Branco à Brasileia para voltar ao trabalho após o recesso de Natal.

Motor foi arrancado de veículo em acidente na BR-317  (Foto: Alexandre Lima/Arquivo Pessoal)
Motor foi arrancado de veículo em acidente na BR-317 (Foto: Alexandre Lima/Arquivo Pessoal)
G1.COM.BR