Sport 1 x 3 Vitória

O JOGO

XÔ, Z-4!

 

No encontro de Leões rubro-negros, deu o de Salvador. Sem temer a Ilha do Retiro, o Vitória venceu o Sport por 3 a 1 em jogo válido pela Série A do Campeonato Brasileiro. Uillian Correia, Kanu e André Lima marcaram para os baianos, enquanto Diego Souza fez para os pernambucanos. Com o triunfo, o Vitória chega aos 8 pontos, deixa a zona de rebaixamento e fica em 16º. Já o Sport, que tem a mesma pontuação, entra no Z-4 – é o 17º – por ter menos saldo de gols que o adversário desta noite.

DESTAQUE

RECLAMAÇÃO

O terceiro gol do Vitória foi alvo de muita reclamação dos jogadores do Sport. No lance, aos 33 minutos do segundo tempo, o meia Cleiton Xavier recebeu de Patric em posição de impedimento e tocou para André Lima dar números finais ao jogo.

DESTAQUE

PROVOCOU

Ex-jogador do Santa Cruz, o volante Uillian Correia foi fundamental para o vitória na noite deste domingo. Além do bom desempenho em sua posição, marcou o primeiro gol dos baianos. E na comemoração, provocou. Se dirigiu até a torcida do Vitória e fez gestos apontando para a Ilha do Retiro, como se mandasse no local. Uillian foi campeão pernambucano no ano passado na Ilha.

DESTAQUE

VOLTOU COM GOL

Depois de perder três jogos do Sport na Série A por estar com a seleção brasileira, o meia Diego Souza voltou hoje a reencontrar o torcedor rubro-negro na Ilha do Retiro. E apesar de não ter aparecido muito em campo, deixou a sua marca no final do primeiro tempo mostrando oportunismo. O camisa 87 jogou o primeiro tempo como ponta e o segundo no meio, sua real posição, mas marcou o gol como um legítimo centroavante, posição que tem jogado sob o comando de Tite na amarelinha.

DESTAQUE

SEGUNDO TEMPO

O Sport voltou melhor no segundo tempo e antes dos 15 minutos já havia criado boas chances, mas Diego Souza, Rithely e depois André não conseguiram mandar para o fundo das redes. Passada a pressão inicial, o Vitória se fechou melhor e conseguiu controlar bem o resultado. E ainda marcou mais um num contra-ataque com André Lima, fechando a vitória em 3 a 1.

DESTAQUE

PRIMEIRO TEMPO

O jogo começou com um ritmo muito lento. Sport e Vitória trocavam passes sem muitas pretensões, mas os baianos viram espaço primeiro para atacar. E depois de algum tempo rondando a área de Magrão, abriram o placar. Aos 16 minutos, Kanu aproveitou vacilo da defesa do Sport e tocou para Uilliam Correia, sozinho, empurrar para o gol. Nem o gol do Vitória foi suficiente para acender o Sport, que continuou morno em campo. E os baianos aproveitaram novamente. Depois do passe no primeiro gol, Kanu aproveitou escanteio aos 36 e fez 2 a 0. Só aí os pernambucanos acordaram e passaram a tentar pressionar. Tanto que aos 45, Diego Souza diminuiu.

DESTAQUE

PRÓXIMOS JOGOS

Sport e Vitória voltam a jogar agora na próxima quarta-feira pela Série A. Os pernambucanos vão até Belo Horizonte, onde enfrentam o Atlético-MG, às 21h45 (horário de Brasília). Já os baianos voltam para casa e recebem o Santos, às 19h30, no Barradão.

 

GLOBO ESPORTE.COM

ABC 1 x 2 Ceará

Vozão vence o ABC por 1 x 0 e quebra sequência negativa na Série B

O jogo aconteceu no Estádio Frasqueirão, em Natal/RN

Site do Ceará Sporting Club

Ceará 2 x 0 Atlético-GO

Com belos gols, Ceará faz 2 a 0 no Atlético-GO e reage no Brasileirão

Uillian Correia e Marinho superam o inspirado goleiro Márcio já no segundo tempo e garantem os primeiros três pontos ao Vovô na Série B. Já o Dragão cai nove posições na tabela

Água mole em pedra dura… O ditado resume bem o que foi o jogo entre Ceará e Atlético-GO, neste sábado, em Fortaleza. O Vozão martelou tanto que conseguiu superar o inspirado goleiro Márcio e conquistar sua primeira vitória na Série B. Uillian Correia e Marinho, já no segundo tempo, marcaram os belos gols da vitória por 2 a 0. Só não foi mais porque o goleiro do Dragão operou grandes defesas no estádio Presidente Vargas, mas não conseguiu evitar a primeira derrota rubro-negra no Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o Ceará chega a três pontos e termina a segunda rodada da competição no sexto lugar. O Atlético-GO, que tinha vencido o Boa Esporte na estreia, fica com os mesmos três pontos, mas cai nove posições e termina na 14ª colocação – perde no saldo de gols. As duas equipes dão tempo na Segundona e focam na Copa do Brasil. Na quarta-feira, o Ceará recebe o América-MG e o Atlético-GO tenta reverter vantagem do América-RN na luta por vaga na terceira fase. No Campeonato Brasileiro o Dragão voltará a jogar sábado, contra o Botafogo, em Brasília, enquanto o Ceará visitará o Paysandu.

Márcio brilha, mas Ceará vence no 2º tempo

Aílton assustou o Ceará logo no primeiro minuto, mas o ataque do Atlético-GO não mostrou o que seria a partida. Titular do Dragão desde 2007, o goleiro Márcio precisou se desdobrar no estádio Presidente Vargas. A primeira participação foi logo aos seis minutos, quando ele defendeu chute de Fernandinho e rebote de William. O mesmo atacante do Vozão tirou tinta da trave em cabeçada aos 18 minutos e quase abriu o placar. Do outro lado, o time goiano finalizava pouco e contava com algum lampejo de Arthur. Márcio ainda apareceu mais uma vez na etapa inicial defendendo bom chute de Ricardinho, de fora da área.

O cenário no segundo tempo foi semelhante. Marinho cobrou falta com perfeição aos dois minutos. O que aconteceu então? Márcio fez defesa milagrosa. Apesar de ter mais espaços e até sair mais em contra-ataques, o Atlético-GO não conseguia ficar muito tempo no campo do Ceará. Faltava capricho no último passe. William, que já atuou pelo Dragão, teve a chance de superar Márcio aos 19 minutos. Ele recebeu de Marinho, invadiu a área e chutou na rede pelo lado de fora. Mas de tanto tentar, o Ceará chegou lá. Uillian Correia soltou bomba da intermediária e superou o goleiro Márcio: 1 a 0. O golpe final veio aos 32 minutos. Da entrada da área, Marinho chutou cruzado e marcou outro bonito gol: 2 a 0 Ceará.

Ceará, Atlético-GO, Presidente Vargas, Fortaleza, Série B, Brasileiro (Foto: Kid Júnior/Agência Diário)
Ceará bate o Atlético-GO e conquista primeira vitória na Série B (Foto: Kid Júnior/Agência Diário)
GLOBO ESPORTE.COM

Wescley se lesiona e é cortado da relação do Ceará para jogo contra o Vitória; confira lista

Suspensos, Charles e Gilvan também estão de fora do jogo que define um finalista.

Wescley

Sem Wescley, vaga no meio-campo fica em aberto
FOTO: BRUNO GOMES

Sem 3 jogadores titulares na primeira partida, o Ceará divulgou a lista de relacionados para o jogo de volta contra o Vitória, pela semifinal da Copa do Nordeste, que acontecerá no próximo sábado (11), a partir de 16h20.

As baixas do Alvinegro de Porangabussu são os zagueiros Charles e Gilvan, suspensos pelo terceiro cartão amarelo na competição, e o meia Wescley, que sentiu um desconforto na coxa esquerda e foi vetado pelo Departamento Médico do clube.

Sandro e Carlão assumem a titularidade na retaguarda, enquanto a vaga na frente fica em aberto entre Eloir, Marcos Aurélio e Marinho.

Confira a relação completa:

Goleiros: Luís Carlos e Tiago Campagnaro;

Laterais: Fernandinho, Samuel Xavier, Tiago Cametá;

Zagueiros: Carlão, Sandro;

Volantes: Everton, Jean Cléber, Sandro Manoel, Uillian Correia;

Meias: Eloir, Marcos Aurélio, Marinho, Ricardinho;

Atacantes: Assisinho, Magno Alves, William.

“Pra ganhar da gente tem que suar muito”, garante Uillian Correia

O atleta fez um desabafo, falando do jogo e também sobre a luta do grupo

Ceará realiza treino secreto antes de Clássico-Rei decisivo

Com Sandro e Ricardinho à disposição, técnico Silas esconde escalação para enfrentar o Fortaleza, pela Copa do Nordeste.

Ceará Sporting Club

O último trabalho antes do Clássico-Rei decisivo pela Copa do Nordeste foi cercado de mistério em Porangabuçu. Na tarde desta terça-feira (17), o técnico Silas realizou um treino secreto no estádio Carlos de Alencar Pinto e escondeu a escalação da equipe para o duelo com o Fortaleza, quarta-feira (18), às 22h, no Castelão, pela última rodada da primeira fase da competição regional.

Os repórteres não tiveram acesso à atividade, e os cinegrafistas não puderam registrar imagens do treino. O objetivo da comissão técnica alvinegra é manter o mistério em torno do time titular para a partida.

O zagueiro Sandro, recuperado de lesão, e o volante Ricardinho, liberado após cumprir suspensão automática pelo Campeonato Cearense, ficam à disposição de Silas novamente. O comandante alvinegro não confirma se o defensor voltará à equipe – e, consequentemente, se irá sacar Gilvan ou Charles – e quem dará lugar ao camisa 8 – Marinho ou Marcos Aurélio.

O provável time titular para a partida é Luís Carlos; Samuel Xavier, Sandro, Charles e Fernandinho; Sandro Manoel, Uillian Correia, Ricardinho e Marinho; Assisinho e Magno Alves.

Em busca da classificação para as quartas de final do Nordestão, o Ceará é o segundo colocado do Grupo D, com nove pontos, e precisa apenas de um empate para avançar. O arquirrival tricolor, por sua vez, é o líder da chave, com 11 pontos, e já está garantido na próxima fase.

Com informações do repórter Vladimir Marques

 

Jogada – Diário do Nordeste – 17/03/2015

Uillian Correia define postura do time: “Jogamos com o coração e a alma”

Uillian Correia ressaltou a vontade de querer melhorar a cada jogo

Na noite do último sábado, 28/02, o Vozão venceu o Fortaleza pelo Campeonato Cearense 2015 e mostrou uma superioridade grande. Para o volante Uillian Correia, que teve ótima atuação, o elenco se dedicou muito, fazendo com que a vitória no Clássico-Rei fosse merecida.

“O time jogou muito compacto, os atletas estavam bem seguros e convictos daquilo que deveria ser feito. Jogamos com o coração e a alma, então o resultado não poderia ser outro, a gente mereceu essa vitória”, afirmou o camisa 7 do Mais Querido.

Mesmo tendo convicção de que o grupo está em uma crescente, Uillian Correia ressaltou a vontade de querer melhorar a cada jogo e garantiu o mesmo empenho para o jogo seguinte, que será diante do Botafogo/PB, pelo Nordestão, fora de casa.

“É visível a evolução que o time está tendo. O trabalho e a dedicação de todos só serão comprovadas com os resultados positivos e eles estão vindo. Temos muito o que melhorar ainda e na quarta-feira já teremos mais uma grande decisão” concluiu.

 

Site do Ceará Sporting Club

Sampaio Corrêa 3 x 0 Boa Esporte

3 x 0

35ª RODADA
COM GOLS-RELÂMPAGO, SAMPAIO DOMINA E VENCE O BOA, NO CASTELÃO
Tricolor marca no primeiro minuto de cada tempo, diminui diferença para o G-4 e mineiros encerram a rodada na quinta colocação.
Pressionando nos minutos iniciais, o Sampaio conquistou uma importante vitória contra o Boa Esporte, na noite deste sábado, no Castelão. Com gols de Eloir, no primeiro minuto do jogo, UIllian Correia cobrando pênalti, e Hiltinho, no início do segundo tempo, o Tricolor garantiu a vitória por 3 a 0 e encerrou a sequência de três derrotas consecutivas.

Com a derrota, o Boa encerra a rodada na quinta colocação com 52 pontos, enquanto o Sampaio segue na 10ª colocação com 50 pontos, dimuindo a distância, que era de seis, para apenas quatro pontos em relação ao G-4. As duas equipes voltam a campo na próxima terça-feira, quando o Boa recebe Joinville, em Varginha, e o Sampaio enfrenta o Santa Cruz, no Arruda.

Gol relâmpago e domínio Tricolor
O Sampaio começou o jogo indo para cima e logo no primeiro minuto, Eloir abriu o placar para os donos da casa. O gol-relâmpago esfriou o jogo e o Boa tentava achar espaços, mas ficava somente nas trocas de passes sem objetivo no meio-campo.

A partida voltou a ganhar emoção, quando Hiltinho avançou pela direita e foi derrubado na área. Uillian Correia foi para a cobrança de pênalti e marcou o segundo para o Tricolor. No primeiro tempo, Siloé ainda levou perigo com uma cabeçada por cima do gol defendido por João Carlos. O Boa teve sua melhor chance somente aos 40 minutos, quando Lula cabeceou por cima do gol do Sampaio.

Hiltinho mata o jogo
Na etapa final, logo aos 50 segundos, Hiltinho ampliou a vantagem do Sampaio, marcando o terceiro do jogo. O filme do primeiro tempo volou a se repetir, com o Boa tentando buscar espaços na defesa do Sampaio, mas sem sucesso, enquanto o Tricolor administrava a boa vantagem no jogo.

O Boa ainda tentou reagir com algumas finalizações de Karanga, mas depois da entrada de Pimentinha, o Sampaio voltou a controlar o jogo. O atacante driblador fez boas jogadas, apesar de não balançar as redes e o Sampaio garantiu o fim da sequência de três derrotas.

 

GLOBO ESPORTE.COM