Ricardo Waddington e Boninho dividirão funções no entretenimento da Globo a partir de hoje

e6d71-rede-globo
Expectativa
A partir desta segunda-feira, devem começar a surgir novidades na Globo, a partir da anunciada divisão de trabalhos entre Ricardo Waddington e Boninho no área do Entretenimento.
A expectativa é grande.
Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Rede Globo se despede do diretor de Entretenimento

Manoel Martins trabalhou 37 anos na Globo

Manoel Martins trabalhou 37 anos na Globo

Diretor-Geral da Globo, Carlos Henrique Schroder promoveu, na segunda-feira (15), um almoço de despedida para Manoel Martins, diretor do Entretenimento, que vai se aposentar neste mês. Ele completa 37 anos de empresa e comandou o setor a partir de 2008.

O evento, organizado no Estúdio F, reuniu autores, diretores e apresentadores, e todos fizeram questão de prestar uma homenagem ao executivo com um brinde. Emocionado, ele pediu para não fazer discurso.
Está previsto ainda um encontro de despedida de Martins com os atores da casa.
No dia 17 de novembro, em função dessa saída do diretor, a Globo anunciou um novo modelo de gestão para o Entretenimento. O departamento, antescentralizado, passa a ser orientado pelo conteúdo.
Foram criadas novas diretorias especializadas por gênero: Dramaturgia Diária – sob a direção de Sílvio de Abreu; Dramaturgia Semanal – Guel Arraes; e Variedades – Boninho (diários e realities) e Ricardo Waddington (noites e fins de semana). A estrutura se completou com duas atuais diretorias: Produção – Eduardo Figueira, e Desenvolvimento Artístico – Monica Albuquerque.
Ainda do encontro
Um dos poucos que falou no almoço de segunda-feira foi Carlos Henrique Schroder.
Ele destacou, em breve discurso, a qualidade dos profissionais presentes e a necessidade de sempre apresentarem ideias e criações para uma grade cada vez mais dinâmica.
Divulgação/TV Globo

Os diretores de gênero Ricardo Waddington, Silvio de Abreu, Guel Arraes e Boninho (sentados, da esquerda para direita); a diretora de Desenvolvimento Artístico, Monica Albuquerque, e o diretor de Produção, Eduardo Figueira (de pé, da esquerda para direita)

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Estrelas vai ser exibida em todas as emissoras da Globo

Angélica comanda o "Estrelas" aos sábados

Ricardo Waddington, diretor de núcleo e novo responsável pelo “Estrelas”, planeja transformar Angélica em uma apresentadora de rede aos sábados.

Como é de conhecimento, o seu programa não é transmitido para todo o Brasil, porque é exibido no horário das programações locais. A ordem é mudar esse quadro.
Entende-se que levar o “Estrelas” para todas as emissoras da rede será, enfim, uma correção de rota.
Mas para que isto se justifique e encontre melhor apoio, já se fala em mudanças no formato. Um quadro de perguntas e respostas, como ela fazia no “Vídeo Game”, é uma das propostas.
Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Vídeo Show vive período de transição

Os diretores de gênero Ricardo Waddington, Silvio de Abreu, Guel Arraes e Boninho (sentados, da esquerda para direita); a diretora de Desenvolvimento Artístico, Monica Albuquerque, e o diretor de Produção, Eduardo Figueira (de pé, da esquerda para direita)

Transição 

O “Vídeo Show” passou a viver uma situação curiosa, no mínimo, a partir do momento em que a Globo anunciou a nova divisão do seu Entretenimento.
Atualmente, o programa ainda está com o Ricardo Waddington, que só tem cuidado do dia a dia. O futuro ao Boninho pertence, e ele ainda não assumiu.
Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Parte da equipe do Vídeo Show deve ser renovada

Contratados da antiga MTV não devem ter seu vínculo renovado.

Voltando a ser dirigido por Boninho a partir de janeiro do ano que vem, o Vídeo Show sofrerá outras mudanças importantes em sua equipe. O programa já teve seus bastidores reformulados quando Ricardo Waddington havia assumido a direção da atração, no ano passado.

De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, alguns profissionais que eram da antiga MTV não devem ter seu contrato renovado com a Globo. Além disso, serão contratados novos repórteres, diretores e produtores para o Vídeo Show.

O Planeta TV

Gravações de “Boogie Oogie” atrasam; atriz e diretor discutem

Mesmo com bons índices de audiência e sendo bem avaliada pela crítica, “Boogie Oogie” está enfrentando alguns desgastes pontuais em seus bastidores. As informações são da coluna Controle Remoto, do jornal O Globo.

Recentemente, o diretor de núcleo Ricardo Waddington teve uma discussão com Giulia Gam, que interpreta a Carlota.

Os dois, no entanto, amenizaram o ocorrido para a imprensa. Waddington, por exemplo, se limitou a dizer que tal questão não valeria uma nota e que é comum que haja divergências entre profissionais.

Waddington e Giulia são amigos há quase 30 anos. A parceria foi iniciada em 1987, quando a atriz foi lançada em “Mandala” enquanto ele estava à frente da direção-geral. O fato de ela ter aceitado o convite para “Boogie Oogie” mesmo pouco tempo após ter feito “Sangue Bom” teve grande parte de seu peso creditato ao fato de Waddington ser o diretor.

Em paralelo aos desentendimentos da dupla, “Boogie Oogie” também está enfrentando atrasos em suas gravações. Os roteiros têm chegado de forma irregular, o que faz com que as gravações se intensifiquem e os atores sejam submetidos a jornadas bastante longas. Já existem, inclusive, queixas no elenco.

“Boogie Oogie” deverá se estender até o primeiro trimestre de 2015. A novela será substituída por “Sete Vidas”, de Lícia Manzo, cujas gravações já estão ocorrendo. A direção de núcleo é de Jayme Monjardim.

 

NaTelinha

Globo pode anunciar novo organograma ainda este mês

e6d71-rede-globo

 

De acordo com informações que circulam no Projac, todas as mudanças envolvendo as Direções de Núcleo na TV Globo serão oficialmente anunciadas entre os dias 15 e 20 deste mês – e não mais no começo de 2015.   São decisões que já foram tomadas internamente, daí o interesse de torná-las públicas o quanto antes.

Este novo desenho vai apontar os caminhos a serem tomados por diretores importantes como Boninho, Ricardo Waddington, Maurício Farias, além de outros, no setor do Entretenimento, e destacar ainda mais a importância dos recém-criados Fóruns.
Há uma expectativa também a respeito do Jornalismo e Esporte, no que ainda pode vir por aí.
Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery