SBT e seu velho hábito de mexer no que dá certo

Analisando

SBT e seu velho hábito de mexer no que dá certo

Larissa Manoela poderá ser vista três vezes por dia na grade do SBT – Divulgação

Essa mesma coluna elogiou nesta semana a estratégia do SBT contra a estreia de “Os Dez Mandamentos”, da Record. Mas pelo visto a boa estratégia ficou por ali.

Como foi dito, há anos a emissora parecia ter desistido de brigar pela vice-liderança e renasceu com a novela “Carrossel” e uma série de acertos em sua programação. As reprises de novelas mexicanas à tarde, a volta do “Chaves” ao horário nobre e a criação do “Notícias da Manhã” encaminhavam o SBT para um caminho certeiro e uma programação bem eclética perto de suas concorrentes.

Porém, voltando de férias na semana passada, Silvio Santos decidiu fazer algumas cirúrgicas alterações na grade que, provavelmente, foram e será um tiro no pé – em sua maioria. A primeira delas foi o cancelamento da primeira hora do “Notícias da Manhã”, apresentado por Neila Medeiros das 06h às 09h. Desde o dia 16 deste mês, a emissora passou a exibir uma sessão de desenhos, “Desenhos Pré-Escola”, às 06h.

Três pontos chamavam a atenção nessa alteração. Neila recebia de um telejornal, a reprise do “Jornal do SBT – Noite”. Agora com desenho, a quebra de público ficou evidente. A primeira hora do “Notícias da Manhã” sempre trazia seu melhor desempenho, na vice isolada e por vezes beliscando a liderança. A emissora usou como argumento para essa mudança justamente que eles tinham que ter um diferencial no horário, colocando algo para um outro público.

Resultado? O esperado: a sessão de desenhos despencou o que recebia, devolveu a vice-liderança do horário para a Record e ainda fez com que o “Notícias da Manhã” perdesse um ponto em sua média (marcava 3 pontos e passou para 2).

Duas semanas depois, programado para a próxima segunda (30), o SBT voltará a exibir o noticiário a partir das 06h. Porém, pode ser tarde, uma vez que o público foi quebrado e teve a chance de conhecer os programas concorrentes.

Outra decisão tomada nesta quinta (26) é a reprise da série “Patrulha Salvadora” juntamente com o seriado “Chaves”. Antes ocupando a faixa das 18h às 19h45, a criação de Roberto Gómez Bolaños perderá seus 45 minutos iniciais.

O derivado da novela “Carrossel”, quando inédito, era exibida aos sábados e não alcançou grandes índices de audiência. Esta nova oportunidade pode também ser um tipo no pé, não só pelo fato do seriado mexicano estar mais que consolidado no horário, mas também a exposição de imagem de uma de suas protagonistas, Larissa Manoela. A atriz mirim estrela a série, a reprise de “Carrossel” e ainda fará a nova novela do SBT, “Cúmplices de um Resgate”, que estreará em breve no lugar de “Chiquititas”.

Ou seja, teremos a mesma atriz em três ficções diferentes na mesma emissora. Alguém aí acha que realmente pode ser positiva essa exposição?

Luiz Sales é formado em Comunicação Social – Rádio e TV. Aqui no NaTelinha, faz reportagens especiais e análises sobre essa fantástica fábrica de sonhos chamada televisão. 

NaTelinha

Rede Record também vence prêmio de marketing por chamadas da programação

Alem do SBT, que conquistou duas premiações por conta de chamadas do “The Noite” e da abertura de “Chiquititas”, a Record também foi premiada na PromaxBDA América Latina.

A emissora obteve dois ouros, uma prata e um bronze na premiação. Os ouros foram conquistados nas categorias “Programa de Notícias” e “Promoção para Crianças”, com as chamadas criadas para a estreia do programa “Repórter Record Investigação”, apresentado por Domingos Meirelles, e para a estreia do “Ídolos Kids”, no ano passado, que contou com três vídeos no total.

A prata veio novamente envolvendo Domingos Meirelles, mas desta vez foi pelo anúncio de sua contratação, na categoria “Vídeos Institucionais”.

Já a chamada criada para divulgar o filme “Ronin”, estrelado por Robert de Niro e que foi exibido na “Super Tela” no início de agosto, conquistou o bronze na categoria “Promoção de Filmes”.

O diretor de programação da Record, Marcelo Caetano, comentou os resultados: “Tivemos um resultado espetacular. Esta é a maior premiação de chamadas e peças promocionais do mundo e somos a TV aberta brasileira mais premiada este ano”.

Marcelo também ressalta que a emissora teve uma participação muito signficativa este ano, com sete indicações em cinco categorias dentre as finalistas.

A PromaxBDA é uma associação internacional de profissionais de marketing, promoção e design que representa as principais redes de TV do mundo. Por ano, o prêmio recebe mais de 17.000 peças inscritas.

 

NaTelinha

Globo pode renovar totalmente sua programação até 2015, diz colunista

https://i2.wp.com/natelinha.ne10.uol.com.br/imagem/noticia/626fffe817762d4cbc25cd8ced91fbdc.jpg

Divulgação

 

Mesmo com grandes estrelas em seu casting, parece que a Globo quer instaurar uma reformulação em sua programação.

Segundo o jornalista Ricardo Feltrin, uma conversa nos bastidores da emissora carioca indica que programas como “Vale a Pena Ver de Novo”, “Programa do Jô”e “Altas Horas” também podem sair do ar, além do “TV Xuxa”, que não será exibido em 2014, como informou em primeira-mão o Na Telinha.

Tudo isso seria para iniciar uma grande renovação de sua programação, que pode contar até com contratações impactantes de outras emissoras.

Isso é bastante parecido com o que aconteceu na Globo em 1999, com a contratação de nomes como Luciano Huck, Ana Maria Braga, Jô Soares, Serginho Groisman e Cazé Peçanha.

 

NaTelinha

Enfoque NT: As mudanças e o planejamento zero do SBT

https://i1.wp.com/natelinha.ne10.uol.com.br/imagem/noticia/446705542903d96aba26872ef90a5d4b.jpg

“Carrossel” já será reprisada pelo SBT – Fotos: Divulgação

Nem nos tempos de “Tarde de Amor”, o SBT exibiu tantas produções dramatúrgicas. A partir da próxima segunda-feira (2), com as reestreias de “Carrossel” e “Rebelde”, a emissora contará com nada mais, nada menos, que sete produções, sendo cinco mexicanas e cinco reprisadas.

Ao colocar tudo isso de uma só vez, a boa audiência pode vir, é verdade. Afinal, “Marimar”, “Cuidado com o Anjo”, “Rubi” e “O Privilégio de Amar” estão garantindo bons índices, algumas até dando picos de liderança, graças ao declínio natural da “Sessão da Tarde”.

Agora… O que virá depois de todas essas novelas? O SBT tem acervo pra manter esses horários com a mesma competência? Provavelmente não. Talvez consiga pescar alguma trama por aí, como aconteceu com “Cuidado com o Anjo”, mas seria uma aposta, e a probabilidade de dar errado é grande. Até maior que a de dar certo.

Manter dois horários daria certa longevidade e segurança de boa audiência. No máximo, três. Agora, sete novelas diárias é muita coisa e até mesmo o canal Viva, da Globosat, detém menos reprises que o canal de Silvio Santos.

Planejamento zero

Nos últimos dias, o SBT promoveu algumas mudanças, como a extinção do “Astros”, “SBT Repórter”, “Amigos da Onça” (que segundo um dos “amigos”, terá uma terceira temporada) e o “Casos de Família”, que provocou um verdadeiro furdunço quando migrou para o horário nobre.

Diversos apresentadores da casa parabenizaram Christina Rocha pela “promoção”, o cenário foi reciclado e uma semana depois, simplesmente anunciaram que o programa acabaria. Um tiro no pé de dar dó, tamanho amadorismo e falta de planejamento. Com isso tudo, o “Programa do Ratinho” passou a ser exibido das 22h às 00h nas segundas e quartas.

O pior de tudo…

Foi a falta de respeito com o profissional Celso Portiolli. Com duas décadas de serviços prestados ao SBT, ele se consagrou em 1996 com o “Passa ou Repassa” substituindo Angélica. Há quatro anos, entrou no lugar de Gugu Liberato, no “Domingo Legal”.

De 20 anos pra cá, Portiolli passou por maus bocados. Esteve no freezer (nem vou dizer geladeira) por um período longo levando em conta seu exímio talento e ficou por outro tempo apresentando apenas ações de merchandising na “Sessão Premiada”. Pouco.

Seu trabalho mais notável foi o “Curtindo uma Viagem”, que foi líder de audiência em 2001 e 2002, causando dores de cabeça à Globo, e principalmente à Xuxa. E ainda assim, inexplicavelmente, ficou durante algum tempo completamente escondido e visto como “coringa”.

Agora, aconteceu de novo: a programação dominical mudou depois de quatro anos e quem mais sofreu foi Portiolli e seu “Domingo Legal”. Perdeu duas horas de duração, ficando apenas das 11h às 13h. Triste como um profissional, mesmo com duas décadas de casa, sem reclamar para a imprensa ou coisa do tipo, possa ser tão desrespeitado e pouco valorizado.

Fãs repudiam mudanças

Os “SBTistas” do blog SBTpedia, criado por fãs da emissora, fizeram uma nota destacando que são terminantemente contra as mudanças praticadas nos últimos dias.

Nem os próprios admiradores estão satisfeitos e se mexem diante dos absurdos que estão sendo praticados na Anhanguera.
Contatos do colunista: thiagoforato@natelinha.com.br – Twitter: @Forato_

Record não faz grandes mudanças na grade para estreia de “A Fazenda 6”

https://i0.wp.com/natelinha.ne10.uol.com.br/imagem/noticia/3eea805a102b6dc341e464d2df912d29.jpg

Britto Jr. segue na apresentação de “A Fazenda” – Foto: Divulgação/TV Record

“A Fazenda 6” estreia no próximo domingo (23) na Record, e a expectativa por parte da emissora é que o reality possa trazer bons índices de audiência.

Mas, apesar disso, segundo o jornalista Fernando Oliveira, da coluna “Na TV”, pouca coisa será alterada na grade do canal após a estreia do programa.

De segunda a sexta-feira, “A Fazenda” entrará no ar após “Dona Xepa”, às 23h, enquanto que, aos sábados, irá ao ar depois do “Jornal da Record”, às 22h15”, antecedendo o “Legendários”.

Já aos domingos, o programa entrará às 21h30, após o “Domingo Espetacular”.

NaTelinha

CNT muda de ideia e Igreja Universal ocupará grade diária da emissora

https://i1.wp.com/natelinha.ne10.uol.com.br/imagem/noticia/703c52e65d04ddc5681619c6e9cb0454.jpg

Não durou nem uma semana a ideia da CNT de investir na programação durante os dias úteis.

Na manhã desta segunda-feira (03), a emissora anunciou que também vendeu os seus horários na semana para a Igreja Universal do Reino de Deus, de Edir Macedo.

Inicialmente, a igreja teria programas apenas aos finais de semana, mais exatamente 11 horas no sábado e 14 horas do domingo. Agora, a CNT decidiu ceder às investidas e também locou seus horários de segunda a sexta.

A IURD ficará no ar das 5h às 11h e das 17h às 22h, ou seja, mais de 11 horas diárias. É a mesma duração que, até duas semanas atrás, a Igreja Mundial do Poder de Deus, de Valdemiro Santiago, ocupava na emissora paranaense.

Com isso, o canal cancela o “CNT Nostalgia”, uma sessão de filmes antigos e consagrados do cinema que foi exibida por duas semanas na faixa das 17h30.

NaTelinha