Record apostará em trilha sonora popular para “Dona Xepa”

https://i1.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20121226131238.jpg

Marco Camargo, do “Ídolos” e diretor musical da Record, é o responsável pela trilha de “Dona Xepa” – Divulgação/Record

Já em fase de pré-produção e restando poucas semanas para o início efetivo da produção, a Record trabalha, em paralelo, com a trilha sonora de “Dona Xepa”, sua próxima novela.

Segundo a coluna Zapping, a ideia é apostar em uma trilha popular e com um repertório bastante brasileiro. Todas as pesquisas e o desenvolvimento das músicas que serão utilizadas estão sendo feitas por Marco Camargo, diretor musical da emissora.

“Dona Xepa” tem estreia prevista para o primeiro trimestre de 2013.

A autoria é de Gustavo Reiz e a direção-geral de Ivan Zettel.

natelinha

Record construirá muralhas do Egito Antigo para “José”

https://i0.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20121225193858.jpg

Ângelo Paes Leme é o protagonista de “José do Egito” – Foto: Divulgação
A Record promete investir pesado em suas próximas produções bíblicas, que até agora conseguiram alta audiência e repercussão.
Em “José do Egito”, prevista para estrear no primeiro semestre de 2013, não será diferente.
De acordo com o jornal “O Globo”, a emissora construirá as muralhas do palácio de Aváris, do Egito Antigo, como cenário para a minissérie. Cinco mil metros quadrados na Zona Oeste de São Paulo foram reservados pelo canal especialmente para isso.
Escrita por Vivian de Oliveira e dirigida Alexandre Avancini, “José do Egito” promete ser uma das maiores produções da história da dramaturgia recente da Record e é aguardada com boa expectativa pela direção do canal.
natelinha

Record se prepara melhor para o ano que vem

Palhaço Bozo, personagem resgatado pelo SBT para reforçar a disputa pelo segundo lugar em audiência

Palhaço Bozo, personagem resgatado pelo SBT para reforçar a disputa pelo segundo lugar em audiência

 

A proximidade de trocar o calendário leva a todos a um balanço do que aconteceu e traçar perspectivas do que possivelmente nos espera no ano que vem.

Sem abrir muito o leque, mas fixando-se apenas na briga pela vice-liderança, é possível verificar que, apesar do bom momento de audiência do SBT, a Record está se preparando melhor para a disputa que ainda está por vir.

E não é complicado explicar. Enquanto uma emissora tem se valido apenas de produtos do seu passado, como “Bozo” e reprises ou mesmo a realização de novelas antigas, a outra tem buscado ajustar o seu setor de produção, nos mais diferentes setores. A teledramaturgia já tem em execução um novo plano de ação e o mesmo trabalho foi colocado em prática na linha de shows e jornalismo.

A saúde financeira das duas também será um outro ponto importante a ser levado em conta. Enquanto a Record está longe de ser atrapalhada por falta de dinheiro, o mesmo não se pode dizer do SBT nos tempos atuais.

Hoje, em qualquer bolsa de apostas, esses são fatores que certamente devem ser levados em conta.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Record pretende fazer muitas mudanças em sua grade a partir de março de 2013

A Record ainda não fala nada, mas as mudanças no seu domingo em 2013 não ficarão restritas apenas ao horário que o “Tudo é Possível” deixará vago.

Tem mais coisa nos planos. Se tudo correr como se espera, essas novidades serão lançadas a partir de março.

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Bianca Rinaldi é reservada para novela da Record

Divulgação/Record

Bianca Rinaldi é Tany na minissérie "José - De Escravo a Governador", da Record (7/11/2012)

Bianca Rinaldi é Tany na minissérie “José – De Escravo a Governador”, da Record (7/11/2012)

Bianca Rinaldi, gravando “José – de escravo a governador”, também interessa ao Carlos Lombardi para o elenco da sua primeira novela na Record.

Segundo se comenta, a Bianca está animada com mais essa possibilidade.

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

José – De Escravo a Governador poderá ser exibida em janeiro do ano que vem

Maytê Piragibe estará em José- De Escravo a Governador

 

A Record já dava como certo que a minissérie “José – de escravo a governador” só iria estrear no meio do ano que vem, até para oferecer mais tempo à sua produção e finalização. Só que não vai ser mais assim. Em reunião na quarta-feira, foi decidido que a sua exibição tem que começar na última semana de janeiro. Vamos esperar.
 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Lauro César Muniz escreverá seriado para a Record

Contratado da Record, e sem pensar em novela por enquanto, o Lauro está com a ideia de uma minissérie. Se isto ainda não aconteceu, ele pretende apresentar a sinopse para a direção da emissora nesses próximos dias.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery