Ano chega à metade com 2 das 9 promessas da Record para o RecNov cumpridas

Ano chega à metade com 2 das 9 promessas da Record para o RecNov cumpridas

Com o ano chegando à metade oficialmente nesta segunda-feira (30), as promessas da Record no campo da dramaturgia estão longe de serem efetivamente executadas.

nova gestão, liderada por Luiz Claudio Costa e Marcelo Silva, que substituíram Alexandre Raposo e Honorilton Gonçalves, completa um ano nesta semana e pouco do que havia sido anunciado em seus primeiros meses de gestão foi feito. Esperava-se uma maior atenção à dramaturgia, que teve vários projetos anunciados e poucos cumpridos.


Bruno Ferrari e Thais Melchior protagonizam “Vitória” na Record – Divulgação

Das nove produções prometidas para 2014, o ano chega à metade com apenas duas realizadas (“Milagres de Jesus” e “Vitória”). A tendência é que o ano se encerre com no máximo mais duas exibidas (“Plano Alto” e “Conselho Tutelar”), deixando as outras cinco para 2015.

Dentre as que devem ficar apenas para 2015 estão “Moisés e os Dez Mandamentos”, “Na Mira do Crime”, “Sem Volta”, “A Lei e o Crime” e “Casamento Blindado”.

Plano Alto:

“Plano Alto”, série de Marcílio Moraes, já foi totalmente escrita e suas primeiras gravações começaram no decorrer deste mês no Rio de Janeiro.

Contando com um elenco de peso, liderado por Milhem Cortaz e Daniela Galli, a produção é dirigida por Ivan Zettel e, diferente das outras apostas da Record, é totalmente feita pela casa – dispensando o suporte de produtoras.

A estreia está prevista para entre agosto e setembro. Há o intuito de se aproveitar o momento das Eleições, já que o texto terá um pano de fundo voltado para a política brasileira.

“Moisés e os Dez Mandamentos”:

Cotada para ser a primeira novela bíblica da Record, “Moisés e os Dez Mandamentos” deveria estrear neste ano.

No decorrer do primeiro semestre, optou-se por adiá-la para 2015 devido a encaixes na grade de programação.

Alexandre Avancini será o diretor de “Moisés e os Dez Mandamentos”; produção, antes cotada
para 2014, ficará para 2015 – Divulgação

Com o Horário Eleitoral Gratuito entre julho e outubro, não haveria espaço na grade para promover seu lançamento de forma adequada, já que o folhetim também coincide com a retomada do segundo horário de novelas – o qual foi desativado em outubro de 2012 com o fim de “Rebelde”.

Os trabalhos no RecNov seguem sendo tocados normalmente. Vivian de Oliveira é a autora e Alexandre Avancini assumirá a direção-geral. No entanto, com as dispensas recentes, nomes que eram considerados certos já não são mais.

Leonardo Brício, por exemplo, seria o protagonista. Com sua saída da casa confirmada há algumas semanas, as condições passarão a ser outras e sua escalação não pode mais ser garantida.

Conselho Tutelar:

Inteiramente gravada e finalizada, “Conselho Tutelar” tem estreia indefinida na Record – Divulgação

Produção realizada com a parceria da Vison, “Conselho Tutelar” já está concluída e à disposição da Record há pelo menos três meses. As últimas gravações ocorreram na segunda quinzena de março

A série aborda o cotidiano de dois conselheiros tutelares e uma psicóloga que lutam contra aviolência infantil.

O elenco conta com nomes como Flávia Monteiro, Cássia Linhares, Roberto Bomtempo, Paulo Gorgulho e Petronio Gontijo. Já a direção é de Rudi Lagemann. Flávia ingressou no elenco de “Vitória” como participação especial e estará em “Plano Alto”. Já Rudi é um dos diretores de “Vitória”.

A previsão de estreia era para este mês. Não se sabe os motivos que levaram o adiamento e nem para quando o mesmo ocorrerá.

“Na Mira do Crime”:

Série escrita por Tiago Santiago e realizada com a parceria da Fox e da Casablanca, “Na Mira do Crime” está praticamente toda concluída.

A produção de cinco episódios foi dirigida por Edson Spinello, em seu último trabalho prestado à Record. Ele foi uma das dispensas recentes da emissora.

Estrelada por Rodrigo Veronese e Renata Dominguez, a história gira ao redor de um apresentadorde programa policial que, para combater o crime, se torna um justiceiro.

A estreia estava prevista para ocorrer neste semestre. No entanto, a exibição foi adiada para janeiro de 2015.

Sem previsões

Em paralelo às três séries, a Record tem outras três já anunciadas mas que ainda não começaram a ser gravadas – e sequer há previsão para que isso ocorra.

“Sem Volta”:

A sinopse de “Sem Volta” é de um grupo de 11 montanhistas que são surpreendidos por uma chuva torrencial durante a escalada na Serra dos Órgãos, no Rio de Janeiro.

Mesmo com orçamento aprovado de aproximadamente R$ 7 milhões e com acerto da produtora Panorâmica, ainda não há nenhuma certeza quanto ao elenco, direção e gravações.

“A Lei e o Crime”:

“A Lei e o Crime”, também de Marcílio Moraes, era outra prevista para este ano. A direção seria de Alexandre Avancini e as gravações estavam marcadas para ocorrer integralmente em São Paulo.

segunda temporada da série seria uma continuidade da apresentada em 2009. Na época foi deixado um gancho para uma nova safra de episódios, o qual segue em aberto até hoje. Houve reprise da primeira temporada em 2013.

“Casamento Blindado”:

Guilherme Berenguer e Renata Dominguez protagonizaram “Casamento Blindado” em 2013:
série deverá voltar, porém apenas em 2015 – Divulgação

A série baseada no best-seller de Cristiane Cardoso e Renato Cardoso, filha e genro de Edir Macedo, ganhou um especial no fim do ano passado sob texto de Bosco Brasil e direção de Del Rangel. Das séries viabilizadas na época, esta foi a única a ser confirmada no lançamento da programação da Record neste ano.

“Casamento Blindado”, no entanto, ficará para o ano de 2015. Não se sabe se a Record assumirá a produção por completo ou se repetirá parceria com a Swen ou com outra produtora. A direção de Del Rangel e a participação de Renata Dominguez, que integrou o especial mas que não renovou com a Record e a continuidade do texto no comando de Bosco Brasil são outras incertezas que pairam .

 

NaTelinha

Confira as prévias de audiência das novelas nesta quinta-feira, 17/04/2014

A véspera de feriado prejudica o desempenho dos folhetins .

Nesta quinta-feira, 17/04, véspera de feriado, as novelas foram prejudicadas com o baixo número de televisores ligados (share).

Na Globo, Caras & BocasMalhação e Meu Pedacinho de Chão  registraram 13 pontos cada. Além do Horizonte marcou 18 pontos; e Em Família alcançou apenas 26.

No SBTChiquititas marcou 10 pontos; e Rebelde resgistrou 5 pontos e empatou com a novela da RecordPecado Mortal.

Esses números são prévios e podem sofrer alterações para mais ou para menos no consolidado.

O Planeta TV

Agora em novela todo mundo quer ser o bandido

Qual o maior vilão das telenovelas?

A cada dia surge uma novidade sobre a escalação de seriados ou novelas. Não bastasse a dificuldade de encontrar galã de certa idade, aquele que ao sentar não entrega, agora os autores e diretores se vêm diante de um outro embaraço. Se antes havia briga em ser escolhido para mocinho ou mocinha de qualquer história, hoje alguns chegam a qualquer sacrifício para fazer o bandido.

Estão todos nessa esteira, buscando papel que possa levar a mesma consagração que tiveram Adriana Esteves e Mateus Solano, especialmente, em seus trabalhos mais recentes.

O exemplo da vez é o serial killer do novo seriado da Glória Perez, “Dupla Identidade“. Antes do Bruno Gagliasso ser o escolhido e confirmado, chamou atenção o elevado número de pretendentes, os que fizeram o possível e impossível para serem lembrados. Esta, por mais maluca que possa parecer, é a moda de agora.

 

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

SBT fecha contrato de parceria exclusiva com a Televisa; veja detalhes

https://i0.wp.com/natelinha.ne10.uol.com.br/imagem/noticia/b351e20f7f948e41f233aee6f3edea00.jpg

Está acontecendo nesta semana, no Rio deJaneiro, uma das mais importantes feiras de televisão do mercado latino-americano, o Rio Content Market, onde emissoras aproveitam para vender formatos, novelas e fazer parcerias.

Dentre as que negociações que ocorreram, uma chama a atenção: o SBT fechou uma nova parceria de exclusividade com a rede mexicana Televisa, para a co-produção de novelas.

O contrato, que ainda não foi assinado, mas já está totalmente apalavrado, durará até 2019, e envolverá a prioridade total da emissora de Silvio Santos na produção de remakes e na aquisição de textos para os mesmos. As relações entre os dois canais se aproximaram nos últimos anos. Além da adaptação muito bem sucedida de “Carrossel”, o SBT exibe durante as tardes as tramas “Por Ela… Sou Eva”, “A Madrasta” e “Por Teu Amor”, que foram produzidas pelo grande rede mexicana, além de anunciar a volta de “A Feia Mais Bela”.

O diretor de negócios da Televisa no Brasil, Maurício Fittipaldi, em entrevista para o site “Todo TV News”, comentou que o “Canal De Las Estrellas” quer muito investir no nosso país e não medirá esforços para isso: “Brasil é um mercado importante ponto. Para Televisa, investir em um dos maiores mercados da América Latina é muito importante. Pode-se dizer que tem ainda mais importância, pois está dentro da faixa territorial dos negócios da empresa. No entanto, é ao mesmo tempo muito competitivo, não é um mercado fácil. Assim, surge a intenção de trabalhar na produção e co-produção através da criação de parcerias estratégicas para alcançar conta para essa complexidade e adaptar-se a esta competição. Não vamos medir esforços para novos negócios darem certo por aqui”.
Vale lembrar que, entre 1984 e 2008, a Televisa e o SBT tiveram uma parceria duradoura e vitoriosa, que se encerrou pela falta de liberdade que o canal tinha para criar tramas brasileiras. Este contrato, pelo visto, é mais livre em relação a este problema do passado.

NaTelinha

Nos últimos anos, a Televisa trabalhou com a Record em tramas como “Rebelde” e “Bela, A Feia”.

Novelas vespertinas do SBT perdem fôlego no Ibope

https://i1.wp.com/natelinha.ne10.uol.com.br/imagem/noticia/e57ec281d8cf656ae5909a00d692e265.jpg

Divulgação

 

As novelas mexicanas que o SBT está exibindo em suas tardes não vêm tendo o mesmo apelo de audiência que semanas atrás.

Das quatro produções que estão no ar atualmente, apenas “Maria do Bairro” vem se destacando, fato que é considerado curioso levando em conta suas inúmeras reprises e o horário em que vai ao ar, que é o de menor potencial de Ibope.

Nesta quinta-feira (05), por exemplo, “Maria do Bairro” registrou média de 4,9 pontos. O índice da trama de Thalia só veio a ser superado pela série “Dupla do Barulho”, com 5,4 pontos e exibida no começo da noite.

A recém-estreada “Por Ela Sou Eva”, que substitui “Cuidado com o Anjo”, ainda não empolga e teve 3,5 pontos de média. “A Madrasta”, exibida na sequência, elevou os índices para 3,6 e “O Privilégio de Amar” manteve a curva ascendente, ainda que de forma tímida, com 3,8 pontos.

Apesar de estarem atravessando um momento mais conturbado de audiência, as novelas do SBT ainda se mostram rentáveis tanto na disputa pela vice-liderança como pelo custo-benefício comercial. Mesmo levando em conta que apenas “Maria do Bairro” ultrapassou a casa dos 4 pontos, o “Programa da Tarde”, da Record, não se beneficiou e registrou 3,8 em seu horário fechado.

Esses índices são consolidados e são baseados na preferência de um grupo de telespectadores da Grande São Paulo.

 

NaTelinha

Tendência: Número de capítulos das novelas deve cair

Desde que a novela é novela, aqui no Brasil, os custos de produção, geralmente muito altos, acabam se diluindo ao longo dos seus quase 200 capítulos. Tudo o que existe como despesa em cenários, cidade cenográfica, figurinos, equipes, elementos de cena, contrarregra, custeios de viagem e a própria operação, entre tantos outros, terminam por se pagar sem muita dificuldade.

Isso funciona assim desde o começo, num tempo em que a Globo ainda não se dava ao luxo das minisséries ou trabalhos mais curtos na teledramaturgia, preocupada com o risco de um maior prejuízo. Nem mesmo as investidas mais recentes, em séries de 5 ou 10 capítulos, tiveram continuidade pelo perigo que poderiam representar no aspecto financeiro.

Nos últimos anos, isso mudou um pouco. Já existem os seriados de temporada e as novelas mais enxutas na faixa das 11 da noite, experiência que se pretende estender para outros horários. Uma ideia, aliás, que tem nos seus autores um apoio bem importante.
 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Confira a primeira foto de Lua Blanco em “Pecado Mortal”

Sem título 1

 

Fora das novelas desde a versão brasileira de “Rebelde”, Lua Blanco terá papel de destaque na primeira novela de Carlos Lombardi na TV Record.

A atriz interpretará a estudante Silvinha, papel que anteriormente seria ocupado também pela ex-Rebelde Sophia Abraão que recusou o convite por se tratar de um personagem muito forte.

“Pecado Mortal” tem estreia prevista para o final de 2013 logo após o término da novela “Dona Xepa”.

“Amor à Vida” deve terminar apenas em 2014

Amor-a-Vida-novela-animacao-abertura-capa

Duro vai ser aguentar a abertura dessa novela até julho do ano que vem !

A Globo pretende adiar o capítulo final de “Amor à Vida” apenas para o ano que vem. Segundo a coluna Outro Canal, a emissora vai esticar a novela até o final de janeiro de 2014. Com isso, a trama terminaria com mais de 200 capítulos.

O motivo seria a Copa do Mundo, se a novela acabasse em dezembro, a sucessora terminaria quando o Brasil estivesse em plena competição, em julho de 2014.

Por conta disso, para acomodar as sucessoras na faixa das 21h, sem confrontar com o período de jogos, a Globo decidiu adiar o fim de “Amor à Vida” e consequentemente das próximas novelas.

Mais demissões da TV Record

Recnov

Mais demissões no Recnov

Na manhã de ontem, nos estúdios de gravação de novela da TV Record do Rio de Janeiro, uma cena que não se imaginava nem nas piores novelas aconteceu ali.

Pessoas da área de recursos humanos adentraram os estúdios durante a gravação da novela Dona Xepa ladeados por inúmeros seguranças.

Funcionários e atores assustados presenciaram uma cena triste, onde nomes eram chamados e informados ali, naquele momento, que estavam demitidos.

A choradeira e os gritos foram muitos.

No meio do cenário, a atriz protagonista da novela Dona Xepa começou a chorar de verdade ao ver aquele cenário de terror.

A lista de demissões da TV Record mais parecia uma lista de Schindler às avessas.

Claro que as gravações pararam.

Devem continuar no dia de hoje, sob protestos que de nada adianta, pois os que ficaram precisam do trabalho.

 

James Akel no dia 24 de julho de 2013

Record quer incentivar interação entre sede em SP e núcleo de novelas no RJ

https://i0.wp.com/natelinha.ne10.uol.com.br/imagem/noticia/img20120521083316.jpg.

Com o objetivo de divulgar melhor os seus produtos da área de dramaturgia, a Record está trabalhando em meios que possam viabilizar uma melhor interação entre a sede de São Paulo e o núcleo de novelas do Rio de Janeiro.
 
Segundo a coluna Zapping, a ideia é trazer o elenco dos folhetins, que são todos gravados na cidade carioca, à capital paulista e incentivar a participação deles em atrações como o “Programa da Tarde”.
 
Em tempo:
 
Tal ideia de otimizar a interação entre os atores do Rio e os programas de entretenimento de São Paulo não é considerada nova nos bastidores da Record.
 
Há bastante tempo, autores, como Tiago Santiago, desligado da casa em 2009, têm defendido um maior espaço aos bastidores do RecNov na programação como forma de se divulgar os produtos lá feitos.
 
A edição especial do “Hoje em Dia”, que ia ao ar aos sábados, em parte, atendia a tal demanda. Entretanto, o mesmo foi extinto em meados de 2010 para ceder espaço ao “Esporte Fantástico”. 
 
France 2South Africa 2
NaTelinha