Luiz Fernando Guimarães grava com Porchat e faz sátira de “Os Normais”

O ator Luiz Fernando Guimarães gravou na tarde desta quarta-feira participação no “Programa do Porchat”, na Record, que será exibida na noite de hoje. Durante a gravação, Porchat relembrou sua ida ao “Programa do Jô”, em 2002, quando ainda era um desconhecido estudante de Administração. Sentado na plateia, ele, fã de “Os Normais”, série estrelada por Guimarães e Fernanda Torres, pediu para se apresentar no palco imitando Rui e Vani, e foi atendido por Jô. Aproveitando a presença do ex-contratado da Globo, Porchat e Guimarães fizeram uma esquete do seriado, que foi apresentado originalmente entre junho de 2001 e outubro de 2003. O Porchat, claro, de Vani.   Sobre sua saída da Globo, o ator deu a seguinte justificativa: “Comecei a fazer novela e depois programas de temporada, sempre ia e voltava. Eu sempre levei para a Globo projetos meus. Perguntei: ‘Vocês têm algum projeto pra mim?’ Rompi meu contrato ano passado. Não queria um compromisso, vínculo. A Globo não tinha um projeto para mim. Mas minha vida é muito boa. Tenho muitas coisas para fazer no meu sítio.” Questionado sobre os limites do humor: “Quando ele é constrangedor , não é humor. Humor não é politicamente correto, ele é do contra, ironiza. É uma visão engraçada de uma vida séria”.

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Marieta Severo e Analu Prestes com Luiz Fernando Guimarães

Viajando
Marieta Severo e Analu Prestes foram prestigiar Luiz Fernando Guimarães na última semana de temporada no Rio de Janeiro da peça “O Impecável”.

O espetáculo segue em turnê no mês de março para Salvador, Goiânia e Uberlândia.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Luiz Fernando Guimarães não renova com a Globo após 35 anos; entenda

Apesar disso, ele deverá continuar trabalhando na emissora.

Luiz Fernando Guimarães não renova com a Globo após 35 anos; entenda

Seguindo sua nova estratégia de contratos, com o intuito de reduzir gastos e otimizar o seu orçamento, a Globo perdeu mais um ator no seu quadro de contratos fixos e de longo prazo.

Trata-se de Luiz Fernando Guimarães, que tinha 35 anos de trabalhos dedicados exclusivamente à Rede Globo de Televisão. Ele não teve seu contrato renovado, porém deverá ter novos trabalhos na emissora.

Para o NaTelinha, a Central Globo de Comunicação afirmou que continua contando com Luiz Fernando para os programas, apenas com o regime de relação contratual alterado. “A Globo mantém um quadro fixo de cerca de 500 atores em regime de contrato prazo longo. Tem um contingente desse banco que é renovado periodicamente. Há contratos prazo longo que passam a ser contratos por obra certa, da mesma maneira, que contratos obra certa podem se tornar contratos de prazo longo”.

A CGC ainda afirmou que essa alternância permite que a Globo tenha uma oxigenação natural.

Luiz Fernando tem um grande histórico de novelas e seriados na Globo. A sua primeira trama foi “Uma Rosa comAmor”, de 1972, mas seu primeiro papel de destaque aconteceu apenas em 1984, quando foi o vigarista Miro em “Vereda Tropical”. Também atuou em “Cambalacho”, em 1986. Depois disso, só voltou às novelas em 2000, em uma participação em “Uga Uga”, e 2011, quando fez “Cordel Encantado”.

Já em seriados, Luiz Fernando é uma das presenças mais importantes da Globo. Ele atuou no inovador “TV Pirata”, “Comédia da Vida Privada”, “Dicas de Um Sedutor”, dentre outros.

Seu maior sucesso foi com Fernanda Torres, entre 2001 e 2003, em “Os Normais”, onde interpretou Rui. Outro grande sucesso foi “Minha Nada Mole Vida”, onde interpretou Jorge Horário, um colunista social da televisão. Também fez a polêmica minissérie “Decadência”, de Dias Gomes.

Seu último trabalho na Globo foi no início deste ano, onde fez parte do elenco do humorístico

NaTelinha

 

Rede busca no teatro e cinema talentos para as suas novelas

O ator Marat Descartes fala com jornalistas em bate-papo sobre o filme "Super Nada", do diretor Rubens Rewald

 

Marat Descartes, com excelentes serviços prestados ao nosso teatro e cinema, tem convite para integrar o elenco de “Buu”, na fila das 19 horas na Globo, escrita pelo Daniel Ortiz e supervisão do Silvio de Abreu.

No meio, Marat é conhecido pelos companheiros como um ator bem-sucedido em papéis complexos.
Ele vem de uma participação em “A Teia”.

Silvio de Abreu sempre se destacou por trazer para a televisão, atores que ele acabou descobrindo no teatro, principalmente.

A lista é grande, mas vale citar alguns: Débora Bloch, Paulo César Grande, Marcos Frota, Regina Casé, Luiz Fernando Guimarães, Ileana Kwasinski, Jandira Martini Maria Alice Vergueiro, Marisa Orth, Gerson Brenner, Oscar Magrini, Regina Braga, Claudio Fontana, Luigi Baricelli Eduardo Martini, Lugui Palhares, Cacá Carvalho, Germano Pereira e Miguel Roncato.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Globo faz investimento milionário em novo programa dominical

 

A partir de 8 de dezembro, nas férias do “Esquenta”, a Globo vai exibir o humorístico “Divertics”, considerado internamente como uma de suas grandes apostas, com equipes de criação em São Paulo e no Rio de Janeiro. Na direção de tudo, o talentoso Jorge Fernando com os seus muitos anos de estrada.

E um elenco forte: Luiz Fernando Guimarães, Maria Clara Gueiros, Leandro Hassum, Marianna Armelini, Rafael Infante, Roberta Rodrigues, Nando Cunha, Ellen Roche, David Lucas e Hilda Rebello.

Realizado em um galpão onde tudo pode acontecer –pelo menos esta é a proposta–, o programa promete música, dança, humor, le parkour, circo, luzes e muito mais. Ficará no ar até o dia 30 de março, totalizando 17 episódios.

Agora, chama atenção também o tamanho do dinheiro investido nisso. De acordo com informações de pessoas importantes do programa, cada episódio do “Divertics” vai custar aproximadamente R$ 1 milhão. E quem teve acesso às primeiras gravações garante que o resultado até aqui está “incrível”. É esperar.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Cordel Encantado irá ao ar em Portugal este ano

– Dois anos depois de sua exibição original no Brasil, a novela “Cordel Encantado” enfim será exibida em Portugal. Ela integrará a grade do canal básico local da Globo, veiculado através da operadora de TV por assinatura Zon, a partir do dia 27 de outubro, na faixa das 20h. E “Saramandaia”, atualmente já veiculada por lá pelo sinal premium da Globo, também ocupará o horário das 22h do canal básico a partir de 14 de outubro.

– Em Portugal, diferentemente de seu sinal internacional em outros países, a Globo divide sua grade em dois canais pagos, um básico e outro premium. No entanto, como a emissora tem uma parceria antiga com o canal aberto SIC para veicular novelas inéditas, o sinal pago não pode as exibir ao mesmo tempo do Brasil e opta por lançar localmente reprises e novelas que não serão aproveitadas no sinal aberto português.

– Atualmente, a Globo Portugal básica exibe quatro faixas de dramaturgia: 19h (“O Cravo e a Rosa”), 20h (“A Vida da Gente”), 21h (a portuguesa “Laços de Sangue”) e 22h (“A Casa das Sete Mulheres”). Já a versão “premium” do canal exibe novelas antigas em horários alternativos: “Da Cor do Pecado” (às 11 da manhã), “Uga Uga” (às 20h) e “Porto dos Milagres” (à meia-noite), além da atual temporada de “Malhação” e de “Saramandaia”, exibida por lá desde meados de julho.
Pesquisador e produtor de projetos para televisão e cinema, Fábio Mendes traz para o NaTelinha as novidades e destaques das programações televisivas pelo mundo. Fale com ele pelo twitter: @fabio_menDS 

Programa da Globo vai homenagear Lúcio Mauro, Rogéria e Renato Aragão

Lúcio Mauro, Rogéria e Renato Aragão serão homenageados

Lúcio Mauro, Rogéria e Renato Aragão serão homenageados

O “Divertics”, da Globo, será um programa de esquetes de humor com trocas de cenários performáticas e quadros de improviso.

O elenco está fechado com Luiz Fernando Guimarães, Leandro Hassum, David Lucas, Nando Cunha, Rafael Infante, Jorge Fernando, Maria Clara Gueiros, Ellen Roche, Mariana Armelin e Roberta Rodrigues, sendo que toda  semana haverá um convidado ou uma convidada. Regina Casé, abrindo essa série, vai passar o bastão do “Esquenta”. Estão previstas também homenagens especiais a alguns artistas, como Renato Aragão, Rogéria e Lúcio Mauro.

Na direção de núcleo, Jorge Fernando, com direção de Marcelo Zambelli e Ana Paula Guimarães.

As gravações começam na semana que vem e a estreia já pode ser confirmada para 8 de dezembro, indo ao ar no lugar do “Esquenta”, que volta em abril.

Serão 18 programas do “Divertics” nesta primeira temporada .

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery