James Akel comenta quem quer a cabeça de Luis Inacio Lucena Adams

Após esmagadora derrota do Ministro AGU na Câmara dos Deputados nas duas últimas semanas, com a histórica aprovação da PEC 443 em primeiro turno, advogados publicos federais entopem Edificio Sede em Brasilia pedindo a cabeca de Luis Inacio Lucena Adams. Nesta última terça-feira os advogados públicos federais tiveram sua primeira grande e histórica vitória, jamais vista anteriormente. Após empenho diuturno do movimento de caráter nacional, desafiando interesses de toda a ordem, sobretudo do representante da Instituição, os membros da Advocacia Geral da União alcançaram êxito na aprovação em primeiro turno do Projeto de Emenda Constitucional 443 de 2009. Em que pesem falsas afirmaçōes de seus opositores, que alegavam aumento de custo com a restruturação e valorização das carreiras jurídicas, na verdade, trata-se de movimento que vai muito além de questões salariais. ” Com a “Nova AGU” totalmente aparelhada, poderemos fortalecer nossa atuação contra os desvios de toda a ordem, em prol da Nação”, defendem. Caravanas de todo o país chegaram a Brasília na última semana e inúmeros advogados publicos federais povoavam os corredores do Congresso Nacional, participando ativamente das 3 sessōes seguidas, realizadas na Cāmara dos Deputados, com atuacao incessante junto aos parlamentares em conduta impecável, segundo expressiva manifestação dos parlamentares que, convencidos da importância das carreiras juridicas, souberam bem defender os interesses do maior escritório de advocacia do país. Vale lembrar que o Advogado Geral da União não representa, em hipótese alguma, a AGU. Ele é rejeitado veementemente há anos pelos membros das carreiras que a compõe. O trabalho na Câmara ao longo dos últimos meses, demonstrando a importância da AGU para o Estado brasileiro, e, assim, da necessidade de aprovação da PEC 443, tem sido efetuado por seus integrantes.

 

Escrito por James Akel às 13h18 no dia 12 de agosto de 2015