Jussara Freira está de volta à TV Record e com personagem na novela Apocalipse

Reprodução/Facebook/Jussara Freire

Jussara Freire é mais um importante valor que vai se juntar ao time de “Apocalipse”, nova novela bíblica da Record, escrita por Vivian de Oliveira e escolhida para substituir “O Rico e Lázaro” a partir de novembro.

Contrato fechado para viver um dos principais papéis e para trabalhar ao lado de nomes como Joana Fomm, Selma Egrei, Lu Grimaldi, Flávio Galvão, Leona Cavalli, Eduardo Galvão, Guilherme Winter, Sérgio Marone, Paloma Bernardi, Paulo Vilela, Sidney Sampaio, Juliana Silveira, Thais Melchior e Fernando Pavão, entre outros.

Todos os problemas havidos após o encerramento de “Escrava Mãe” e o atraso observado para a estreia da novela, foram devida e elegantemente contornados.

Na ocasião, Jussara e tantos outros atores perderam a oportunidade de novos trabalhos, em emissoras concorrentes, em função desta até hoje inexplicável demora.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Joana Fomm para “Apocalipse” e desfalca novela da Globo

Resultado de imagem para Dona Perpetua

 

Joana Fomm, atriz com longa história no cinema e televisão, sempre lembrada pelo trabalho como Perpétua, em “Tieta”, é a mais recente contratação da Record para o elenco de “Apocalipse”, novela de Vivian de Oliveira, a próxima religiosa, escolhida para substituir “O Rico e Lázaro”.

Curioso é que a sua contratação acontece no momento em que a Globo também já dava como certa a sua escalação em “O Sétimo Guardião”, de Aguinaldo Silva, que estreia em maio de 2018 .

Um caso até interessante, porque por diversas ocasiões ela, Joana, se utilizou das redes sociais para reclamar da falta de trabalho e do esquecimento a que são vítimas atores e atrizes com idade mais avançada.

Particularmente para Joana, observa-se, esses protestos acabaram valendo a pena. Vai para a Record, após concluir “Malhação: Pro Dia Nascer Feliz”, sabendo que ainda existe a chance de voltar para a Globo lá na frente. Tem todas as portas abertas.

Antes de um novo trabalho na TV, Joana irá aparecer no cinema, em “Como Se Tornar o Pior Aluno da Escola”, com Danilo Gentili. O filme entra em cartaz dia 31 de agosto. Diretamente de Portugal, onde escreve os primeiros capítulos de “O Sétimo Guardião”, Aguinaldo Silva conversou com a coluna e se mostrou surpreso com a ida de Joana Fomm para a Record: “Essa história da Joana Fomm é ótima: o Silvio de Abreu me pediu para criar uma personagem para ela, eu fiz isso, ela até me ligou agradecendo toda satisfeita. E foi para a Record?!”. Ainda segundo o autor, na trama, ela seria a mãe de Viviane Araújo e avó de Marina Ruy Barbosa. “Agora, como a personagem existe e eu já estou no capítulo 20, vou pensar em outra atriz [para o papel]”, informa o autor.

“Ninguém pode ficar sem receber salários”

Procurada pela reportagem do UOL, Joana Fomm disse que ainda não recebeu os capítulos, mas foi convencida pela personagem da novela. “Estou indo para a Record, mas nessa altura do campeonato eu só acredito depois de assinar um contrato e eu ainda não assinei. Dei a minha palavra e isso para mim vale. Sou uma atriz que gosto de fazer personagens que me apaixono de cara e esse convite, mesmo não tendo muitas informações , me convenceu. Pelo pouco que sei é um papel diferente de tudo que já fiz”, disse. A atriz afirmou ainda que, com a crise, se preocupava com a data de estreia de “O Sétimo Guardião”, prevista para 2018. “O Aguinaldo Silva me ligou e fez o convite para, mas ele mesmo não sabe quando vai estrear a novela e nesse atual crise ninguém pode esperar um trabalho, ninguém pode ficar sem receber salários”, declarou.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Flávio Ricco divulga time feminino da novela O Sétimo Guardião

 

Outro exemplo “O Sétimo Guardião”, de Aguinaldo Silva, que está na fila das nove, é outra produção que reunirá um time feminino de primeira linha. Marina Ruy Barbosa, Lília Cabral, Luana Piovani, Carolina Dieckmann, Renata Sorrah e Joana Fomm, só para começar.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Tieta será reprisada no Viva a partir do de maio

Divulgação/Rede Globo

 

Próxima atração
Desde já está sendo anunciada para maio a estreia de “Tieta”, um entre os grandes trabalhos do Aguinaldo Silva, com a colaboração de Ana Maria Moretzsohn e Ricardo Linhares.

E, com toda certeza até hoje, o melhor desempenho da Betty Faria na televisão, junto com Joana Fomm, Reginaldo Faria, Lídia Brondi, José Mayer, Yoná Magalhães e Armando Bógus, entre outros, formando elenco de 47 atores.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Joana Fomm e Cristina Mullins voltam às novelas da Globo

Cristina Mullins e Joana Fomm estarão, respectivamente, em "Rock Story" e "Malhação"

 

Cristina Mullins, fora do ar desde a participação em “Rebelde”, na Record, em 2011, acertou com a Globo para o elenco de “Rock Story”, novela musical de Maria Helena Nascimento.

Supervisionada por Ricardo Linhares e dirigida por Dennis Carvalho, a produção vai substituir “Haja Coração”, na faixa das 19h, a partir de novembro.

Por sua vez, Joana Fomm, importante nome da nossa dramaturgia, também fechou um novo compromisso na mesma emissora.

Depois de “Boogie Oogie” e “Os Experientes”, ela será uma das atrações de “Malhação – Pro Dia Nascer Feliz”, que estreia dia 22 de agosto. Tem notícia melhor? Joana, como se sabe, tem tido importantes vitórias contra problemas de saúde.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Simone Spoladore faz musa da pornochanchada em série da TV paga

Simone Spoladore vive estrela da pornochanchada na série "Magnífica 70"

Simone Spoladore vive estrela da pornochanchada na série “Magnífica 70”

O HBO anuncia para 24 de maio, um domingo, a estreia de “Magnífica 70”, em 13 episódios, mostrando os bastidores da produção cinematográfica da boca do lixo, de onde saíam as pornochanchadas.

Na série, Marcos Winter faz um censor que passa a atuar como diretor dos filmes, que ele antes desaprovava, e Simone Spoladore a sua musa inspiradora, com direito a muitas cenas de nudez.

Também no elenco, Maria Luiza Mendonça, Paulo Cesar Pereio, Adriano Garib e Joana Fomm. A direção é de Carolina Jabor.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Vamos relembrar as paixões proibidas da novela Porto dos Milagres

A novela conta muitas outras histórias de paixões proibidas, como o romance de Alfredo Henrique (Miguel Thiré) – filho de Otacílio e Amapola (Zezé Polessa) – e Luísa (Barbara Borges), filha de Rita (Joana Fomm) e Francisco (Tonico Pereira); o amor de Leontina (Louise Cardoso) pelo cunhado Oswaldo (Fúlvio Stefanini), marido de sua irmã Augusta Eugênia (Arlete Salles); a repressão sexual de Genésia (Julia Lemmertz), que se realiza nos braços de Ezequiel (Vladimir Brichta); e a relação da professora Dulce (Paloma Duarte) com o médico Rodrigo (Kadu Moliterno).

 

Fonte : Memória Globo