A atriz Janaína Ávila, que volta à TV na série “Rotas do Ódio”, no Universal

Divulgação / Ananda Campana

TV paga

Depois de três anos longe da TV, a atriz Janaína Ávila, cujo último trabalho foi a série “Plano Alto”, da Record, está de volta. Está certa a sua escalação em “Rotas do Ódio”, com exibição no canal Universal. A série acompanha a rotina de uma delegacia que combate crimes de ódio. Janaína viverá Maura, uma amiga da delegada Carolina Ramalho, papel de Mayana Neiva.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Bosco Brasil fez evento gratuito de teatro no Rio de Janeiro

No feriado 

Ananda Campana/Divulgação

Janaína Ávila, Thelmo Fernandes, Diego Molina, Bosco Brasil e Tony Ramos

Tony Ramos prestigiou a abertura de um ciclo de leituras promovido pelo autor Bosco Brasil, segunda-feira, na Casa da Gávea, Rio. O evento, gratuito, teve lotação esgotada.

Tony fez a leitura de “Novas Diretrizes em Tempos de Paz”, encenada com grande sucesso pelo próprio ator, mais Dan Stulbalch, e que ganhou em 2001 o prêmio Shell e APCA de melhor texto e ator.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Rede Record e a Produtora Indiana vão começar as gravações do especial O Amor e a Morte no mês que vem

 

A produtora Indiana, do diretor Marco Altberg, e a Record, marcaram para outubro o início de gravações do especial “O Amor e a Morte”, de Marcílio Moraes, baseado em contos do escritor alemão Thomas Mann.

No elenco, Adriana Garambone, Floriano Peixoto, Janaina Ávila, Giuseppe Oristanio, Thelmo Fernandes e Gabriel Gracindo.

Depois desse trabalho, Marcílio irá desenvolver uma minissérie com tema ligado ao universo político.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

James Akel comenta que a TV Record divulga de maneira errada o trabalho de Janaína Ávila

A TV Record acabou divulgando de maneira equivocada o real trabalho da produtora cultural Janaina Ávila.
Na verdade a Janaina tem grande experiência em produção cultural e busca de patrocínio cultural onde o Governo libera financiamentos de seriados e similares desde que a emissora pague 15% da produção autorizada.
Ela não tem poder de escolha mas sim de seleção.
A escolha é feita por Marcelo Silva e Honorilton Gonçalves.
Enfim, as produtoras que desejem tentar uma parceria com a TV Record, primeiro devem mostrar o produto pra Janaina que vai mostrar ao Marcelo que vai mostrar ao Honorilton que vai decidir.
E o fato de Janaina ser da Igreja Universal não deve pesar em nada pra ninguém.
 

Escrito por jamesakel@uol.com.br às 00h53 no dia 27 de maio de 2013

Record coloca atriz para avaliar projetos independentes

Janaína Ávila, atriz e produtora cultural

Janaína Ávila, atriz e produtora cultural, já está encarregada de receber e avaliar os projetos de parceria apresentados pelas diversas empresas interessadas em trabalhar com a Record.

Ela é quem, sobre o assunto, a partir de agora, irá soltar ou mandar prender.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery