Substituta de “Sete Vidas”, “Além do Tempo” estreia em 13 de julho na Globo

Alinne Moraes e Louise Cardoso nos bastidores de "Além do Tempo"

Alinne Moraes e Louise Cardoso nos bastidores de “Além do Tempo”

A Globo fixou para o dia 13 de julho a data de estreia de “Além do Tempo”, novela de Elizabeth Jhin que substituirá “Sete Vidas” na faixa das 18h.

As gravações seguem num ritmo bem interessante, com belas locações no interior do Rio Grande do Sul.
No elenco, estão nomes como Irene Ravache, Alinne Moraes, Louise Cardoso, Rafael Cardoso e Paolla Oliveira.

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Irene Ravache viverá vilã aristocrata em próxima novela das 18h

Irene Ravache como condessa

 

Irene Ravache recebeu a missão de viver a grande vilã de “Além do Tempo”, de Elizabeth Jhin que substituirá “Sete Vidas” na faixa das 18h da Globo.

Na novela, ela será a Condessa Vitória, mãe de Bernardo (Felipe Camargo) e tia de Felipe (Rafael Cardoso).
É descrita como vaidosa, prepotente e extremamente orgulhosa de sua origem nobre.
“Além do Tempo” vai reunir um elenco pequeno, mas fortíssimo, com pouco mais de trinta personagens, tendo Alinne Moraes – a mocinha da história –, e Paolla Oliveira – desta vez agora na função de vilã –, à frente de todos.
Promessa de folhetim total, com tudo aquilo que tem direito e uma roubando o noivo da outra – interpretado por Rafael Cardoso – logo no começo.
As locações estão divididas entre o Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul.
Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Irene Ravache contracenará com neto Cadu Libonati em “Malhação”

Irene Ravache contracenará com neto Cadu Libonati em "Malhação"

 

Longe das novelas desde “Guerra dos Sexos”, onde deu vida à Charlô, Irene Ravache acaba de gravar uma participação especial em “Malhação”.

A atriz, que é uma das mais prestigiadas do Brasil e acumula uma carreira de mais de 50 anos, contracenou com o neto Cadu Libonati, que interpreta o Jeff no folhetim adolescente. Eles também serão avó e neto na ficção.
Em declaração ao site de “Malhação”, Irene se mostrou bastante contente com a participação. “É emocionante estar com ele e no mundo dele, em uma novela jovem e muito boa. É muito bonito quando a vida lhe proporciona isso, inclusive trabalhar ao lado dos filhos de alguns colegas. Eu já trabalhei com o João Vitti (pai de Rafael Vitti, o Pedro) e ao lado do Mussum (pai de Antônio Carlos, o Wallace), ainda garota”, recordou.
Para Cadu, o momento também foi classificado como a realização de um sonho. “Eu vou lembrar pelo resto da minha vida. Foi tudo muito rápido, mas é muito engraçado para mim, porque quando comecei a fazer teatro falei para a minha avó: ‘Um dia vou contracenar com você. Um dia a senhora vai estar comigo no palco’”.
NaTelinha

Irene Ravache quer ser dedicar somente à peça Meu Deus !

 

A propósito da Irene Ravache, por enquanto ela vai se dedicar apenas ao espetáculo “Meu Deus!”. Não quer misturar a temporada da peça com gravações de séries e novelas .

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Peça de Irena Ravache e Dan Stulbach estreará em março

Os apresentadores do evento, Dan Stulbach e Irene Ravache

“Meu Deus”, é o título do espetáculo com Irene Ravache e Dan Stulbach, a partir de março, no Teatro FAAP, em São Paulo.

A peça está em fase de captação. Entenda-se em busca de patrocinadores interessados.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Portugal: “Éramos Seis” cresce na audiência e se destaca no Ibope

https://i0.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20130320134815.jpg

Divulgação
Mesmo com quase 20 anos após sua produção, que ocorreu em 1994, e de se tratar de uma reprise, “Éramos Seis” mais uma vez está agradando ao telespectador de Portugal.
A novela do SBT, que foi escrita por Silvio de Abreu e Rubens Edwald Filho, vem crescendo nas tardes da RTP e chegando a ter seus índices comparados ao de novelas inéditas que ocupavam o mesmo horário até pouco tempo atrás.
Nesta última terça-feira (19), por exemplo, o folhetim registrou 4,4 pontos de média com participação de 18,8%, tendo assim um dos melhores resultados desde que começou a ser exibida no país.
O desempenho obtido ontem por “Éramos Seis” é similar ao de “Vidas em Jogo” e superior ao de “Ribeirão do Tempo”, que ocupavam o horário das 14h meses atrás. Ambas estavam em exibição inédita em Portugal.
“Éramos Seis” foi uma das novelas de maior respaldo da dramaturgia do SBT. O folhetim reuniu atores que hoje possuem grande destaque, como Irene Ravache, Othon Bastos, Ney Latorraca, Osmar Prado e Nathalia Timberg, como também ajudou a projetar a carreira de outros, como é o caso de Ana Paula Arósio.
natelinha

James Akel comenta que Marcos Mendonça vencerá a eleição na TV Cultura

Caminha a galope a vitória de Marcos Mendonça na presidência da TV Cultura.

João Sayad, atual presidente, não pretende disputar para perder.

Seu mapa de votos mostra que a força do governador Geraldo é fundamental para a vitória de Marcos.

O outro candidato, Jorge da Cunha Lima, percebeu que o trabalho para captar votos de Irene Ravache e Lígia Fagundes Telles não basta para sua vitória.

Jorge deve abandonar a disputa em favor de Marcos.

No futuro eles até poderão ser grandes amigos.

João não pretende perder a eleição.

Cartesiano que é, deve desistir da disputa frente à realidade dos votos.

Escrito por jamesakel@uol.com.br às 00h15 no dia 11 de março de 2013

Saiba quando o Superbonita voltará com programas inéditos

 

A temporada inédita do “Superbonita”, comandado por Luana Piovani no GNT, terá início no dia 1º de abril. No programa, a apresentadora vai receber Irene Ravache, sua companheira de “Guerra dos Sexos”. Antes, neste mês de março, o “Super” mostrará algumas reprises.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

James Akel comenta a disputa de poder dentro da TV Cultura

Começou a guerra pelo poder e a presidência da TV Cultura.
Três nomes disputam a eleição de maio.
O atual presidente João Sayad é o que tem menos chances.
Jorge Cunha Lima saiu candidato sozinho contando com o apoio de Irene Ravache e Lígia Fagundes.
Marcos Mendonça é candidato de Geraldo Alckmin.
Aliás, Mendonça de coleção de créditos com o governador.
Geraldo vai fazer tudo que puder para ter Mendonça ali.

Escrito por jamesakel@uol.com.br às 08h56 no dia 26 de fevereiro de 2013