Leandro Hassum recebeu sugestão de Fausto Silva antes de fazer a cirurgia no estômago

ecb1d-globo

Uma pena
Fausto Silva, antes do Leandro Hassum fazer a bariátrica, o aconselhou a deixar gravados vários esquetes ainda gordo, para depois contracenar com eles quando já estivesse magro.

O Hassum achou a ideia ótima, mas por algum motivo não conseguiu. Daria um espetáculo bem interessante.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Flávio Ricco divulga pedido de Jô Soares sobre a entrevista com Fausto Silva

Resultado de imagem para entrevista Jo e Faustão

 

Ordem do Jô

Ainda da entrevista do Fausto Silva, na sexta-feira, o Jô deu ordens para que nada fosse cortado.

Mesmo no momento que apagou a luz, a gravação prosseguiu mesmo com o estúdio no escuro e nem aquilo foi editado.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Entrevista do Fausto Silva no “Jô” é recorde de audiência

Entrevista do Fausto Silva bate audiência do "Programa do Jô"

Entrevista do Fausto Silva bate audiência do “Programa do Jô”

Como não poderia deixar de ser, a entrevista do Fausto Silva ao Jô Soares despertou a atenção de um grande número de telespectadores, inclusive pessoas não acostumadas a assistir televisão no começo da madrugada.

Vários fatores contribuíram para isso:

1º – Jô, em toda a história do seu atual programa, nesses 18 anos de Globo, entrevistou aproximadamente 15 mil pessoas, o Fausto ainda era uma das exceções;

2º – Fausto Silva, desde o início de sua carreira, ainda no rádio se destacou como excelente entrevistador, mas sempre foi econômico em dar entrevistas;

3º – No “Domingão”, ele se destaca por ser o condutor do programa e, às vezes, dar sua opinião sobre assuntos que vão desde a política até o futebol. A repercussão é sempre muito grande.

A sua participação no “Jô”, há muito tempo considerado o melhor programa de entrevistas na televisão brasileira, apenas confirmou o esperado, levando o Ibope registrar por volta de uma da manhã a marca de 10,2 pontos, contra 4,5 do SBT, emissora segunda colocada.

Para Jô Soares, receber o amigo Fausto foi um momento histórico, neste 2016 que marcará o fim do seu programa diário:

Eu deveria ter guardado esta entrevista para ser a última do ano. Seria um fecho de ouro — comemorou Jô.

Foram cerca de 40 minutos de conversa. Conversa de amigos, mas com instantes de recado duro:

— Ascensão social e econômica no Brasil ou é através do futebol, de alguns outros esportes, mas raramente, ou da música sertaneja, ou do BBB. Então, é um país que não investe na educação e isso se reflete não só no futebol, mas em todos os outros esportes. Conclusão: é o apogeu da merda.

Foram recordados diversos momentos da sua carreira e o papo fluiu com gosto de quero mais no seu final, com a plateia lamentando pelo encerramento.

O índice consolidado será divulgado nesta segunda-feira, mas dentro da Globo o resultado já é comemorado como recorde do horário.

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Fausto Silva estreia novo quadro no “Domingão” depois de amanhã , 03/04/2016

Estreia 

Ramon Vasconcelos/Rede Globo

“Escolha da Galera” é o novo quadro do “Domingão do Faustão”, com estreia confirmada para este próximo final de semana.

No palco, concorrendo a prêmio em dinheiro, uma família será desafiada a responder 10 perguntas do cotidiano, permitindo ao público em casa também participar. O programa, como outras atrações, ainda terá Paula Fernandes e Sérgio Guizé no “Antes e depois da fama”.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Em gravação com Mara e Ovelha, Silvio Santos agradece a Fausto Silva

Mara gravou o "Jogo das 3 Pistas" com Silvio Santos

Mara gravou o “Jogo das 3 Pistas” com Silvio Santos

Um bem-humorado Silvio Santos comandou as gravações do “Jogo das 3 Pistas”, quarta-feira, no SBT, entre Mara Maravilha e Ovelha.

Na oportunidade, agradeceu a bela homenagem feita a ele por Leonor Corrêa, diretora responsável pelo vídeo do seu aniversário, e as palavras do Fausto Silva colocadas no mesmo trabalho. Ainda não há previsão de quando este quadro irá ao ar no “PSS”.

Quanto ao vídeo em homenagem aos seus 85 anos, o SBT não recebeu autorização do dono para exibi-lo.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Vinheta de fim de ano da Globo mira a Olimpíada no Rio

O casal Angélica e Luciano Huck grava a vinheta da Globo ao lado de Bárbara Paz, Adriana Esteves e Malu Mader

O casal Angélica e Luciano Huck grava a vinheta da Globo ao lado de Bárbara Paz, Adriana Esteves e Malu Mader

A formação de uma grande ciranda por esse Brasil afora. Um gesto de união. Já gravado, este será o tema da vinheta de fim de ano da Globo, “Um Novo Tempo”, que mobilizou atletas olímpicos, pessoas anônimas e, claro, grandes estrelas da emissora, do Jornalismo, Esporte e Entretenimento, como: William Bonner, Fátima Bernardes, Walter Casagrande, Angélica,  Luciano Huck, Antônio Fagundes e  Laura Cardoso.

Entre dezenas de artistas da casa que participaram da gravação estão ainda: Fernanda Gentil, Juliana Paes, Lima Duarte, Otaviano Costa, Paolla Oliveira, Jô Soares, Fausto Silva,  Rodrigo Lombardi e Tiago Leifert.

Uma parte foi feita no Rio e outra em São Paulo.

O trabalho de produção desta nova vinheta coube a Sentimental Filme. Em todas as suas divisões, ele começa com Diego Hypólito e Arthur Zanetti e vai se desenvolvendo, agregando outros valores.
No ar em dezembro.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

TV Record tentou inventar briga do Caçulinha com Fausto Silva

Caçulinha no programa de Gugu Liberato

Caçulinha no programa de Gugu Liberato

A necessidade de causar ou chamar atenção parece que virou ordem nos bastidores de algumas produções, mesmo quando não existem motivos para tal. Lembrando Odayr Batista, é um pouco daquilo da rádio Camanducaia, “quando não tem notícia, nóis inventa”. Ou é obrigado a inventar.

Um dos casos mais recentes aconteceu no Gugu, agora sob os cuidados do departamento de jornalismo da Record. Um desavisado repórter, pautado provavelmente por alguém que sabe muito menos que ele, tentou de todas as maneiras levar o Caçulinha a falar mal do Fausto Silva. Uma insistência que beirou o grotesco ou a leviandade, embora o Caçula, o tempo todo, não cansasse de repetir que aquilo não tinha nada a ver. Ao contrário, eles sempre foram e continuam grandes amigos.
É a velha e odiosa história da audiência a qualquer custo, mais uma vez em cartaz na televisão brasileira. Fausto e Caçula, se o repórter, pauteiro ou o diretor do Gugu não estavam informados, tem uma amizade de mais de 30 anos, que supera o tempo que os dois, por acaso, trabalharam juntos no “Domingão”. Os amigos em comum, entre os quais, e com muita honra este que vos fala, são testemunhas disso. Como se vê, bastava pesquisar um pouquinho melhor para não passar por um papel tão ridículo.
Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

“Domingão do Faustão” lança quadro para descobrir galãs de novelas

Fausto Silva

Fausto Silva

Uma das novidades do “Domingão do Faustão”, nesses próximos tempos, será o lançamento de um quadro que irá escolher um novo galã das novelas da Globo.

Tudo produzido em perfeito acordo com a Teledramaturgia. O grande vencedor terá, entre outros prêmios, a sua escalação garantida numa próxima novela.

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Domingão do Faustão vai entrar no seu 26º ano de apresentações na Globo

e6d71-rede-globo

 

Já em março de 2015, o “Domingão do Faustão” completará 26 anos de apresentações na Rede Globo. Uma marca histórica. Desconsiderando o “Fantástico”, nenhum outro programa do Entretenimento da emissora se mantém há tanto tempo no ar, sempre na liderança isolada de audiência.

Mas existe uma expressão, “insatisfação permanente”, que o apresentador Fausto Silva costumeiramente usa como palavras de ordem, tanto para a sua produção como para ele mesmo. Há sempre mais a ser alcançado. A busca pelo ineditismo, e que ao mesmo tempo possa atender aos desejos do telespectador, nunca deve ser interrompida.
É complicado na TV atual, chegando em 2015 aos seus 65 anos, apresentar algo que ainda possa ser novidade e, ao mesmo tempo, tenha condições de oferecer bons resultados. Nada é mais desafiador para aquele que está neste meio, daí a necessidade de todo e qualquer programa, manter uma equipe de criação.
Não por acaso, o “Domingão” é o único que se preocupa em contar pessoas permanentemente ocupadas com isso. Talvez seja uma das explicações para os quase 26 anos.
Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Saiba por que ninguém abraça Faustão e Jô na vinheta da Globo

Jô Soares na vinheta de fim de ano da Globo: apresentador usou a mesma roupa que gravou programa
Por DANIEL CASTRO e PAULO PACHECO, em 09/12/2014 · Atualizado às 06h10

Já reparou que ninguém abraça Fausto Silva e Jô Soares na festiva vinheta de fim de ano da Globo. Os apresentadores são os únicos que não aparecem se confraternizando ou interagindo com os colegas. Até destoam do restante do elenco.

A explicação é simples: Faustão e Jô não estavam no estúdio no Rio de Janeiro onde boa parte do elenco da emissora se reuniu em um final de semana de novembro para gravar a vinheta. As imagens de Jô e Faustão foram captadas em estúdio, em São Paulo, e inseridas na pós-produção.

Fausto Silva ainda usou uma roupa em tom rosa, parecida com a dos artistas e jornalistas que estavam no estúdio, onde predominava o branco. Já Jô Soares vestiu um paletó escuro, o mesmo que usou para gravar seu programa, destoando totalmente dos colegas de emissora. Tanto Fausto quanto Jô aparecem em primeiro plano, em enquadramentos muito parecidos. Um olhar mais acurado também percebe diferença na luz.

A Globo confirma que as imagens dos apresentadores foram captadas em chroma-key (com um fundo azul ou verde que é eliminado da imagem depois) e juntadas aos demais artistas na ilha de edição. Argumenta a emissora que eles não podiam estar no Rio porque tinham compromissos. Faustão, de fato, tinha que apresentar seu programa, agora realizado em São Paulo. Jô, na verdade, foi poupado de ter que viajar ao Rio porque ainda não está totalmente recuperado de pneumonia que o levou a uma internação de três semanas, na metade do ano.

Fausto Silva na vinheta de fim de ano da Globo, em imagem montada na pós-produção