Cantor e humorista Falcão estará hoje no O Céu é o Limite

Divulgação/RedeTV!

O irreverente Falcão marca presença em “O Céu é o Limite” deste sábado, na RedeTV!. Ao lado da Miss Brasil 2015 Marthina Brandt, ele terá a missão de ajudar os competidores do programa comandado por Marcelo de Carvalho.

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

TV Diário contrata Falcão

 

Terra da Luz

O cantor e humorista Falcão é o novo contratado da TV Diário. Após anos no comando do “Leruaite”, talk show de humor na TV Ceará, afiliada a TV Brasil, Falcão terá programa no horário nobre da emissora cearense, que também transmite seu sinal pela OI TV para todo o país.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Programa Silvio Santos comemora 52 anos no ar sem deixar de ser atual

Uma história que continua sendo escrita, todos os domingos, pelo maior e melhor apresentador da TV Brasileira

Há 52 anosSilvio Santos alegra os domingos de milhões de telespectadores. Com competições, música, câmeras escondidas, artistas e inúmeras surpresas, o melhor apresentador da televisão continua a levar diversão, irreverência e boas gargalhadas à família brasileira.

Desde a estreia, em 02 de junho de 1963, a interação do apresentador com o auditório é marca registrada da atração, que ao longo de sua existência já passou por seis emissoras (TV Paulista, Globo, Tupi, Record, TVS e SBT),  recebeu milhares de colegas de trabalho em busca dos tão desejados aviõezinhos de dinheiro e teve mais de 120 quadros, dentre eles os consagrados “Show de Calouros”, “Domingo no Parque”, “Roletrando”, “Namoro na TV”, “Porta da Esperança”, “Topa Tudo Por Dinheiro”, “Gol Show”, “Tentação”, “Hot Hot Hot”, “Qual é a Música?” e “TV Animal”.

Em 2001, o Programa Silvio Santos completou 20 anos no ar e deixou de utilizar esse nome. Nessa época, o comunicador passou a apresentar programas diferentes, como o “Bailando por um Sonho”, “Casa dos Artistas”, “Casamento à Moda Antiga”, “Desafio dos Alunos Nota Dez”, “Eu Compro o Seu Televisor”, “Family Feud”, “Gente que, Brilha”, “Nada Além da Verdade”, “O Grande Perdedor”, “Pra Ganhar é só Rodar”, “Qual É A Música”, “Quem Manda é o Chefe”, “Rei Majestade”, “Roda a Roda”, “Sete e Meio”, “Show do Milhão”, “Tentação”, “Todos Contra Um”, “Topa ou Não Topa”, “Vinte e Um” e “Você é Mais Esperto do que um Aluno da 5ª Série”.

Sete anos depois, em 2008, Silvio Santos voltou a comandar o melhor programa de auditório da TV, com os clássicos quadros que sempre fizeram sucesso, os aviõezinhos e os famosos bordões, como “Quem quer dinheiro?” e “Quem é que eu vou chamar?”. Entre os destaques da volta do Programa Silvio Santos está a participação da apresentadora-mirim Maisa Silva, com quem o animador protagonizou bate-papos descontraídos e muito engraçados, além dos quadros que figuram até hoje, como o Jogo das 3 Pistas”, “Jogo dos Pontinhos”, “Pára ou Continua”, “Nada Além de Um Minuto” e “Não Erre a Letra”. A partir de 2012 a atração ganhou a participação de Patricia Abravanel, que segue ao lado do pai até os dias de hoje.

Prestes a completar 85 anos, Silvio Santos é um verdadeiro sucesso nas redes sociais. O comunicador figura constantemente entre os trending topics no Twitter e ocupa com frequência o ranking dos vídeos mais vistos no YouTube Brasil. Outro sucesso que é a marca do programa são as câmeras escondidas, formato lançado no Brasil por Silvio na década de 80.

Convidados dos mais diferentes ramos, entre artistas, esportistas e músicos também marcam presença na atração. Entre os mais recentes estão:

Ronaldo Fenômeno, Geraldo Alckmin, Chitãzinho e Xororó, Falcão, Sérgio Reis, José Luiz Datena, Inri Cristo, Tom Cavalcante, Genival Lacerda, Narcisa Tamborindeguy, Dr. Robert Rey, Chiquinho Scarpa, Carlos Alberto de Nóbrega, Marília Gabriela, Eliana, Ratinho, Celso Portiolli, Danilo Gentili, Rachel Sheherazade, Marcelo de Carvalho, Luciana Gimenez, Fábio Porchat, Adriane Galisteu, Otávio Mesquita, Amaury Jr, Ana Paula Padrão, Mamma Bruschetta, Cátia Fonseca, Nelson Rubens, Ronnie Von, Jerry Adriani, Alexandre Frota, Valdemiro Santiago, Agnaldo Timóteo, Luiz Vieira, Silvio Luiz, Oscar Schmidt, entre tantos outros.

Confira os quadros que já passaram pelo Programa Silvio Santos:

Calouros

·         Campeonato Brasileiro de Calouros e Cantores Novos

·         Cuidado com a Buzina

·         Gente que Brilha

·         Show de Calouros

Jogos com Prêmios

·         Aperte a Sua Sorte

·         Arranhe e Ganhe na TV

·         Caldeirão da Sorte do Baú

·         Corrida de Fórmula B

·         Eu Compro o Seu Televisor

·         Festival da Casa Própria

·         Gol Show

·         Jogo das Vizinhas

·         Jogo do Diga-Diga

·         Jogo do Mais ou Menos

·         Jogo do Sim ou Não

·         Jogo do Sobe e Desce

·         Jogo dos Pontinhos

·         Pra Ganhar é Só Rodar

·         Mina de Ouro do Baú da Felicidade

·         Nada Além da Verdade

·         Nada Além de Um Minuto

·         O Carnê dos Animais

·         Partida de Cem

·         Peg e Marque

·         Poço dos Milhões

·         Quina de Ouro

·         Roda a Roda

·         Roletrando

·         Sete e Meio

·         Show da Loteria

·         Sorteio da Tele Sena

·         Tentação

·         Todos Contra Um

·         Topa ou Não Topa

·         Três no Jogo

·         Vamos Brincar de Forca?

·         Você é Mais Esperto que um Aluno da Quinta Série?

Perguntas e Respostas

·         A Volta ao Mundo em 80 Perguntas

·         Arrisca Tudo

·         Cinco no Jogo

·         Clube dos Quinze

·         Desafio dos Alunos Nota 10

·         Enshowclopédia

·         Jogo do Milhão

·         O Preço Certo

·         Show do Milhão

·         Só Compra Quem Tem

·         Vinte e Um

Perguntas com Casais

·         Casados na TV

·         Casais na Berlinda

·         Ela Disse, Ele Disse

·         Eles e Elas

·         Vestibular do Amor

·         Consultório Sentimental

·         Casamento na TV

·         Em Nome do Amor

·         Isto é o Amor

·         Jogo dos Casais

·         Namoro na TV

·         Namoro no Escuro

·         Quer Namorar Comigo?

·         Sou Grato a Você

Competições

·         Bailando por um Sonho

·         Campeonato de Dança

·         Cãozinho Mais Bonito

·         Casamento à Moda Antiga

·         Cidade Contra Cidade

·         Concurso de Frases

·         Concurso de Mágicos

·         Concurso de Sósias

·         Concurso de Transformistas

·         Concurso Miss Simpatia

·         Concurso Pernas Mais Belas

·         Desafio

·         Desafio das Crianças

·         Desafio nas Ruas

·         Family Feud

·         Frases de Caminhão

·         Jogo das Famílias

·         Jogo das Três Pistas

·         Jogo dos Pontinhos

·         Miss Brasil

·         Miss Brasil Mundo

·         Miss São Paulo

·         Não Erre a Letra

·         O Desafio dos Sexos

·         O Grande Perdedor

·         Paquerando

·         Passe ou Repasse

 

 

O Planeta TV

Conheça os destaques de hoje do Mariana Godoy Entrevista

 

 

O ministro da Previdência Social Carlos Eduardo Gabas, o político Roberto Freire e o cantor Falcão serão os convidados de Mariana Godoy nesta sexta, pela Rede TV!.

 

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

A mania de culpar CBF e federações pelo mal do futebol brasileiro

No Brasil, temos a mania de culpar os políticos pela corrupção que acontece no País. Como se só eles cometessem atos de corrupção. No futebol, não é diferente. CBF e Federações são as vilãs.

Na última sexta-feira, o até então presidente do Corinthians, Mário Gobbi (houve eleição no dia seguinte e o candidato dele foi escolhido, Roberto de Andrade), em uma entrevista histórica,surpreendeu a todos com um discurso duro, populista e realista.

Ele garantiu que se a Federação Paulista não permitisse a venda de ingressos para o Corinthians, o time não entraria em campo no clássico diante do Palmeiras. 20 minutos depois, a FPF recuou e aceitou a exigência do maior clube do Estado de São Paulo.

Foi o gancho para muitos afirmarem que CBF e Federações não têm peito para impor nada aos clubes e que já está passando da hora de haver a criação de uma Liga, com os times tomando conta do futebol, e a CBF cuidando apenas da Seleção Brasileira.

Sem querer tirar a culpa das federações e da CBF, que acabam trocando, muitas vezes os pés pelas mãos, mas qual a moral (no sentido real da palavra), a ética e o poder financeiro para os clubes pelo menos levantarem o dedo para sugerirem a criação de uma liga?

Só os 12 maiores clubes do Brasil (Atlético/MG, Cruzeiro, Inter, Grêmio, Flamengo, Vasco, Botafogo, Fluminense, Corinthians, Palmeiras, São Paulo e Santos) juntos, devem quase R$ 3 bilhões (três bilhões de reais) à União. Não declara R$ 100 à Receita Federal para tu ver o que acontece!

Não vou entrar nem na seara das dívidas trabalhistas. Onde a irresponsabilidade financeira e principalmente a falta de planejamento reina há décadas. Se não bastasse, praticamente todos os anos, vários desses clubes conseguem de maneira insaciável aumentar suas respectivas dívidas, sem nenhuma punição.

São esses aí, que vão estar à frente da Liga Nacional de Clubes. Que vão cuidar do futebol brasileiro?

O grande problema é que a CBF e as federações viraram o nosso salvo-conduto de tudo que é ruim no futebol brasileiro.

Se o futebol padece, a culpa é delas. 7×1 para a Alemanha? CBF que nunca olhou para as categorias de base. Pouco público nos estádios? CBF ou Federação que não sabem fazer um calendário adequado. Briga de torcedores nos Estádios? Retrato do futebol brasileiro comandando por entidades que têm dirigentes se perpetuando no poder. Jogo às 10 horas da noite? CBF e federações que viram reféns e se vendem para a TV.

Aí, eu pergunto: E quem são essas pessoas que comandam a CBF e as federações? De onde elas vêm? Quem as escolhem?

São os próprios clubes que escolhem os presidentes das respectivas entidades. Por interesse, politicagem ou até por birra mesmo, os dirigentes dos times se esforçam para que a conjuntura do futebol siga sem alterações.

CBF, federações e clubes estão no mesmo barco, com raras exceções, alguns pulam fora e desistem ou até mesmo gritam, mas são abafados pela esmagadora maioria. Os que permanecem gostam de navegar em águas calmas, com todo o conforto e luxo de um grande navio.

Então, o que pode ser feito? Só os jogadores podem mudar essa situação. São também por eles que o futebol existe e é apaixonante. Mas assim como em outras profissões, assim como na política, para modificar esse cenário é necessário virar refém de tubarões, ceder, engolir sapos e sofrer grandes consequências.

O Bom Senso FC foi o primeiro passo de uma verdadeira revolução, mas o silêncio da maioria é o que preocupa. Talvez precisasse só de 10, daqueles que já saíram de cena ou não precisam de tapinhas nas costas: Pelé, Zico, Rivelino, Ronaldo, Falcão, Romário, Neymar, Hulk … pudessem ajudar.  O grito deles, juntos, daria um peso maior, traria um clamor maior.

Já imaginou, Paulo André, Alex, Pelé, Romário, Ronaldo, Falcão e Zico, juntos, numa coletiva de imprensa para exigir mudanças no futebol brasileiro?

Os pessimistas dirão: Sonha, Alice! Os realistas: Complicado demais. Os otimistas: Um dia, quem sabe!

“O futebol é o retrato do nosso País. Triste. Não tem educação, não tem cultura, não tem saúde, não tem justiça. O Estado é uma figura de ficção”, Mário Gobbi.

 

Blog do Mário Kempes – Diário do Nordeste – 12/02/2015