Ceará vai enfrentar o Santa Cruz nas quartas de final do Nordestão

Por ter feito melhor campanha na fase de grupos, o Vozão decide em casa

Site do Ceará Sporting Cluv

Brasileirão não para mesmo com a Olimpíada em jogo #Rio2016

Em se tratando de Brasil, ainda mais nas coisas ligadas ao futebol – com a CBF tomando conta dele -, não há mais nada que possa surpreender ninguém.

As maiores aberrações podem ser esperadas e assimiladas com naturalidade, porque não tem outro jeito. A penúltima que se tem notícia é que o campeonato brasileiro, em suas diversas séries, com início em maio e encerramento entre novembro e dezembro, não será paralisado durante a Olimpíada.

Como é que a Globo, que paga boa parte da conta e terá a obrigação de transmitir as duas competições, permite uma coisa dessas?

Curioso é que desde que qualquer um de nós se entende por gente, ouve-se falar na falta de um calendário compatível no futebol brasileiro. Falam, discutem e, como também existem interesses em jogo, nunca se chegou a nada melhor do que temos aí.

Agora, verifica-se, em matéria de estupidez, os dirigentes esportivos são corajosos em se superar. Promover uma coincidência dessas, mesmo sendo uma sandice bem típica deles, demonstra que sempre conseguem nos surpreender.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Ceará cede empate ao América/MG e decisão fica para a rodada final

O resultado deixa o Alvinegro com a necessidade de vencer o jogo seguinte

Técnico Lisca comandou treino coletivo no Estádio Vovozão

Em campo, o técnico Lisca elaborou atividades específicas com o grupo

Site do Ceará Sporting Club

Definidos os grupos da Copa do Nordeste 2016

Sorteio definiu grupos do Nordestão 2016. Vozão está no grupo E

Evandro Leitão compareceu ao evento e representou o clube

Site do Ceará Sporting Club

Venda de ingressos para Ceará x Paysandu começa nesta segunda-feira

Confira os pontos de venda para o jogo da 22ª rodada da Série B

Site do Ceará Sporting Club

Para equilibrar, CBF adota medidas em partidas do Vasco

Celso Roth com tranquilidade proporcional ao momento do Vasco (FOTO: Leandro Pereira)

Celso Roth com tranquilidade proporcional ao momento do Vasco
(FOTO: Leandro Pereira)

Novidade no Brasileirão. A CBF estudou uma saída para deixar os jogos do Vasco mais equilibrados e a solução encontrada foi obrigar os adversários do Vasco a fazerem dois gols para valer um. O motivo da mudança é a péssima atuação do clube cruz-maltino diante do Palmeiras – e em todo p Brasileirão.

“Você sabia que estatisticamente, a cada nascimento na China, o Vasco leva um gol? Eu, como dirigente da entidade máxima do futebol brasileiro, preciso zelar pelos clubes tradicionais. Vou ajudar a salvar o Vasco”, explicou Atila Drão, um do diretores da CBF.

E o auxílio não deve parar por aí. Segundo a CBF, mais ações serão tomadas e o Olé do Brasil traz essas informações com exclusividade. Confira abaixo:

  • O adversário só poderá chutar de fora da área
  • Não vale bomba (chute forte) contra o Vasco
  • Os adversários poderão dar apenas dois toques por jogada
  • O goleiro adversário poderá segurar a bola por apenas 2 segundos, não 7
  • O goleiro adversário jogará de costas
  • Falta a favor do Vasco perto da área sera pênalti

O treinador vascaíno, Celso Roth, gostou: “Ótima notícia, principalmente porque esta deve ser a única solução para o nosso time”, disse.