Caso Encerrado dará lugar ao Casos De Família neste sábado

ee94e-mundonovelas_sbtretomasuaprogramac3a7c3a3o
Um caso pelo outro
O programa “Caso Encerrado” deixará de ser exibido pelo SBT a partir do próximo sábado.
No seu lugar, a emissora irá apresentar o “Casos de Família”, da Cristina Rocha.
Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

SBT tira do ar o programa “Caso Encerrado”; saiba o que entrará no lugar

SBT tira do ar o programa

No ar ininterruptamente desde julho, o telebarraco latino “Caso Encerrado” acaba de ter sua exibição cancelada pelo SBT.

A partir do próximo sábado (01), o programa da Dra. Ana Maria Pólo será substituído por outra atração do gênero, porém nacional.

Trata-se do “Casos de Família”, de Christina Rocha. O programa contará com reprises todos os sábados à meia-noite.

Atualmente, o telebarraco brasileiro é exibido de segunda a sexta-feira às 14h15, garantindo o segundo lugar todos os dias e até com picos de liderança.

O “Casos de Família” agora irá ao ar de segunda a sábado, sendo no fim de semana começando logo após o “Festival Sertanejo”.

O “Caso Encerrado” estava contando com episódios intitulados de “Proibidos”, com casos bizarros e de sexo, e vinha registrando médias em torno dos 4 pontos na Grande SP.

 

NaTelinha

Flávio Ricco critica com veemência o Caso Encerrado

https://i0.wp.com/natelinha.ne10.uol.com.br/imagem/noticia/fd2cf26672dcbf26faebf97d2fc02558.jpg

 

Será que existe alguém interessado em ver o tal “Caso encerrado” no SBT…

… É mais um lixo que veio de fora, que tem comprometido a média de audiência da emissora.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Flávio Ricco critica o Caso Encerrado

 

O SBT foi mal de audiência durante quase toda a última semana. A Record passou por cima, apesar da boa estreia do Danilo Gentili. Toda a diferença foi feita na faixa da tarde.

O “Caso encerrado” é muito ruim, com certeza o que de mais lamentável uma emissora brasileira teve coragem de botar no ar nesses últimos tempos. Derruba mesmo.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Telebarraco latino e Casos de Família derrubam audiência do SBT

Por PAULO PACHECO, em 10/03/2014 · Atualizado às 15h44

O retorno de Caso Encerrado e do Casos de Família à programação diária derrubou a audiência do SBT no horário do almoço desta segunda-feira (10). Segundo dados preliminares (o consolidado será divulgado amanhã), os dois telebarracos ficaram em terceiro lugar no Ibope, com 3,5 pontos na Grande São Paulo, contra cinco na semana passada com a série As visões da Raven.

Caso Encerrado, que durou apenas duas semanas às 18h30, retornou à grade com a reprise do primeiro programa, em que uma mulher viúva briga com o cunhado pelo esperma do marido morto. Agora às 13h30, o telebarraco latino registrou 3,5 pontos, mesmo índice de quando era exibido no final de tarde, contra 7,4 do Balanço Geral, da Record, e 9,9 da Globo, que exibia Jornal Hoje e Vídeo Show.

De volta à grade diária, às 14h15, após uma temporada às quartas e sábados, Casos de Família manteve os 3,5 pontos e também perdeu para a Record, que marcou 6,3 pontos no confronto. A Globo liderou com 9,1. A edição anterior, exibida no último sábado (8), cravou seis pontos.

Cada ponto equivale a 65 mil domicílios na Grande São Paulo.

 

SBT confirma fim do “Caso Encerrado”; programa durou apenas duas semanas

https://i0.wp.com/natelinha.ne10.uol.com.br/imagem/noticia/c8e152ef54eb501862a70faace48557d.jpg

Durou apenas duas semanas o programa dublado “Caso Encerrado”, da Telemundo, no SBT.

A atração estreou no último dia 17 e a emissora deixou bem claro que seria um teste. O público deveria participar de uma enquete no site dizendo se aprovavam ou não o formato.

Porém, a baixa audiência do programa, na casa dos 3 pontos, foi a principal causa para seu cancelamento.

Segundo grade de programação divulgada pelo SBT, o “Caso Encerrado” já não será mais exibido a partir de segunda-feira (03). Em seu lugar, o canal esticou a exibição de “Chaves”, que voltará a ir ao ar das 18h30 às 19h45.

Mas esse horário deverá ser provisório. No próximo dia 10, o SBT prepara novidades para a faixa das 18h30. Comenta-se que será a volta do “Casos de Família” diário.

Caso Encerrado:

O programa é apresentado pela advogada e psicóloga cubana Ana Maria Polo, e faz sucesso nos EUA desde 2001. Ele seria uma mistura entre o “Casos de Família”, da época de Regina Volpato, e o “Tribunal na TV”.

A atração é considera um êxito mundial, sendo adquirido por mais de 12 países que falam espanhol, como Espanha, Paraguai, Chile, Porto Rico e Honduras, além de outras nações, como o Japão.

NaTelinha

Caso Encerrado deixará a grade do SBT na próxima segunda

 

“Caso encerrado”, na faixa das 18h30, do SBT, entra hoje na sua última semana de exibição…
… Eram apenas 10 episódios. Ainda bem, porque é muito ruim…
… Ainda não existe uma decisão sobre o que vai entrar por ali….
… Nem se pode afirmar que o bom e velho “Chaves” iniciou processo de aquecimento, porque ele já está naquela faixa de horário, antecedendo o “SBT Brasil”.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

James Akel comenta que Caso Encerrado poderá deixar a grade do SBT

Foto: Divulgação / Telemundo

O baixo ibope do programa Caso Encerrado nesta semana pode tirar o show do ar.

É a velha mania do SBT em jogar uma coisa no ar e desejar que dê ibope de qualquer jeito sem se posicionar na grade e nem dar tempo de que a dona de casa entenda o produto.

A reunião de diretoria de ontem pode ter determinado tal ato e podem tirar nesta semana aquilo que é um bom programa no ramo, mas mal posicionado.

Escrito por jamesakel@uol.com.br às 08h12 no dia 20/02/2014

Enfoque Na Telinha : Quanto tempo dura o “Caso Encerrado”?

https://i0.wp.com/natelinha.ne10.uol.com.br/imagem/noticia/c8e152ef54eb501862a70faace48557d.jpg

O SBT estreou na última segunda-feira (17), o programa “Caso Encerrado”, da Telemundo, comandado pela Dra. Ana Maria Polo, que julga os casos apresentados.

Quem teve a oportunidade, ou a infelicidade, de assistir à atração, observou que só o SBT mesmo seria capaz de trazer algo do exterior e dublá-lo. Pior do que isso, é que o “Caso Encerrado” não é nada demais. Os telebarracos produzidos por aqui eram melhores.

Mais uma tentativa desenfreada do SBT em tentar fazer a audiência das 18h30 subir, o que até agora não aconteceu. É uma mudança de público muito brusca. É jornal, policial, novela, série, “Chaves”, nada se firma e acaba que a emissora não tem um público alvo naquela faixa horária.

A consequência disso é mais grave: absolutamente nada do que o SBT coloque naquele horário, trará resultados. Ao menos por enquanto.

O menino do oito, apesar de já não render o que um dia já rendeu, dava seus 4 e 5 pontos com facilidade. Mas o “Caso Encerrado” deu 3 nos dois primeiros dias, e ontem, 4.

A gente já sabe o que acontece quando um programa no SBT vai tão mal no Ibope assim: sai do ar. E depois, volta o “Chaves”? Não há definição. Não há continuidade. Tornou-se um horário perdido.

NaTelinha