Veja os gols de Fortaleza 2 x 1 Ceará – primeiro jogo da final do Campeonato Cearense 2015

No Clássico-Rei de ida, Vozão perde e precisa vencer no próximo domingo

Todos os gols da partida aconteceram no primeiro tempo

Site do Ceará Sporting Club

Ceará derrota o Guarani de Juazeiro : 3 – 0

Desde 2009 o Alvinegro Cearense vem chegando às decisões do Estadual

Site do Ceará Sporting Club

Fortaleza está na final do Campeonato Cearense 2015

Jogando ao lado da torcida e podendo até perder por um gol de diferença, o Fortaleza garantiu a classificação para a final do Campeonato Cearense 2015 com um empate sem gols com o Icasa, ontem, no Castelão.

Apesar das vaias da torcida ao final do jogo, o resultado valeu também a classificação para as copas do Nordeste e do Brasil do próximo ano, como um dos representantes cearenses.

O placar, porém, não define bem a partida. O Tricolor do Pici e o Verdão do Cariri fizeram um jogo movimentado e criaram muitas chances de gol, que pararam nos goleiros ou foram desperdiçadas pelos atacantes, em tarde pouco inspirada.

O Leão foi superior na primeira etapa, mas pecou mais uma vez pela má finalização do seu sistema ofensivo. Cassiano, Tinga e Lúcio Maranhão, que ganhou a vaga de Cássio no ataque, desapontaram diante de Rodolpho. No outro lado, Diego Ceará e Alan tremeram na frente de Deola e não conseguiram empurrar a bola para as redes da equipe anfitriã.

Explorando as costas da defesa tricolor, Núbio Flávio foi lançado e Lima precisou derrubar o artilheiro do campeonato. Cartão vermelho para o zagueiro do Fortaleza, aplicado pelo árbitro Glauco Feitosa, que não titubeou em cima do lance.

Mas o Icasa viu a vantagem numérica desmoronar logo aos nove minutos do segundo tempo. Em um lance despretensioso na lateral do gramado, Da Silva agrediu Everton e foi direto para o chuveiro.

Cansado, sentindo falta da cabeça pensante de Daniel Sobralense – que ficou de fora da partida devido a uma nova lesão – e dependente das arrancadas pela esquerda de Everton, o time de Marcelo Chamusca perdeu campo para os comandados de Vladimir de Jesus, que se jogaram ao ataque. Entretanto, a pontaria imprecisa dos atacantes alviverdes não complicou a partida para o Fortaleza e o placar permaneceu zerado.

Além de Lima, expulso, o time do Pici também perdeu Vinícius Hess para a primeira partida da final do Estadual. O volante recebeu o terceiro cartão amarelo em lance no meio campo, ainda no primeiro tempo.

Final

O Tricolor de Aço espera pelo duelo entre Ceará e Guarani de Juazeiro, que acontece no sábado (18), para conhecer seu adversário na final. No 1º jogo, no Cariri, deu Vovô: 1 a 0. O Vovô pode perder até por um gol de diferença para se classificar.

Se houver Clássico-Rei na decisão, o Ceará terá a vantagem de dois resultados iguais para levantar o troféu. Se o Guarani conquistar a vaga, o Fortaleza é que jogará pelo empate.

As finais do certame estão previstas para acontecer nos dias 26 de abril e 3 de maio.

Chamusca exalta primeiros objetivos

O empate sem gols contra o Icasa foi muito comemorado pelo técnico Marcelo Chamusca. Além do objetivo de chegar à final do Campeonato Cearense, o comandante tricolor destacou as vagas conquistadas para as edições da Copa do Brasil e Copa do Nordeste do ano que vem.

“Estou muito feliz por conseguir a classificação. Conquistar as vagas para a Copa do Nordeste e Copa do Brasil de 2016 foram fundamentais para o Fortaleza. Foi um outro objetivo alcançado”, destaca.

O técnico fez questão de lembrar como encontrou o time no seu retorno ao clube. “Esse resultado me faz recordar quando cheguei ao Fortaleza. Só tínhamos quatro pontos na segunda fase do Estadual. Precisávamos vencer os três jogos seguintes, e conseguimos. No jogo de hoje (ontem), o adversário teve muito mérito pelo que produziu em campo”, comentou ele.

Na avaliação do treinador, a classificação poderia ter sido mais calma. “Cometemos alguns equívocos, o que deixou o Icasa vivo. Poderíamos ter decidido na etapa inicial”, disse.

Página virada

O Leão agora mira o segundo jogo da primeira fase da Copa do Brasil. Na quinta-feira (16), o time enfrenta o River-PI.

“Não espero uma partida fácil. Nosso adversário é um time com características muito parecidas com o Icasa. Chamo de kamikase. Eles se jogam para cima, para matar ou morrer”, brinca.

Sobre poupar atletas para o duelo, Chamusca confirma. “O time titular vai para o jogo. Mas se houver condição de poupar jogadores durante a partida, vou fazer”, concluiu. No jogo de ida, o Fortaleza venceu por 1 a 0.

Messias Borges
Colaborador

Jogada – Diário do Nordeste – 13040215

Tom Barros comenta que o Icasa tem esperança de ser finalista do Campeonato Cearense 2015

Esperança

O Icasa, pela voluntariedade e bons valores, ainda tem alguma condição de sonhar com a vaga na final. Nas três partidas com o Leão, o Icasa ganhou uma por 2 a 0, perdeu uma por 1 a 0 e perdeu esta do mata-mata por 2 x 1. Em nenhuma delas, nada fácil. Placares apertados. E o Leão só conseguiu ganhar com diferença de um gol.

 

Tom Barros – Jogada – Diário do Nordeste – 07/04/2015