Substituta de “Escrava Mãe” vai enveredar por modelo de sucesso da Globo

Rayanne Morais será protagonista da novela "Belaventura" na Record

Rayanne Morais será protagonista da novela “Belaventura” na Record

Não é novidade nenhuma que a Globo, no decorrer dos tempos, produziu grandes sucessos na faixa das 19h, entre romances variados e doses bem calculadas de comédia. Cassiano Gabus Mendes foi um mestre nessa receita, que se transformou em padrão no horário. Tão cedo não deixará de ser explorada. Afinal, continua funcionando muito bem.

Dito isso, para informar que logo depois de “Escrava Mãe”, a Record virá com “Belaventura”, escrita por Gustavo Reiz, apresentada como comédia romântica e com doses de aventura, ambientada num reino medieval. Portanto, apostando suas fichas, nesta mesma faixa das sete, no modelo de sucesso da concorrente.

Encontraremos por lá um príncipe apaixonado por uma plebeia (Rayanne Morais) e as barreiras em torno desse amor. No mesmo castelo, um dos protagonistas será o bobo da corte, e para este papel existe a procura por um nome de peso na praça, porque as cenas divertidas ficarão sob responsabilidade desse personagem, principalmente.

A sinopse apresentada por Gustavo Reiz causou a melhor das impressões junto à parceria Record-Casablanca, e o investimento no projeto irá superar o de “Escrava Mãe”.
O elenco reúne ainda Juliana Didone, Angelina Muniz, Paulo Gorgulho, Esther Goes, Giuseppe Oristânio, Thierry Figueira, Bemvindo Sequeira, Victor Pecoraro e Kátia Moraes. As gravações devem começar em dezembro.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Especial de fim de ano de Bosco Brasil na Rede Record muda de nome

 

O especial de Bosco Brasil, “Natal de Arrepiar”, sofreu alteração de título na Record. Agora, passa a se chamar “Noite de Arrepiar”. André Mattos, Castrinho e Bemvindo Sequeira também foram confirmados em seu elenco.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Bemvindo Sequeira, o Dorivaldo de “Dona Xepa”, renova com a Record

https://i2.wp.com/natelinha.ne10.uol.com.br/imagem/noticia/d58079a0a2499d05e2159bef54d569f4.jpg

Bemvindo Sequeira renova com a Record – Divulgação

Atualmente no ar em “Dona Xepa”, na pele do boa praça Dorivaldo, Bemvindo Sequeira acaba de renovar seu compromisso com a Record.
O ator, que está na emissora desde 2006, agora é exclusivo da casa por mais cinco anos e seu novo acordo passa a expirar em 2018. Seu atual contrato estava prestes a vencer e, caso não fosse renovado, chegaria ao fim junto com o término das gravações de “Dona Xepa”, o que está previsto para ocorrer em até duas semanas.
Apesar de ser um dos principais nomes da casa, a renovação de Bemvindo Sequeira é uma das poucas que estão acontecendo na Record. A emissora tem optado por enxugar seu casting. Nomes como Letícia Colin (“Vidas em Jogo”, “A História de Ester”, “Chamas da Vida” e “Luz do Sol”) e Victor Fasano (“Ribeirão do Tempo”) tiveram seus compromissos rescindidos amigavelmente. Outros, no entanto, chegam a pedir para sair ou devem se recusar a renovar por conta da falta de perspectiva para novos trabalhos.
Dramaturgia:
Com 65 anos, Bemvindo Sequeira é um dos atores mais engajados do casting da Record. Em sete anos, ele emplacou sete personagens, sendo cinco fixos em novelas. Dentre seus maiores destaques estão o mordomo Juarez, de “Luz do Sol”, o sambista Clemente, em “Bela, a Feia”, e o vilão bem humorado Novais, em “Máscaras”.
Além de estar sempre no ar, o veterano ator também mantém um blog no portal da Record. Diferente de vários contratados da casa, que chegam a passar um ano sem atualizar seus sites, Bemvindo faz questão de atualizá-lo quase que diariamente.
Carreira:
Antes de chegar à Record, Bemvindo Sequeira vinha se dedicando pouco às novelas. Seus últimos trabalhos haviam sido em “Mandacaru”, em 1997, e depois em “Kubanacan”, de 2003. Entretanto, sua carreira no teatro e no cinema já vem de mais de 30 anos de dedicação e de importantes projetos.
NaTelinha

Cenários da novela “Dona Xepa” serão reaproveitados de “Rebelde”

https://i0.wp.com/natelinha.ne10.uol.com.br/imagem/noticia/8b34f28fb81a8c305124bc119c3094d0.jpg
Como parte da missão de reduzir os custos do Recnov, “Dona Xepa” terá praticamente toda sua cenografia vinda de “Rebelde”, encerrada em 2012.
A equipe de direção do novo folhetim, que é a mesma da trama adolescente, reformou a maioria dos cenários e criou outros poucos. O Elite Way, as salas das casas dos personagens Pedro (Micael Borges), Cilene (Karen Marinho) e o quarto de Roberta (Lua Blanco) foram alguns dos cenários que receberam pequenas reformas e foram adaptados para a nova produção. Alguns itens do mobiliário também estão sendo reutilizados.
A cidade cenográfica de “Dona Xepa” será exatamente a mesma de “Rebelde”. O local recebeu alguns retoques mas a estrutura física é a mesma da época em que o folhetim de Margareth Boury estava no ar.
As semelhanças de “Dona Xepa” com “Rebelde” não se limitam nos cenários e na direção. Vários atores do elenco de “Rebelde” estão nesta nova novela. É o caso de Arthur Aguiar, Pérola Faria, Rayana Carvalho, Augusto Garcia, Diego Montez e Ana Clara Pintor. Eles se juntarão a um time que recebeu reforços de nomes mais experientes, como é o caso de Angela Leal, Ittala Nandi, Manoelita Lustosa, Bemvindo Sequeira e Angela Muniz, além dos recém-chegados Maurício Mattar e Guga Coelho.
NaTelinha

“Balacobaco” já supera audiência de “Máscaras”; confira

Completando seis meses no ar no próximo dia 7, “Balacobaco” já acumula índices de audiência mais expressivos que o de sua antecessora “Máscaras” considerando as 25 semanas iniciais de cada uma.

A novela de Gisele Joras vem cumprindo a árdua tarefa de elevar o Ibope do horário, que com a trama de Lauro César Muniz chegou a índices jamais vistos e acarretou em uma série de mudanças na casa, como a destituição do diretor-geral Ignácio Coqueiro e a do diretor de núcleo Hiran Silveira.

As gêmeas Diva (à esquerda, Bárbara Borges) e Dóris (Roberta Gualda) em cena de “Balacobaco”
Divulgação/Record
Considerando dados prévios da Grande São Paulo, “Balacobaco” acumula média de 6,6 pontos até a última quinta-feira (21). “Máscaras”, neste mesmo período, o qual inclusive ia ao ar sua penúltima semana, alcançou 5,9 pontos.
Apesar do crescimento, “Balacobaco” está longe dos patamares antigos da Record. O folhetim sequer tem seu desempenho comparado com o de “Ribeirão do Tempo”, uma das novelas de menor audiência da faixa das 22h e que registrou 11 pontos de média-geral.
Também percebe-se da atual trama em cartaz uma estagnação em seus índices. Houve crescimento após a virada do ano e chegou-se ao ápice de 9 pontos de média semanal em fevereiro. Entretanto o fôlego se perdeu e o folhetim caiu para 8 e 7 pontos nas semanas seguintes. Desconsiderando o índice de sexta-feira, nesta semana “Balacobaco” tinha média semanal acumulada de 8 pontos.

Novaes (Bemvindo Sequeira) e Eliza (Paloma Duarte) em “Máscaras”
Divulgação/Record
Caso “Balacobaco” tivesse chegado ao fim nesta última sexta-feira (22), seus índices só seriam mais expressivos que os de “Alta Estação”, “Máscaras” e a segunda temporada de “Rebelde”, todas igualadas em 6 pontos. Os índices do folhetim dirigido por Edson Spinello ainda são insuficientes sequer para bater “Luz do Sol” e “Promessas de Amor”, que tiveram 9 pontos e que enfrentavam dificuldades como a disputa direta com a novela das nove e, no caso de “Promessas”, o desgaste acumulado de dois anos de “Os Mutantes” no ar.

Record contrata ator ex-“Malhação” para remake de “Dona Xepa”

https://i1.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20130107203939.jpg

Divulgação

 

A Record segue reforçando seu casting de atores para a novela “Dona Xepa”.
Desta vez, a emissora contratou Guga Coelho, que esteve na última temporada de “Malhação” com o personagem Vitinho. Este foi o terceiro personagem do ator na novela da Globo.
Ainda não se sabe qual será o papel de Guga em “Dona Xepa”.
A trama já está com seu elenco praticamente fechado, e tem nomes como Pérola Faria, Bemvindo Sequeira, Luiza Tomé, Mauricio Mattar, Thais Fersoza, Arthur Aguiar (ex-Rebelde), Giuseppe Oristaneo e Alexandre Barilari, além de Ângela Leal, que fará a personagem-título.
Dona Xepa” será remake da peça teatral de Pedro Bloch, que serviu de base para o folhetim de Gilberto Braga, protagonizado por Yara Cortes em 1977 na Globo.
Além desta, a rede carioca também fez um remake, batizado de “Lua Cheia de Amor”, em 1990.
A novela tem estreia prevista para o primeiro trimestre de 2013 na Record. A autoria é de Gustavo Reiz e a direção-geral de Ivan Zettel.
natelinha

Definido o elenco de Dona Xepa

O elenco da “Xepa” está todo escalado. Além da Ângela Leal, estão fechadas as participações de Thais Fersoza, Arthur Aguiar, Alexandre Barilari, Bia Montez, Castrinho, Manoelita Lustosa, Giuseppe Oristaneo, Marcela Muniz, Alessandra Loyola, Pérola Faria, Bemvindo Sequeira, Luiza Tomé, Mauricio Mattar, Marcio Kieling, Rayana Carvalho, Ítala Nandi, Gabriel Gracindo, Léa Garcia, José Dumont, Augusto Garcia e Diego Montez. Direção do Ivan Zettel.
Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Portal Recordista entrevista Bemvindo Sequeira

O entrevistado desta vez será nada mais nada menos que, Bemvindo Sequeira.
 Nascido em (Carangola, 27 de julho de 1947) é ator, humorista, autor e diretor.
Desde 2006, o ator é contratado da Rede Record. Seu trabalho mais recente foi como Novais em  Máscaras.
  Também é blogueiro do R7,  onde mantém o blog “Bemvindo Sequeira”
 Na entrevista ele fala do inicío de sua carreira, de seus planos para 2013 dentro da Record, dos seus dois últimos personagens na emissora e da cena hilária entre ele e Giselle Itié.
Vale a pena conferir.
Portal Recordista – O que o inspirou a se tornar um Ator ?
Na verdade tornei-me ator por acaso, na luta contra a Ditadura. Montamos uma peça para “conscientizar” o povo em 1966, e daí fui ficando rsrsrs.
Portal Recordista – Quantos anos você tinha quando começou a sua carreira de ator?
18 anos.
Portal Recordista – Qual das carreiras você mais gosta de praticar, ator, comediante ou diretor ? 
Ah , são todas maravilhosas.
Portal Recordista – Há 6 anos na Record, tem algum papel que gostaria muito de fazer e ainda não teve chance?
Não. Vou fazendo o que me convidam, na Record, sempre com muita gana e atenção, e carinho e reconhecimento.
Portal Recordista – Você participou da “Escolinha do Professor Raimundo” em 1993. Nos dias de hoje, você toparia participar da “Escolinha do Gugu” em um possível convite?
Sim, claro, com muito gosto. Gosto muito do Gugu e do Homero , diretor da Escolinha, e do formato do programa.
Portal Recordista – Quais os planos do Bemvindo para 2013 na Record? Já tem algum projeto em vista?
A Record deve vir com muitos projetos novos de teledramaturgia em 2013, espero estar em pelo menos um deles, não sei qual. O que vier  fico feliz.
 
Portal Recordista – Quando termina seu contrato com a Rede Record? Caso esteja perto de acabar, já houve manifestação por parte da Record em renovar?
Meu contrato termina só no fim de 2013. Espero continuar na Record. 
 
Portal Recordista – Dentre os papeis mais recentes, que o público costuma lembrar com mais facilidade, qual deles você mais gostou de interpretar, Clemente Palhares em “Bela, a feia” ou Novais em “Máscaras”?
Os dois se complementam. Clemente foi um marco na minha carreira. Mudou meu estilo de representar em TV, e Novais completou esta mudança.
Portal Recordista – Máscaras foi uma novela genial do Lauro César Muniz. Um texto inteligente. Diálogos complexos misturados com temas também complexos. Muitos assuntos, fora do “popular”. A mídia, claro, resolveu atacar e criticar a novela por conta de números de audiência. Cometendo um erro comum entre os que se dizem críticos de televisão, ao taxar a novela como fracasso. Até que ponto índices de audiência, que ao meu entender só serve para quantificar e jamais para qualificar uma novela como boa ou ruim, podem interferir no trabalho de uma equipe de uma novela com a qualidade que foi Máscaras?
Interfere muito. Se não tivermos bons líderes de elenco, direção e técnicos, podemos entrar em baixa estima. Não tivemos baixa estima em Máscaras, apesar de massacrados pela mídia a soldo da concorrência. Porque tivemos muita liderança e muita fraternidade entre todos nós.
Portal Recordista – Ainda em “Mascaras”, Você contracenou com Gisele Itié em uma cena pra lá de engraçada. Qual foi a maior dificuldade pra executar a cena?
A minha resistência inicial em despir-me. O pudor natural de um sessentão. Mas aí… de repente… na hora de gravar joguei o pudor fora e me entreguei total à ação do personagem.

Portal Recordista – Agora não é bem uma pergunta, mas gostaria de aproveitar a oportunidade para agradecer tamanha gentileza em aceitar essa entrevista. E dizer que esse seu trabalho em Máscaras foi espetacular. Novais foi realmente um personagem que transitava entre o bem e o mal. A ambigüidade que eu notava em suas ações era incrivelmente fascinante. Um certo carinho que ele nutria pela Eliza Rainha durante a novela, ajudava a equilibrar a maldade e o sadismo que ele tinha. E protagonizou cenas fortes e também hilárias. Um trabalho que, somente um ator despido de qualquer pudor ou vaidade pode fazer. E você fez esse trabalho como ninguém. Parabéns e obrigado pela oportunidade de aplaudir de pé um trabalho tão denso como foi o seu na novela do sempre genial Lauro César Muniz que sempre deixou muito claro aos meus humildes olhos de telespectador, a marca de suas rubricas. Eu suponho que um texto assim, sempre bem marcado tenha ajudado e facilitado o trabalho do elenco.
Eu que agradeço sua gentileza, e a oportunidade das suas perguntas. Boa sorte, sucesso sempre para este Portal que sigo e recomendo. Abraços

Bemvindo Sequeira.
Twitter – @Bemvindo_ator

Toda equipe do Portal Recordista agradece ao Bemvindo pela disposição e confiança depositado a nós.

Rafael Oliveira
Diretor Geral de conteúdo e redator.
Twitter – @FaeelOliiveira
 
Colaboradores:
 
Fagner de Oliveira
Presidente fundador.
Twitter – @_fagnera
 
Fagner Vilela
Vice-presidente fundador
Twitter –  @FagneerVileela
 
André Lima
Um Grande Parceiro.
Twitter – @andrem1lima

Bemvindo Sequeira está no remake de Dona Xepa

Gustavo Reiz, autor da Record, responsável pela adaptação de “Dona Xepa”, depois de um encontro com a direção da teledramaturgia, ficou de fazer alguns ajustes nos primeiros capítulos da novela.

Aliás, a propósito de “Dona Xepa”, o ator Bemvindo Sequeira também foi confirmado em seu elenco.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery