Coritiba 0 x 0 Bahia

 

Audiência da novela Escrava Mãe aumentou em Pernambuco, na Bahia e no Ceará

7ed4f-mapa_regiao_nordeste3

Subiu bem

O horário de verão, ou no caso a falta dele em algumas regiões, vem contribuindo bastante para os resultados de “Escrava Mãe”. A novela observou crescimento importante em estados como Pernambuco, Bahia e Ceará.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Alerta de ressaca do mar e ondas de até três metros vai até terça-feira

Capitania dos Portos recomenda atenção aos navegantes.
Em caso de necessidade, organizações militares poderão ser acionadas.

Bandeira do estado de Sergipe

O Centro de Hidrografia da Marinha do Brasil informa que o alerta de ressaca do mar continua até às 9h da próxima terça-feira (28). O aviso está válido desde às 18h do sábado (25) para toda a área litorânea dos estados da Bahia e Sergipe, com previsão de ondas entre 2,5 e 3 metros de
altura. A Capitania dos Portos recomenda atenção aos navegantes.

Em caso de necessidade, as organizações militares responsáveis pela segurança da navegação na área marítima poderão ser acionadas, em qualquer horário, por meio da Capitania dos Portos de Sergipe (79) 3711-1646 ou do Salvamar Leste 0800-284-3878 (operado pelo Comando do 2º Distrito Naval em Salvador).

 

G1.COM.BR

Enterrado mototaxista atingido por caminhão desgovernado em Salvador

Sepultamento ocorreu na tarde desta quinta-feira, em cemitério de Periperi.
Corpo de homem que estava na garupa da moto permanece do DPT.

Bandeira do estado da Bahia

Foi enterrado na tarde desta quinta-feira (9), em Salvador, o corpo do mototaxista Fabrício Alves dos Santos, de 28 anos, que morreu após ser atingido por um caminhão desgovernado no bairro de Praia Grande. O sepultamento ocorreu no cemitério municipal de Periperi e contou com a presença de amigos e parentes da vítima.

Colegas do mototaxista que morreu em acidente usaram camisetas em homenagem à vítima (Foto: Maiana Belo/G1)
Colegas do mototaxista que morreu em acidente
usaram camisetas em homenagem à vítima.
(Foto: Maiana Belo/G1)

Colegas mototaxistas de Fabrício fizeram um buzinaço durante a chegada no cemitério em homenagem à vítima. Amigos usaram também camisetas com a foto do rapaz durante o enterro. “Era um grande amigo, trabalhador. É uma perda muito grande para nós”, disse o colega Silvio Fontes.

O homem que estava na garupa da moto pilotada por Fabrício no momento do acidente, Roque Mário de Jesus, de 40 anos, também morreu. Até a tarde desta quinta, o corpo dele permanecia no Departamento de Polícia Técnica (DPT). A assessoria do órgão informou que o corpo aguarda liberação.

O acidente ocorreu na Rua Pedro Lopes, na quarta-feira (8). Após atingir as duas vítimas, o caminhão invadiu uma residência e outras seis pessoas ficaram feridas, entre elas o motorista do veículo, Juscelio Ramada da Silva, e o ajudante do motorista, Fernando Costa de Souza. O estado de saúde deles não foi informado.

Mototaxistas fizeram buzinaço em homenagem à colega morto em acidente (Foto: Maiana Belo/G1)
Mototaxistas fizeram buzinaço em homenagem à
colega morto em acidente (Foto: Maiana Belo/G1)

Fotos do imóvel invadido mostram a destruição provocada pelo acidente. As imagens feitas antes e depois da tragédia mostram que o imóvel tinha uma varanda protegida por portão e telhado, além de árvore no passeio. Tudo foi destruído após a colisão.Moradores tiveram que deixar a residência após o acidente por causa do risco de desabamento do imóvel.

O caminhão continua no local nesta quinta-feira (9), aguardando o término da análise de terreno da Defesa Civil de Salvador. “Quando retirar o caminhão, vamos fazer uma nova análise. Ver se o escoramento vai mesmo funcionar, se não vai haver nenhuma movimentação estranha, ou seja, um agravamento do risco de queda”, afirmou o engenheiro da Defesa Civil, Antônio Figueiredo.

Antes e depois de imóvel atingido por caminhão em Praia Grande, em Salvador (Foto: Reprodução / TV Bahia)
Fotos mostram antes e depois de imóvel atingido por
caminhão em Salvador.(Foto: Reprodução / TV Bahia)

Luciano Brito, supervisor da Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador), diz que o tráfego de caminhões no local do acidente é proibido por causa da inclinação da ladeira. “Tem uma sinalização que foi colocada pelo órgão, onde proíbe carro acima de quatro toneladas descer. A sinalização foi verificada e não existe mais no local, possivelmente foi retirada por alguém”, diz.

Uma sobrinha de Roque Mário de Jesus detalha que o tio retornava do trabalho quando a tragédia ocorreu. “Eu tinha acabado de falar com minha cunhada. Ele estava na feira trabalhando com ela, tinha subido para ir em casa. Estava na carona do mototáxi”, afirma. O condutor do motáxi,  Fabrício Alves dos Santos, de 28 anos, também morreu.

Acidente deixou duas pessoas mortas em Praia Grande, subúrbio de Salvador, Bahia (Foto: Polícia Militar / Divulgação)
Acidente deixou duas pessoas mortas em
Praia Grande, subúrbio de Salvador, Bahia.
(Foto: Polícia Militar / Divulgação)

Acidente
O acidente aconteceu por volta das 10h30. De acordo com informações da Polícia Militar, o caminhão passava pela ladeira do Cruzeiro quando atingiu um mototaxista e seu cliente e, em seguida, acertou o imóvel. As vítimas foram Fabrício Alves dos Santos, de 28 anos, e Roque Mário de Jesus, de 40, que morreram na hora.

Entre os seis feridos no acidente estão o motorista do caminhão, um ajudante que estava com ele no momento do acidente. Os ocupantes do caminhão chegaram a ficar presos às ferragens. Todos os feridos foram socorridos pelo Samu para hospitais não informados. Não há detalhes do estado de saúde da vítimas.

 

G1.COM.BR