Rede Record e Academia de Filmes voltaram a se entender

 

Parece que Record e a Academia de Filmes voltaram a se entender. Assim seja…

… Já era muito grande a preocupação com a continuidade da série “Milagres de Jesus”.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Crise em “Milagres de Jesus” não impede Record de planejar nova temporada

https://i0.wp.com/natelinha.ne10.uol.com.br/imagem/noticia/0b4480ad915b24cfc18c6422389fb212.jpg
Caio Junqueira é um dos destaques do elenco de “Milagres de Jesus” – Divulgação/Record
Mesmo tendo grandes problemas para seguir adiante com “Milagres de Jesus”, primeira grande produção da Record com a parceria de uma produtora (a Academia de Filmes), existem planos ainda maiores para o projeto.
Segundo a coluna Controle Remoto, a Record planeja uma segunda temporada mesmo sem sequer tendo terminado a primeira.
Até então, existem várias incertezas quanto a “Milagres de Jesus”. As gravações foram suspensas antes do Natal e o elenco segue sem orientações.
Rumores indicam que o acordo com a Academia de Filmes está próximo do fim e que funções da produtora já estão sendo desempenhados pela própria casa.
A maior razão para a crise entre as duas empresas é o orçamento. O valor destinado para a produção de 20 episódios foi gasto com apenas seis.
NaTelinha

Crise em “Milagres de Jesus” amarga fim de ano na Record

https://i0.wp.com/natelinha.ne10.uol.com.br/imagem/noticia/0b4480ad915b24cfc18c6422389fb212.jpg
Ator Caio Junqueira grava “Milagres de Jesus” no Piauí: orçamento estourado prejudica relação da Record com a Academia de Filmes – Divulgação/Record
O fim de ano na Record, que foi marcado por várias contenções de despesas e até mesmo pela suspensão de brindes aos funcionários, tem um novo fato negativo que atende pela produção de “Milagres de Jesus”.
A série, que é o primeiro grande fruto da nova estratégia de terceirização e da parceria com a Academia de Filmes, não vai bem por questões financeiras e de relacionamento entre as duas empresas.
Segundo o jornalista Daniel Castro, existem seis episódios prontos e mais dois em gravação dos 18 previstos. No entanto, o orçamento proposto para todo o projeto já estourou. Até mesmo uma reunião chegou a ser realizada nesta terça, em plena véspera de Natal, para se analisar a crise.
A Record, por um lado, não aceita uma temporada menor e são vários os culpados pela situação ter chegado a tal ponto. O diretor-geral João Camargo é um deles, por ter tentado imprimir uma produção de cinema à TV. A Academia de Filmes também não teria contribuído para situar o diretor na realidade a qual estavam inseridos. Fala-se também que o próprio roteiro exige um orçamento maior para ser bem executado.
O contexto atual de “Milagres de Jesus” é totalmente diferente da última produção bíblica feita pela Record, “José do Egito”, que tinha um orçamento consideravelmente mais vantajoso e que foi feita apenas por profissionais da casa.

Rede Record fará programas sem abrir mão do controle artístico

 

A Record vai trabalhar com produtoras independentes, como a Academia de Filmes, Panorâmica e Casablanca, entre outras, na realização dos seus especiais de fim de ano.

Mas sempre deixou claro que não abrirá mão do controle artístico. Tudo funcionará sob a sua responsabilidade.

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Rede Record prepara com grande velocidade seriado sobre milagres de Jesus Cristo

 

O diretor João Camargo e a empresa Academia de Filmes continuam trabalhando em ritmo forte na produção e escolha de elenco da minissérie “Milagres de Jesus Cristo”, em 18 episódios com histórias diferentes, que começa a ser gravada entre outubro e novembro.

Em “A Mulher Encurvada”, o segundo deles, os protagonistas serão Roberta Gualda e Thierry Figueira.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Rede Record poderá gravar seriado Milagres de Jesus no Paraná e no Piauí

 

Se o orçamento permitir, a parceria Record-Academia de Filmes irá rever a proposta de gravar inteiramente no Rio a minissérie “Milagres de Jesus”.

Os trabalhos poderão acontecer também no Paraná e no Piauí. De qualquer forma, a produção terá direito ainda a uma cidade cenográfica no Recnov.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Academia de Filmes será parceira da Record para produção de seriados

 

A produtora Academia de Filmes montou uma base de operações nas proximidades do Recnov, no Rio. Isso indica que a parceria com a Record não ficará limitada à minissérie “Milagres de Jesus”.
Está praticamente certo que esta mesma empresa irá responder, também, por um especial de fim de ano de Bosco Brasil. Só falta assinar contrato.


Antiga parceira da Record, a produtora Casablanca, do Pedro Siaretta, também vai participar desse novo momento da sua teledramaturgia.
No caso, como responsável pelo especial da Letícia Dornelles.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Milagres de Jesus será gravada no RECNOV

A Academia de Filmes pretende realizar toda a minissérie “Milagres de Jesus” no complexo Recnov, da Record, no Rio, até como fator importante de economia em gastos de produção.

Calcula-se que cada um dos 18 episódios irá reunir mais de 10 atores, o que deverá movimentar aproximadamente 200 no total.

Ficamos assim. Mas amanhã tem mais. Tchau!

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos NERY