#Retrospectiva2019 Cuiabá campeão da Copa Verde de 2019

JOGO DA IDA

Paysandu é cirúrgico e vence o Cuiabá no jogo de ida da final da Copa Verde

Papão se defende, demonstra cansaço, mas Nicolas marca de cabeça e dá vantagem para time paraense. Dourado precisa vencer no Mangueirão para ser campeão

Papão sai na frente

Paysandu venceu Cuiabá na ida da final da Copa Verde

Paysandu venceu Cuiabá na ida da final da Copa Verde (Foto: AssCom Dourado)

Mesmo com menos posse de bola e com menos chances de gol, o Paysandu venceu o Cuiabá por 1 a 0 e saiu na frente na disputa da final da Copa Verde. O jogo de ida foi realizado na Arena Pantanal e mostrou o poder de superação do time paraense, que chegou na capital mato-grossense horas antes da partida. Dourado precisará vencer no Mangueirão para ser campeão. Gol do jogo foi marcado por Nicolas.

O que precisam?!

Com a vitória, o Paysandu joga pelo empate em casa, na volta, para ser campeão. O Cuiabá precisa vencer por dois ou mais gols de diferença para levantar a taça. Vitória Auriverde por um gol de diferença, leva a decisão para os pênaltis.

Próximos compromissos

O Cuiabá volta a campo no domingo diante do Figueirense, pela Série B do Campeonato Brasileiro. O jogo será no Orlando Scarpelli, às 17h30 (de MT). O Paysandu joga somente na próxima quarta-feira a volta da final da Copa Verde diante do Cuiabá, no Mangueirão, às 21h (de Brasília).

Primeiro tempo

O Cuiabá, jogando em casa e com mais ritmo de jogo, dominou as ações no primeiro tempo. Teve ampla vantagem na posse de bola, mas falhou nas finalizações. Felipe Marques foi quem mais arriscou chutes. O Paysandu chegou poucas vezes em contra-ataque e nas bolas paradas.

Felipe Marques foi o principal finalizador na partida

Felipe Marques foi o principal finalizador na partida (Foto: Ascom Cuiabá)

Segundo tempo

A etapa final foi um pouco diferente. O Paysandu se mostrou mais equilibrado e conseguiu aparecer mais no ataque. Tanto que marcou o gol com Nicolas, depois da cobrança de falta. O Cuiabá seguiu com jogadas de velocidade pelos lados do campo e com cruzamentos na área, que facilitaram o corte pela defesa Bicolor. O jogo foi mais aberto no segundo tempo.

Cuiabá x Paysandu, final Copa Verde

Cuiabá x Paysandu, final Copa Verde (Foto: AssCom Dourado)

Público e renda

Público total: 11.973

Renda bruta: R$ 150.695,00

Bicampeão!

NOS PÊNALTIS, CUIABÁ VENCE O PAYSANDU E GARANTE TÍTULO DA COPA VERDE 2019

No Mangueirão, Dourado devolveu o 1 a 0 do jogo de ida e levou a melhor nos pênaltis: 5 a 4. É o segundo título da equipe mato-grossense

A Copa Verde é dourada! Nesta quarta-feira (20), o Cuiabá devolveu o placar de 1 a 0 do jogo de ida ao Paysandu, no Mangueirão, e levou a decisão da competição para os pênaltis. Da marca da cal, o time mato-grossense venceu por 5 a 4 e garantiu seu bicampeonato no torneio regional.

O Dourado também foi campeão da edição de 2015, na histórica virada diante do Remo (derrota por 4 a 1 na ida, e vitória por 5 a 1 na volta). Nesta temporada, a campanha do título soma quatro vitórias, três derrotas e um empate.

O jogo

Como não poderia ser diferente, a grande decisão começou bastante disputada e com muita intensidade. O Paysandu, apesar da vantagem construída no jogo de ida, pressionou logo nos primeiros minutos, mas sem criar chances real de gol. A primeira boa oportunidade mesmo só saiu aos 22 minutos, quando Tomas Bastos recebeu na entrada da área e chutou colocado, vendo a bola passar tirando tinta da trave. Depois, aos 30, Nicolas desviou de cabeça e acertou o travessão. O Cuiabá também teve boas chegadas, mas sem sucesso na pontaria. Djavan quase marcou aos 28, mas mandou para fora. E, aos 37, Paulinho cruzou, e Jefinho apareceu bem na área, mas foi parado em boa defesa de Giovanni.

Na volta do intervalo, o jogo seguiu equilibrado. No entanto, o Dourado foi quem criou mais chances para tentar o gol e levar a decisão para os pênaltis. Em uma das chegadas, Gutiérrez cruzou da direita, e Felipe Marques desviou de cabeça por cima do gol. Depois, Jefinho recebeu de costas para o gol, girou rápido e finalizou rente ao travessão. Com a vantagem, o Paysandu foi segurando a pressão do Cuiabá e ainda ficou perto de marcar aos 39 minutos, com Nicolas, que viu a bola explodir na trave. A equipe mato-grossense não desistiu de buscar o gol e, já aos 49, Escudero lançou na área, Paulinho desviou de cabeça ainda da entrada da área e encobriu Giovanni para empatar o jogo: 1 a 1.

Sem mais tempo para viradas, a decisão foi para os pênaltis, com o Dourado levando a melhor: 5 a 4. Logo na primeira, Ednei viu Giovanni defender. Depois, o Cuiabá converteu com Gutiérrez, Escudero, Alex Ruan, Paulinho e Felipe Marques (já nas alternadas). O Paysandu marcou com Leandro Lima, Thiago Primão, Tony e Micael – enquanto Caíque Oliveira e Nicolas desperdiçaram.

Informações do Globo Esporte e CBF

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.