Atlético Mineiro 1 x 2 Fluminense

O JOGO

100%

O Fluminense foi eficiente no ataque: marcou dois gols em dois minutos, no primeiro tempo. E também na defesa: segurou a pressão do Atlético-MG (que abusou dos gols perdidos) em quase todo o confronto deste domingo, no Independência, inclusive com um jogador a menos desde os 34 do segundo tempo. A vitória por 2 a 1, além de coroar uma boa atuação, manteve o time de Abel Braga com 100% de aproveitamento. Só perde a liderança do Brasileirão nos critérios de desempate.

DESTAQUE

CLASSIFICAÇÃO E MARCA DE ABEL

Foi a primeira vitória do Flu contra o Galo no Independência na história do Brasileirão. Justo no jogo de número 250 de Abelão pelo clube. Com seis pontos, está na segunda posição – perde no saldo (4 a 2) para o Grêmio. O Atlético-MG, que não perdia em casa há 11 partidas, é o 14º, com um ponto.

DESTAQUE

PRÓXIMOS JOGOS

O Atlético-MG volta a campo na quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), no Couto Pereira, diante do Paraná, o primeiro jogo das oitavas de final da Copa do Brasil. O Flu, no sábado, às 19h, encara o Vasco, em São Januário, pela terceira rodada do Brasileiro. O Galo, domingo, às 11h, no Independência, recebe a Ponte Preta.

DESTAQUE

PRIMEIRO TEMPO

O Atlético-MG teve mais volume de jogo, mas o Fluminense foi mais efetivo. Com mais posse de bola (56% a 44%), o Galo buscou o gol, especialmente pela esquerda, nas investidas de Otero e Fábio Santos – aparentou não sentir falta de Robinho, machucado. O Tricolor, com Nogueira no lugar de Renato Chaves, e os retornos de Lucas e Orejuela, conseguiu se defender com eficiência. Marcos Rocha, então, cometeu pênalti em Richarlison. Henrique Dourado converteu. No lance seguinte, Dourado cruzou, Marcos Rocha falhou na marcação e Richarlison ampliou de cabeça. O centroavante do time carioca falharia na marcação de um escanteio. Deixou Gabriel livre, que descontou pouco antes do intervalo.

DESTAQUE

SEGUNDO TEMPO

Atrás no placar, Roger mudou o Galo. Apostou em Maicosuel no lugar de Rafael Carioca. O meia fez boa jogada logo no começo, com Fred levando perigo em chute de fora. O Flu respondeu com ótima jogada de Scarpa, pela primeira vez como titular após a lesão no pé direito. O camisa 10 serviu Dourado, que finalizou para milagre de Victor. O Atlético-MG sem conseguir pressionar, alterou a forma de jogar: Rafael Moura entrou e passou a receber cruzamentos. Em um deles, escorou a Maicosuel, que perdeu gol feito dentro da área. Mas o time carioca conseguiu se defender e conquistou grande vitória mesmo com um a menos: Sornoza, torceu o tornozelo esquerdo, e precisou deixar o campo aos 34 minutos, período no qual Abel já tinha feito as três trocas. No total, o Galo teve 18 finalizações e oito chances de gol – contra 14 e 5 do Flu.

DESTAQUE

HENRIQUE DOURADO

Ao marcar neste domingo, o Ceifador chegou a três gols. É o artilheiro do campeonato. Ele ainda deu bela assistência a Richarlison.

DESTAQUE

FRED

Desde que deixou o Flu, Fred enfrentou o ex-clube pela segunda vez. Soma duas derrotas e nenhum gol marcado. Pelo Galo, na temporada, tem 17 gols em 20 jogos.

GLOBO ESPORTE.COM

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.