TV Record desrespeitou acordo feito com a TV Aparecida

 

Curto-circuito Na semana que passou, o “Jornal da Record” exibiu uma série em que crianças são aliciadas sexualmente em troca de dinheiro, comida e até óleo diesel na Ilha de Marajó. Trabalho este que contou com imagens de uma reportagem da TV Aparecida, de 2015, sobre o mesmo tema. A Record, porém, só tinha autorização para mostrar imagens, e não o áudio. Só que usaram tudo. Acordo não cumprido. Depois de notificada e depois da Inês morta, sumiu com tudo, até do seu site.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.