Brasil é o país do faz de conta no campo das concessões de rádio e TV

Resultado de imagem para demonio na Igreja Universal

Para qualquer mortal, aqui no Brasil, se habilitar a uma concorrência de emissora de rádio ou televisão, uma penca de documentos é solicitada para comprovar a sua idoneidade. Só exame de próstata e chapa do dedão do pé é que não.

Aí, como passo seguinte, o feliz contemplado, concessão nas mãos, aluga esses canais, quase que por inteiro, para aquele que aparecer com a melhor oferta. Para a subconcessão, ficha suja ou não, só a conta bancária é que importa. Às vezes, nem  isso. Basta ter dinheiro.

Rádio à parte, onde a bandalheira é quase completa, no campo da TV, os canais CNT e 21 aparecem como os dois piores exemplos para o acima colocado. Ambos são inteiramente alugados por uma igreja, por acaso a mesma, nas 22 horas do dia.

As duas que sobram são usadas para não caracterizar o ilícito. Uma vergonha. Pior é que nenhum cristão, entre os tantos governos, o que aí está e os que passaram, se dignou ou teve coragem de botar ordem nisso.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.