Santa Cruz(PE) 3 x 1 Confiança(SE)

08/03/2016 23h23 – Atualizado em 09/03/2016 00h08

Santa leva susto, mas ataque funciona e assegura vitória sobre Confiança

Tricolor empatava com sergipanos, mas gols de Keno e Bruno Moraes levaram ao triunfo (3 a 1), elevando chances de se classificar; Confiança está alijado do torneio

Parecia que ia ser fácil, mas no final teve de ser na raça. O Santa Cruz fez um primeiro tempo tranquilo, mas quase se complica na segunda etapa. O Arruda viveu momentos de tensão, esta terça-feira à noite, mas, o Tricolor saiu de campo com os três pontos. Com isso, chegou a 10. A classificação para a próxima fase da Copa do Nordeste depende, praticamente, de um empate contra o Bahia, na última rodada, fora de casa, por meio da ala dos três melhores segundos colocados. Tiago Costa, Keno e Bruno Moraes fizeram para os donos da casa. Caíque marcou o de honra para o Dragão, lanterna do Grupo C, sem chances de passar a fase mata-mata.

No próximo fim de semana, Santa Cruz e Confiança retornam as atenções para os estaduais. No domingo, pelo Campeonato Pernambucano, o Tricolor pega o Salgueiro, no Estádio Cornélio de Barros, às 16h. Um dia antes, o Dragão enfrenta o Estanciano, às 20h15, no estádio Batistão, pelo Campeonato Sergipano.

Santa Cruz x Confiança Nordestão (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)
Santa Cruz x Confiança fizeram um jogo movimentado pelo Nordestão
(Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)

O Confiança, desde o primeiro momento da partida, parecia ter entregado os pontos. Além de ter viajado com um time misto – quatro titulares ficaram em Aracaju -, o Dragão não fazia qualquer força para ir ao ataque. O Santa Cruz, que não vacilou, partiu para um jogo agressivo, utilizando o lado esquerdo de campo. De tanto insistir, o lateral-esquerdo Tiago Costa recebeu um belo passe de Leandrinho aos dez minutos para tocar na saída do goleiro e abrir o placar. Aí foi que os corais foram para cima. Mas, aos poucos, o ritmo diminuiu. Em nenhum momento, a partida saiu do controle dos tricolores.

O que parecia dominado se desmoronou na etapa final. Sabe o Confiança sem força? Mudou. A conversa no vestiário deu maior tranquilidade à equipe sergipana, que passou a incomodar. Com a bola no gramado, fez o Arruda vir abaixo: aos oito minutos, Caíque empatou e complicou Tricolor. Os recifenses foram, então, para cima. Perdiam gols atrás de gols. Parecia que seria uma noite daquelas. Até que Keno, em uma jogada individual, ampliou o placar e aliviou o sentimento da torcida, bem impaciente até então. Bruno Moraes, dois minutos depois, driblou o goleiro e fez o terceiro para decretar o placar, que deixou o Tricolor vivo no Nordestão.

 

GLOBO ESPORTE.COM

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.