Programa ou apresentador nenhum pode colocar sua credibilidade em risco

Reprodução/EPTV/TV Record

 O menino Felipe com o cantor Leonardo em programa do jornal local da EPTV (à esq.) e no último domingo (11) no “Hora do Faro”imagem: Reprodução/EPTV/TV Record

A semana termina ainda com a repercussão da triste armação feita pelo programa do Faro, num claro propósito de enganar o telespectador e por aí acrescer alguns miseráveis pontos na sua audiência.

Outra prova, provada, que a disputa por uma posição melhor do Ibope não permite a ninguém o risco de perder a confiança do público.

Armação em programa de televisão, assim como a mentira, tem pernas muito curtas, ainda mais nos tempos de agora com todos os meios de comunicação interligados.

A comemoração de uma “audiência histórica” demorou menos de 24 horas, porque rapidamente chegou ao conhecimento de todos, de que por trás de tudo existiu uma grande farsa. Valeu a pena?

A produção do Faro, com as condições que a Record oferece, não tem nenhuma necessidade de recorrer a recursos tão escusos para conquistar um índice melhor.

Número nenhum vale a dignidade de ninguém. O que se espera, ao fim de mais este triste episódio, é que pelo menos a lição tenha servido.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s