Com três prefeitos eleitos, PSDB se fortalece na região Norte

7bab5-psdb-logo

O PSDB elegeu três prefeitos de capitais no Norte do país nas eleições municipais deste ano, consolidando a força do partido nos grandes municípios da região. Em Manaus (AM) e Belém (PA), as duas maiores cidades do Norte brasileiro, dois tucanos vão governar as capitais pelos próximos quatro anos: Artur Neto e Zenaldo Coutinho. A Prefeitura de Porto Velho (RO) também será comandada pelo PSDB, que elegeu Dr. Hildon no segundo turno.
Candidato à reeleição, Artur Neto conquistou 55, 46% dos votos em Manaus, com mais de 120 mil votos de vantagem sobre o seu adversário Marcelo Ramos (PR). Ao comemorar o resultado das urnas, o tucano disse que sua vitória é consequência da “aliança” que firmou com a população manauara. “Lá atrás, em 1988, eu me elegi prefeito e foi contra todo mundo. E agora de novo. O que havia de cacique, gente que se imaginava dona de voto, a gente não podia nem contar com as mãos, mas eu preferi fazer uma aliança com o povo, porque eu não loteei jamais e não lotearei nunca cargos, secretarias. Não faço acordo desse tipo. Não confundo Manaus com uma fazenda, nada de vender ou alugar Manaus de porteira fechada, nada disso”, afirmou.
O tucano agradeceu o “apoio expressivo” da população e ressaltou que sua campanha venceu a “baixaria e coisas de pouca importância” protagonizadas pelo seu adversário, no que chamou de “massacre pessoal”. “Estamos aqui, redobrados na força, redobrados no esforço e reforçados pela presença do deputado Marcos Rotta, que será o encarregado pela mobilidade urbana no nosso governo. Um grande reforço nessa aliança entre o PSDB aqui e o PMDB como vice”, afirmou.

Em Belém, o tucano Zenaldo Coutinho recebeu 396.770 votos, o que corresponde a 52,33% dos votos válidos, contra 361.376 de Edmilson Rodrigues (PSOL), que alcançou 47,67% dos votos válidos. Em pronunciamento após a vitória, Zenaldo destacou a “virada” em sua campanha que permitiu a vitória. “Nós começamos e diziam que nós não tínhamos chance nem de ir para o 2º turno. Saímos nessa grande caminhada e eu quero aproveitar para agradecer às milhares de pessoas que nos ajudaram, militantes nos mais diferentes bairros e eles se somaram em um grande esforço”, afirmou.
Com uma larga vantagem sobre o adversário, o tucano Dr Hildon Chaves foi eleito prefeito de Porto Velho para os próximos quatro anos com 65,1%, o que corresponde a 145.279 votos válidos. O adversário Léo Moraes (PTB) obteve 34,8% dos votos válidos, o que representa 76.989 votos de eleitores.

 

Site do PSDB

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s