No futebol, não existe mundo do faz de conta: todo jornalista tem seu time

Mauro Cezar Pereira

Mauro Cezar Pereira

Um dos assuntos mais comentados desta segunda-feira (10) foi o artigo do Mauro Cezar Pereira, da ESPN, diante tentativa que se faz em patrulhar jornalistas pelo histórico de torcedor.

Ser autêntico, não enganar ninguém e só agir com a verdade às vezes causa aborrecimentos, tanto no jornalismo esportivo como em todos os outros.

A estupidez é sempre a mesma. A de agora, por ele torcer pelo Flamengo e ser acusado de criticar o Palmeiras. Os dois estão na briga direta pelo título.

O próprio histórico do Mauro Cezar dispensa maiores considerações. No exercício das suas funções, ele nunca mascarou a verdade.

Ou será que há alguém que acredite na existência de um, ao menos um só jornalista esportivo, que não tenha time nenhum? O direito de revelar ou não cabe a cada um.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s