Australia’s airports post international traffic growth in August

An aerial shot of Tullamarine. (Melbourne Airport)

An aerial shot of Tullamarine. (Melbourne Airport)

Melbourne Airport says international passenger traffic grew 6.6 per cent in August as airlines added new flights linking Tullamarine with destinations in Asia and New Zealand.

The airport handled 777,690 international passengers in August, up from 729,795 in the prior corresponding period. There was also growth in international travellers at Brisbane, Perth and Sydney.

Over the past 12 months, Melbourne has welcomed the Scoot’s flight to Singapore (November 2015), Xiamen Airlines’ service to Xiamen (July 2015) and China Airlines’ Taipei-Melbourne-Christchurch offering.

Melbourne Airport chief executive Lyell Strambi said all three services contributed to the improvement in traffic figures during August.

“It’s important to recognise the significance of new airlines opening up Melbourne routes – both in terms of bringing international visitors to our wonderful state and city, and providing more travelling options for Victorians in return,” Strambi said in a statement.

Meanwhile, domestic traffic at Melbourne Tullamarine rose a more moderate one per cent to 2.02 million.

The airport said the 2.8 million total passengers for the month was the highest ever figure for August at Tullamarine.

Sydney Airport also posted healthy passenger growth in August, with the number of international travellers up 7.6 per cent in the month to 1.2 million, while domestic travellers were 2.9 per cent higher at 2.2 million.

There was more moderate growth at Brisbane Airport, where international passengers was up 2.9 per cent in August at 457,187, while its domestic terminals handled 1.5 million travellers, an increase of 2.3 per cent from the prior corresponding period.

And at Perth Airport, the growth in international passengers helped offset a drop in domestic travellers in August, as the slowdown in mining activity impacted demand for intra-state travel.

There was a 2.2 per cent rise in international passengers to 340,618, while domestic passengers fell 1.1 per cent to 772,175.

 

Australian Aviation

O público está aberto para receber TV de boa qualidade

Com 16 canais e programas como "É Campeão" (foto), SporTV se destacou na cobertura da Olimpíada

Com 16 canais e programas como “É Campeão” (foto), SporTV se destacou na cobertura da Olimpíada

A profecia da desgraça, uma vez mais, se deu mal, com os seus prognósticos sobre Olimpíada e Paraolimpíada no Rio. Tudo correu na mais perfeita ordem e a ressaca dos Jogos já se faz sentir, especialmente na televisão que soube se aproveitar muito bem dela.

Importante destacar que todas as emissoras envolvidas se preocuparam, além da transmissão direta dos Jogos, em oferecer um trabalho jornalístico à altura. Nada passou despercebido.

Se aqui só perdemos para Londres em quantidade de público nas diversas arenas, as audiências conquistadas também foram das mais interessantes, a ponto de o SporTV sair no lucro com seu trabalho distribuído em 16 canais.

Telespectador para o que é bom, comprova-se mais uma vez, existe e os Jogos Olímpicos deixam para a TV, como outra grande lição, exatamente isso: sempre haverá público para o produto de qualidade.

É só se preocupar em oferecer.

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Carolina Dieckmann só fará novo trabalho na Globo em 2017

carolina-dieckmann

Morando em Miami, Carolina Dickemann combinou com a Globo de só voltar no ano que vem

 

Carolina Dieckmann, que agora mora com a família nos Estados Unidos, foi liberada da Globo até janeiro.

E como ela tem o desejo de ficar lá mais tempo, é bem provável que na sua volta ela faça trabalhos mais curtos.

Tiago Worcman, executivo de televisão, hoje como vice-presidente sênior da Viacom na América Latina, tem a sua base de trabalho em Miami e toda a família está morando lá desde o começo do ano.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Xuxa está à procura de alguém para cuidar da sua carreira

Xuxa está em busca de alguém para cuidar da sua carreira

Xuxa está em busca de alguém para cuidar da sua carreira

Xuxa, às vezes pessoalmente, e em outras ocasiões por meio de seus assessores diretos, tem realizado contatos para encontrar um profissional do mercado para tocar sua carreira daqui em diante.

É um assunto que ela pretende resolver o mais rápido possível.

Aliás, a sua visita ao Marcos Quintela, teve tudo a ver com isso, muito pela experiência dele no setor.

Antes de chegar à presidência da agência Y&R, este foi um trabalho que o Quintela já fez.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery