Petrobras: enfim, uma gestão laica

Resultado de imagem para petrobras

 

Na era petista, a Petrobras foi tratada como uma vaca sagrada (sabe-se, agora, que era apenas para continuar mamando nela). Agora, Parente chega com a proposta de uma gestão laica.

“Precisamos trabalhar sem sermos dominados por dogmas, que impedem a racionalidade”, afirmou ao Estadão, quando indagado sobre o que norteará a venda de ativos e a revisão de projetos.

O mesmo princípio se aplica ao fim da obrigação de a Petrobras participar em todos os blocos do pré-sal com, pelo menos, 30% dos investimentos. “A gente quer é ter a opção: neste campo eu quero estar, neste não.”

 

O ANTAGONISTA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.