Ministro do STF manda Cunha desengavetar pedido de impeachment contra Temer

Notícia Publicada em 05/04/2016 13:01

Marco Aurélio Mello pede pela instauração de uma nova comissão especial na Câmara para analisar afastamento do peemedebista

Marco Aurélio Mello afirmou que Cunha extrapolou suas atribuições ao afirmar que não haveria indícios de que Temer cometeu crimes de responsabilidade (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)
Marco Aurélio Mello afirmou que Cunha extrapolou suas atribuições ao afirmar que não haveria indícios de que Temer cometeu crimes de responsabilidade (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

SÃO PAULO – O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Marco Aurélio Mello determinou nesta terça-feira (5) que o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB), aceite o pedido de impeachment contra o vice-presidente, Michel Temer, também do PMDB.

Por meio de ofício publicado nesta terça-feira, Mello pediu pela instauração de uma nova comissão especial na Câmara para analisar afastamento do peemedebista. O pedido foi elaborado pelo advogado Mariel Marley Marra.

De acordo com o ministro, o presidente da Casa extrapolou suas atribuições ao afirmar que não haveria indícios de que Temer cometeu crimes de responsabilidade. A assessoria de Cunha já afirmou que o presidente da Câmara reccorerá da decisão.

O FINANCISTA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.