Fala de Nelson Barbosa sobre Selic e espera por anúncio do PMDB elevam Ibovespa; dólar sobe

Notícia Publicada em 29/03/2016 13:18

Alta de Petrobras e bancos muda rumo do índice; queda de commodities fica em segundo plano

Perspectiva de mudança de governo anima mercado brasileiro de ações (Flickr/Caliel Costa)
Perspectiva de mudança de governo anima mercado brasileiro de ações (Flickr/Caliel Costa)

SÃO PAULO – Declarações do ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, contribuem para a virada do Ibovespa nesta terça-feira (29). A expectativa em relação ao anúncio do PMDB sobre sua saída do governo da presidente Dilma Rousseff também atribui otimismo aos agentes locais.

Durante participação em audiência pública na CAE (Comissão de Assuntos Econômicos), do Senado Federal, Barbosa disse que o governo já tem dados que indicam o início de reequilíbrio das contas públicas e que espera a volta do crescimento em 2017, com manutenção nos anos seguintes.

Para isso, o ministro espera a aprovação no Congresso Nacional de medidas enviadas pelo Executivo como as mudanças do ajuste fiscal. Além disso, Barbosa declarou que se o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) confirmar a tendência, é possível um corte da taxa Selic ainda em 2016.

De acordo com Aldo Moniz, analista da Um Investimentos, “as declarações do ministro mostram que a equipe econômica está um pouco mais à vontade para trabalhar e estabelecer medidas em prol das contas públicas”.

A expectativa de que o PMDB anuncie sua saída da base aliada do governo federal enfraquece o governo petista e aumenta as chances de o impeachment da presidente Dilma sair do papel, o que anima o mercado.

O movimento de saída do PMDB da base governista deu seu primeiro passo na noite de segunda-feira (28) com o pedido de demissão do ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN). Ele foi o primeiro dos sete ministros do PMDB a deixar o governo da presidente Dilma Rousseff.

A expectativa de que outras siglas acompanhem a decisão do PMDB e deixem de fazer parte da base aliada do governo federal também impulsiona o índice doméstico. O PSD liberou seus 31 deputados federais para votarem como quiserem no impeachment. O líder do PSD na Câmara, Rogério Rosso (DF), está afastado do posto para se dedicar à presidência da comissão especial que analisa o pedido de impeachment.

Na cena externa, há expectativa pelo discurso da presidente do Fed (Federal Reserve, o banco central norte-americano), Janet Yellen, no qual o mercado busca pistas sobre o futuro do juro nos Estados Unidos.

Neste contexto, a virada dos papéis da Petrobras e de bancos ajuda na mudança de rumo do Ibovespa. Por volta de 13h05, o Índice Bovespa avançava 0,80%, a 51.248 pontos. As ações da Petrobras (PETR4) subiam 1,89%, enquanto os papéis do Itaú Unibanco (ITUB4) e do Banco do Brasil (BBAS3) tinham alta de 1,35% e 1,64%, nesta ordem.

Câmbio

O dólar opera em alta nesta terça-feira (29) após a interferência do Banco Central no mercado com a intenção de evitar novas valorizações do real ante a moeda norte-americana.

Foi realizado um leilão de swap cambial reverso, que equivale a compra futura, entre 9h30 e as 9h40. Dos 20 mil contratos ofertados, foram negociados 19.520 no valor de US$ 750 milhões.

“Esse resultado mostra que o mercado está em busca de proteção mesmo. A intenção do BC era essa: represar um pouco da valorização do real. O BC já havia sinalizado que não quer dólar abaixo de R$ 3,60”, afirma Ricardo Gomes da Silva, superintendente da SLW Corretora.

A valorização do dólar em dia de convenção do PMDB que decidirá o rumo do partido no governo sinaliza que o mercado já conta com a saída da sigla da base aliada. “A formalização da saída do PMDB não vai mudar o nível de preço”, diz Silva.

Neste contexto, o dólar à vista tinha alta de 1,13%, cotado a R$ 3,6692.

 

O FINANCISTA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.