Falta de tradição esportiva será o desafio da Record na Olimpíada #Rio2016

A Record fará contratações para reforçar a sua equipe da Olimpíada.

Em uma recente reunião, quando se avaliou e se concluiu por esta necessidade, entendeu-se que isto deverá acontecer o mais breve possível. O problema é encontrar, sem ser ex-atletas, nomes disponíveis para serviço temporário. Alguém que se sujeite trabalhar apenas durante a realização dos jogos.

A Record, muito mais que Globo e Band, terá que desdobrar esforços para fazer frente às concorrentes nos Jogos Olímpicos.

A falta de tradição esportiva, em transmissões como esta, conta demais. E ela não tem nenhuma.

 

Flávio Ricco com colaboração de José Carlos Nery

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.