Buracos na TO-030 causam transtornos a motoristas

Trecho que liga Palmas a Buritirana está em péssimo estado.
Condições da pista podem provocar acidentes e danos aos veículos.

Bandeira do estado do Tocantins

Trafegar pela TO-030, principalmente no trecho entre Buritirana e o distrito de Taquaruçu, em Palmas, exige cuidados. Os buracos espalhados pela rodovia são incontáveis e os prejuízos são maiores ainda, já que as condições da pista podem provocar acidentes e danos aos veículos.

Motoristas reclamam das más condições da rodovia TO-030 (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

Motoristas reclamam das más condições da rodovia
TO-030 (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

A rodovia dá acesso às cidades de Santa Tereza, Lagoa do Tocantins, Ponte Alta do Tocantins, Pindorama do Tocantins e à região do Jalapão. Mas para chegar a esses destinos, muitas vezes é preciso trafegar na contramão e até usar o acostamento para fugir dos buracos.

“Às vezes a pessoa tem que entrar na contramão ou às vezes passar em cima do buraco para não bater em outro carro”, comentou um motorista que trafegava pela rodovia.

No início deste mês, o motorista de uma camionete foi desviar dos buracos em uma curva, quando perdeu o controle e bateu em um ponto de ônibus. A estrutura, construída à beira da rodovia para atender trabalhadores rurais de um assentamento, ficou toda danificada.

A produção da TV Anhanguera tentou contato com a Secretaria da Infraestrutura do Tocantins, mas não conseguiu uma resposta.

 

G1.COM.BR

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.