Postos enfrentam falta de combustível no norte do Tocantins

Em Araguaína o valor da gasolina aumentou.
Trabalhadores foram dispensados por falta de serviço.

Bandeira do estado do Tocantins

Caminhoneiros usaram faixas nos veículos durante protesto no Tocantins (Foto: Divulgação/Maurício Fenelon)

Caminhoneiros colocaram faixas nos veículos durante protesto no Tocantins

(Foto: Divulgação/Maurício Fenelon)

Alguns postos de combustíveis de Araguaína, região norte do estado, estão enfrentando a falta do produto desde às 13h, desta terça-feira (10). Em um deles há apenas gasolina aditivada e em outro, os trabalhadores foram dispensados. O motivo seria a manifestação dos caminhoneiros.

“Desde o início da tarde estamos sem gasolina, sem etanol e sem estoque. Os trabalhadores foram mandados para casa porque não há o que fazer. Houve muita procura e não demos conta de tanta gente. O povo está com medo. Ontem e hoje foi muito corrido aqui na cidade. Parece cena de filme ver as pessoas correndo”, disse o gerente de uma distribuidora que quis se identificar.

Alguns donos de postos relataram que aumentaram os preços por causa da alta procura. O gerente de um estabelecimento disse que todos aumentaram os valores. A gasolina está variando entre R$ 3,70 e R$ 3,78 nas distribuidoras que abastecem a região. Apenas em um local o valor registrado foi de R$ 3,95.

Nesta segunda-feira (9), motoristas do município lotaram as distribuidoras da cidade com receio que os estabelecimentos não fossem reabastecidos por causa da manifestação nacional.

 

G1.COM.BR

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.