Fifa vende Copa de 2026 ao Fox Sports para “compensar” e irrita ESPN

Fifa vende Copa de 2026 ao Fox Sports para "compensar" e irrita ESPN

Para fazer uma espécie de compensação devido à mudança de data da Copa do Mundo de 2022, a Fifa teria facilitado a venda do Mundial de 2026 para o Fox Sports no EUA, sem consultar a ESPN, que tinha interesse em comprar os direitos.

A Copa de 2022 acontecerá no Catar entre os meses de novembro e dezembro, em vez dos tradicionais junho e julho, por causa do calor desértico, contrariando até mesmo uma regra da própria entidade, que diz que a competição só deve acontecer no meio do ano.

A alteração da data afeta as emissoras americanas, que precisariam dividir a transmissão do maior evento de futebol do mundo com a temporada da NFL, liga de futebol americano do país, que é líder incontestável de audiência.

Pensando nisso, segundo a agência de notícias Bloomberg, a federação teria negociado às escondidas a transmissão da Copa de 2026, que pode acontecer nos Estados Unidos, para compensar a Fox pela possível perda de audiência.

O problema é que a ESPN não foi avisada da concorrência, e a Fifa seguia conversando sobre a compra da Copa pelo canal esportivo da Disney. O fato irritou os diretores do canal.

Procurado para comentar sobre o caso, Jerome Valcke, secretário-geral da Fifa, disse que a entidade não fez nada de errado. “Nós não fizemos nada de errado. O acordo é bom para a Fifa, o acordo é bom para a Fox. Esta é a parte mais importante, e nós fizemos tudo dentro dos padrões internacionais”, afirmou.

 

NaTelinha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.