Procuradoria do TJDF/CE vai ao STJD contra efeito suspensivo dado ao Fortaleza

STJD

A novela sobre a exclusão e rebaixamento do Fortaleza do Campeonato Cearense ganhou mais um capítulo.

A Procuradoria do TJDF/CE protocolou na última segunda-feira, 6, um mandado de garantia no STJD questionando a decisão do Presidente do TJDF/CE, Jamilson Veras, que concedeu efeito suspensivo ao Fortaleza.

Em contato com o Blog, o presidente do STJD, Caio Rocha, confirmou o recebimento do ofício.

“Recebi a solicitação da procuradoria do tribunal (cearense), que questiona decisão do presidente do TJDF, mas não despachei ainda. Informei que quero ouvir o argumento do Fortaleza. Só depois é que darei minha decisão”, afirmou Caio Rocha.

O Blog tentou contato com o procurador geral do TJDF/CE, Max Delano Damasceno, que protocolou o mandado de garantia, mas as ligações não foram atendidas.

O Blog falou com o presidente do TJDF/CE, Jamilson Veras. Ele afirmou que soube do protocolo feito pela procuradoria, mas que não sabia dizer qual o conteúdo. Jamilson afirmou ainda que Procuradoria é um órgão independente dentro do Tribunal e que tem total liberdade dentro da corte.

O que causa grande questionamento em toda esse novo capítulo sobre a exclusão do Fortaleza no Campeonato Cearense, é qual o motivo da Procuradoria questionar só agora uma decisão do presidente do TJDF/CE e o que o presidente fez de errado para o efeito suspensivo ter seu efeito cancelado?

Aguardemos cenas dos próximos capítulos.

 

Mário Kempes – 11/04/2015

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.