Renato Maurício Prado comenta a briga da Fla-Flu com a Federação

 

Maracanã x Engenhão

A Federação quer porque quer se intrometer no contrato do Maracanã com a dupla Fla-Flu, definindo lugares das torcidas e tornando os custos iguais para todos. Por que não faz o mesmo no Engenhão? Tal qual o Mário Filho, o Estádio Nilton Santos é um bem público, arrendado a um particular.

 

Renato Maurício Prado – O GLOBO – 22/03/2015

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.