1×0 foi pouco para o Ceará. Vitória no Clássico-Rei poderia ter sido bem maior

Magno Alves deu o passe para o gol de William, após falha de Corrêa (Foto: Kléber A. Gonçalves)

Magno Alves deu o passe para o gol de William, após falha de Corrêa (Foto: Kléber A. Gonçalves)

Alguns torcedores do Ceará afirmam categoricamente que o Fortaleza, quando tem a oportunidade de massacrar o rival dentro de campo, não perdoa. Enquanto que o Vovô se contenta com um placar menor.

Só para constar, quem diz isso são alguns torcedores do Ceará.

No Clássico-Rei desse sábado, em que o Alvinegro venceu por 1×0, o placar não representou o que foi a partida. O Ceará foi bem melhor e ainda contou com um Fortaleza (digamos) desorientado, sem aquela volúpia (que palavra) do clássico anterior. A equipe do técnico Silas parecia estar disputando uma final, enquanto os comandados do técnico Nedo Xavier uma partida da fase de classificação.

Se não bastasse tudo isso, as boas atuações do volante Uilliam Correia, do zagueiro Gilvan e do meia Ricardinho foram a base para um primeiro tempo em que os alvinegros poderiam ter alcançado os 2×0. No segundo tempo, talvez, depois de um grande puxão de orelha de Nedo Xavier, os tricolores até conseguiram equilibrar a partida. Mas nada que fizesse ou mostrasse que o Fortaleza pudesse sair de campo com o triunfo.

E não esqueçamos que o técnico Silas tirou um meia (Marcos Aurélio) e colocou um atacante. A equipe passou a atuar com três homes de frente (Magno Alves, Robinho e William) e ainda liberou Ricardinho para armar as jogadas.

É óbvio que o volante Corrêa poderia não ter errado e com isso o gol de William não ter saído. Mas isso só prova também que é preciso ter um banco forte, ter jogadores capacitados e decisivos para no momento de uma bobeada do rival não vacilar. Todo mundo já está cansado de saber que clássico se vence nos detalhes.

O Ceará poderia nem ter precisado desse “detalhe” para ter vencido a partida, poderia ter decidido tudo já no primeiro tempo. Mas, diferentemente do que ocorreu no jogo passado, quando o Fortaleza poderia ter ganho com merecimento, desta vez, quem deveria ter ganho, ganhou e merecia mais.

 

Blog do Kempes – Diário do Nordeste – 01/03/2015

Um comentário sobre “1×0 foi pouco para o Ceará. Vitória no Clássico-Rei poderia ter sido bem maior

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.