Chapa da situação para o Conselho Deliberativo do Fortaleza muda candidato a presidente

17h19 | 25.11.2014

Elpídio Brígido Filho desiste de concorrer à reeleição e dá lugar a Wagner Lopes. Oposição entra com pedido de impugnação da mudança.

2062a-fortaleza_esporte_clube_de_fortaleza-ce

Nesta terça-feira (25), o grupo de situação do Fortaleza seguiu o desejo do presidente Osmar Baquit e retirou as chapas “Responsabilidade Tricolor” para a diretoria executiva e “Austeridade” para o Conselho Fiscal. Entretanto, a chapa “Mozart Gomes”, concorrente ao Conselho Deliberativo, manteve-se na disputa o mudou o candidato a presidente para o pleito do próximo dia 1º de dezembro.

Após anunciar a saída da situação das eleições em entrevista coletiva na última sexta-feira (21), Baquit reafirmou, na última segunda (24), que os candidatos Adaílton Campelo, Elpídio Brígido Filho e Gláuber Carneiro não concorreriam aos cargos. O atual mandatário do Conselho Deliberativo, então, desistiu de concorrer à reeleição e deu lugar aWagner Lopes, que era o segundo tesoureiro da chapa.

Além de Elpídio, Júlio Nogueira Militão Neto também deixou a chapa e deu lugar a Franciso de Assis Vale Sales. A vaga de segundo tesoureiro, vaga com a mudança de cargo de Wagner Lopes, foi preenchida por João Barbosa Pinheiro.

Na eleição da próxima segunda-feira (1), no Pici, a chapa “Mozart Gomes” terá o número 16 na urna. Já a chapa de oposição “Péricles Mulatinho”, encabeçada pelo ex-presidente Flávio Novais, escolheu o número 18.

Oposição pede impugnação

A chapa “Péricles Mulatinho” promete entrar com pedido de impugnação da mudança do candidato a presidente da chapa “Mozart Gomes”. O grupo opositor se baseia na lei eleitoral, que prevê 20 dias de antecedência para a mudança de candidato em caso de renúncia.

Em ata publicada na última segunda, a Comissão Eleitoral do Tricolor disse que “esclareceu aos presentes que é possível a substituição de candidatos até o prazo máximo de quarenta e oito horas, antes da eleição, nos termos da Legislação Eleitoral, aplicada de forma complementar ou subsidiaria ao processo eleitoral do Fortaleza”.

 

Diário do Nordeste – Jogada – 25/11/2014

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.