Números de ontem do TV TOTAL

Isabel Vilela_Juliana Silveira

País Visualizações
Sinal BrazilBrazil 762
Sinal Estados UnidosEstados Unidos 107
Sinal PortugalPortugal 9
Sinal MéxicoMéxico 4
Sinal MoçambiqueMoçambique 3
Sinal Russian FederationRussian Federation 2
Sinal JapanJapan 2
Sinal AustráliaAustrália 2
Sinal CanadáCanadá 1
Sinal IndiaIndia 1
Sinal GermanyGermany 1
Sinal ParaguayParaguay 1

Hulk lembra fiasco na Copa do Mundo e diz que a Seleção foi uma decepção

A campanha da Seleção Brasileira na Copa do Mundo ainda não saiu da cabeça de Hulk. Nesta quinta-feira, o jogador esteve em Campina Grande, sua terra natal, onde participou da doação da camisa 7 do Brasil ao Museu de Arte Popular da cidade. Ao final do evento, o atacante do Zenit falou sobre a campanha no Mundial e reconheceu que o time foi uma decepção.

A equipe de Felipão foi eliminada na semifinal do Mundial, ao sofrer uma sonora goleada por 7 a 1 para a Alemanha. Na disputa do terceiro lugar, o time brasileiro voltou a decepcionar ao ser derrotado pela Holanda por 3 a 0.

– Realmente foi uma decepção para nós. Principalmente porque jogávamos em nosso país, onde a torcida nos apoiou na busca do hexa. Infelizmente não fomos campeões, porque não fomos bem. Assumimos nossos erros. Mas eu posso dizer, também, que nem tudo foi perdas. Tivemos vitória também, com a conquista da Copa das Confederações aqui – comentou o atacante durante o evento.

Hulk fez questão de ressaltar que a contusão sofrida por Neymar na partida contra a Colômbia, que classificou a Seleção para a semifinal, abalou o grupo.

– A gente ficou triste pelo Neymar. O jogo estava caminhando para o final, quando ele acabou sofrendo aquela contusão.Todo mundo ficou triste. Isso certamente abalou o grupo para a partida seguinte contra a Alemanha. Mas, como disse anteriormente, não fomos campeões porque não merecemos – pontuou.

Sobre o futuro da Seleção, Hulk disse que espera estar novamente no grupo que vai tentar a classificação para a Copa de 2018, na Rússia, dessa vez através das Eliminatórias.

– Acredito que fiz o melhor pela Seleção. Por isso, espero ser lembrado por aqueles que vão formar a nova comissão técnica, para estar na Copa de 2018, na Rússia – finalizou.

 

GLOBO ESPORTE.COM

Em primeira mão: Questões da atualidade que vão cair fatalmente no ENEM; Confira

Confira as cinco questões, sobre temas da atualidade, que cairão no ENEM deste ano:

1- Em quantos minutos o Brasil tomou cinco gols da Alemanha?
A) 5 segundos
B) 5 minutos
C) 10 minutos
D) 30 minutos

2- A expressão “Prepara, que agora é hora…” indica que é hora de quê?
A) de tomar banho
B) do show das poderosas
C) de sair da Internet para estudar
D) de procurar o que fazer

3 – Quantas vezes Justin Bieber apareceu na sacada do hotel durante sua última visita ao Brasil?
A) Nenhuma
B) Uma vez
C) Cinco vezes
D) Ele ficou o tempo todo na sacada mostrando o dedo do meio para as fãs

4 – Quantos seguidores Valeska Popozuda tem nas redes sociais?
A) Eu e mais 2 milhões
B) Eu, meus amigos e mais 2 milhões
C) Tem mais que Anitta
D) 2 milhões de mentes não pensantes

5 – A frase “Tem que fazer gol, porque ganha o jogo quem faz mais gols” foi dita por…
A) Ronaldo o fenômeno
B) Joelma do Calypson
C) Luciana Gimenez
D) Pelé

G17

Dunga poderá assumir a seleção brasileira novamente para desespero da Rede Globo

O próximo treinador da Seleção pode ser um antigo conhecido. De acordo com a Revista Placar e Rádio Jovem Pan, Dunga, comandante entre 2006 e 2010, pode voltar ao cargo. A boa relação com Gilmar Rinaldi, anunciado nesta quinta-feira como novo coordenador de seleções da CBF, seria um dos motivos para isso.

Segundo a Jovem Pan, além do bom relacionamento com Gilmar, o estilo “linha dura” de Dunga, que durante a preparação para o Mundial da África do Sul ficou famoso pelas brigas para manter o grupo o mais concentrado possível, é outra característica prezada pela diretoria da CBF para o próximo treinador.

Dunga disputou 60 partidas à frente da Seleção, com 42 vitórias, 12 empates e apenas 6 derrotas. Foi campeão da Copa América de 2007 e da Copa das Confederações em 2009, porém caiu nas quartas de final da Copa do Mundo de 2010 em derrota de virada por 2 a 1 para a Holanda.

 

GLOBO ESPORTE.COM

Lukas Podolski: “Se eu soubesse que o Flamengo está na lanterna, não teria vestido a camisa”

Sai Flalemanha, entra Flalanterna (FOTO: Balotelli)

Sai Flalemanha, entra Flalanterna
(FOTO: Balotelli)

Uma vez Flamengo, sempre Flamengo. Contrariando o hino do Mengão, Podolski, que incorporou o espírito rubro negro durante a Copa, desistiu de ser flamenguista – se é que um dia foi mesmo. O astro alemão disse que nunca teria vestido a gloriosa camisa, que já foi vestida por cracks como Negueba, se soubesse que o clube carioca está na lanterna do Brasileirão.

“A gente tenta se inspirar e se aliar a grandes clubes, que possuem grandes times e craques renomados. Quando cheguei ao Brasil, uns moradores de rua falaram que o Flamengo era bom e eu acabei acreditando. Eu não sabia que o clube estava na lanterna do Brasileirão e se soubesse, nunca teria vestido a camisa. Poderia ter dado azar… foi por pouco”, disse.

gerente técnico da Alemanha, Diego Alemão, concordou com Podolski e comemorou o fato de a seleção alemão não ter jogado como o Flamengo: “Poderia ter acontecido de incorporarmos o futebol do Flamengo e nem passarmos da primeira fase, como eles fazem na Libertadores. Por sorte isso não aconteceu e deu tudo certo”, disse.

O Flamengo está tão bem que tem mais jogos (10) do que pontos (7).

 

Abel Braga: “Ser o 1° a perder do Corinthians no Itaquerão é pior que ser eliminado pelo Mazembe”

O Corinthians nunca havia vencido uma partida em casa, até surgir o poderoso Inter em seu caminho. A derrota humilhante do Colorado irritou o técnico Abel Braga, que disparou contra a equipe. Para reforçar o argumento de que jogo contra o Timão no Itaquerão não se perde, o comandante lembrou de um fato terrível da história do time gaúcho.

“O Corinthians nunca venceu em casa. São 104 anos sem vitória e a gente conseguiuperder para eles. Por isso, afirmo sem medo de errar: hoje é um dia negro na história do Inter e com certeza a humilhação dessa derrota é maior que a sentida quando o Inter perdeu do Mazembe”, disse.

O goleiro Cássio ameaçou sair quicando com a bunda no chão, mas foi contido pelos colegas. Segundo os companheiros de clube, o Inter já foi humilhado o suficiente com a derrota para o Coringão no Itaquerão e não seria necessário fazer mais nada para provocar.

Com o resultado, ficou provado que o Figueirense é maior que o Inter.

 

Olé do Brasil.com.br