“Vitória” sobe no Ibope com nova estratégia da Record; saiba mais

Isabel Vilela_Juliana SilveiraJuliana Silveira interpreta Priscila em Vitória

Após persistir durante cerca de um mês e meio com a exibição de “Vitória” integralmente contra “Em Família”, a Record mudou de estratégia nesta quarta-feira (16) e viu os índices do folhetim subirem.
Na noite de ontem, “Vitória” continuou disputando com a novela de Manoel Carlos porém teve alguns minutos de confronto com o Futebol.
Além disso, os dois intervalos da produção foram dados antes do início do Brasileirão, o que permitiu que o resto do capítulo não tivesse interrupção.
Aproveitando a fatia de público que desligou a TV ou mudou de canal com o término da novela das nove, o folhetim de Cristianne Fridman subiu, teve 7 pontos de média e ocupou a vice-liderança. O índice não era alcançado desde o quinto capítulo, o qual foi exibido no dia 6 de junho.
Apesar da reação, “Vitória” não conseguiu se isolar na vice-liderança. O SBT também teve 7 pontos de média no período.
Considerando apenas a faixa posterior ao término de “Em Família”, o placar foi de 8 pontos a 7 favoráveis para o SBT.
Em tempo:
A mudança da faixa de novelas da Record das 22h para as 21h, realizada em fevereiro deste ano, segue sendo bastante questionada por algumas alas da emissora.
Os baixos resultados de “Pecado Mortal”, os quais se mantiveram com a troca de novela para “Vitória” são, em parte, atribuídos ao horário e à concorrência com a trama da Globo.
Esses índices são prévios e são baseados na preferência de um grupo de telespectadores da Grande São Paulo. Dados consolidados podem variar para mais ou para menos.

Números de ontem do TV TOTAL

Isabel Vilela_Juliana Silveira

País Visualizações
Sinal BrazilBrazil 1.018
Sinal Estados UnidosEstados Unidos 95
Sinal PortugalPortugal 14
Sinal AustráliaAustrália 8
Sinal United KingdomUnited Kingdom 4
Sinal IndiaIndia 3
Sinal AngolaAngola 3
Sinal GermanyGermany 2
Sinal EspanhaEspanha 2
Sinal ArgentinaArgentina 2
Sinal IsraelIsrael 1
Sinal BélgicaBélgica 1

Globo cresce 37% com Copa no Brasil; Record é a que mais cai

Por REDAÇÃO, em 16/07/2014 · Atualizado às 18h35

A Copa do Mundo de 2014 teve mais audiência do que a da África do Sul e rendeu à Globo um crescimento de 37% na medição domicilar do Ibope (que não considera bares e praças). Segundo dados consolidados, os jogos do Mundial na Globo registraram média de 23,5 pontos no PNT (Painel Nacional de Televisão), 6,4 superior à média da faixa horária e 2,1 a mais do que a edição de quatro anos atrás. Cada ponto equivale a 217 mil domicílios ou 641 mil telespectadores nas 15 maiores metrópoles do país.

O número de televisores ligados na Globo nesta Copa também superou o da edição anterior: de 40,8% em 2010 para 49,1% em 2014, aumento de 20%. Brasil x Croácia, jogo de abertura do Mundial, teve 72% de participação. Na final entre Alemanha x Argentina, seis de cada dez TVs estavam sintonizadas na Globo.

Na Band, as duas Copas tiveram mesma média no PNT (4,1), porém em relação à faixa horária a emissora cresceu 58%. Antes do Mundial, registrava 2,6 pontos.

Das quatro principais emissoras, a Record foi a que mais caiu: de 6,9 para 5,4 durante, queda de 22%. Empatou com o SBT, que cravou 5,0 pontos na Copa, contra 5,4 no período anterior.

Os OCNs (Outros Canais), que englobam canais pagos, UHF e de circuito interno, também perderam público, de 12,1 para 11,1.

Em São Paulo, principal mercado do país, a Globo cravou 20,0 pontos, acréscimo de (31%) em relação ao horário. Na comparação com 2010, oscilou apenas 0,8 ponto.

 

 

Notícias Da TV

Consolidados GRANDE SP 17.07.2014

Fim da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 fez a Globo perder um SBT de audiência .É o que diz o alienado do Daniel Castro .

 

RESUMO: A Globo registrou ontem (15) uma das piores audiências do ano às terças-feiras: 10 pontos na média das 24 horas na Grande São Paulo. Em relação à semana anterior, quando teve o segundo melhor desempenho do ano (15,1) graças à semifinal da Copa do Mundo entre Brasil e Alemanha, perdeu o equivalente à média do SBT, que marcou 4,9 na semana passada e 4,6 nesta terça

Por REDAÇÃO, em 16/07/2014 · Atualizado às 14h25

15 JULHO 2014

 

Média do dia (6h/5h59): 10,0

 

Globo Rural: 3,2

Bom Dia São Paulo: 4,8

Bom Dia Brasil: 6,5

Mais Você: 5,6

Bem Estar: 4,9

Encontro: 5,2

SP TV 1a Edição: 8,4

Globo Esporte: 8,8

Jornal Hoje: 9,4

Vídeo Show: 7,3

Sessão da Tarde: 8,2

Caras & Bocas: 14,4

Malhação: 14,9

Meu Pedacinho de Chão: 18,2

SP TV 2a Edição: 19,1

Geração Brasil: 19,6

Jornal Nacional: 22,0

Em Família: 31,9

Tapas e Beijos: 22,0

O Rebu: 16,2

Profissão Repórter: 10,8

Jornal da Globo: 8,2

Programa do Jô: 5,0

 

Média do dia (6h/5h59): 4,0

 

Balanço Geral: 2,6

SP no Ar: 4,3

Fala Brasil: 4,5

Hoje em Dia: 3,6

Balanço Geral SP: 5,1

Programa da Tarde: 4,2

Cidade Alerta: 8,3

Jornal da Record: 7,1

Vitória: 4,5

José do Egito: 5,1

Grimm: 3,0

Engana-me se Puder: 2,3

Igreja Universal do Reino de Deus: 0,5

 

Média do dia (6h/5h59): 4,6

 

Jornal do SBT Manhã: 3,1

Notícias da Manhã: 2,8

Bom Dia e Cia.: 4,2

Um Maluco no Pedaço: 5,0

Eu, a Patroa e as Crianças: 4,8

Casos de Família: 4,6

Café com Aroma de Mulher: 4,0

Meu Pecado: 3,1

A Feia Mais Bela: 3,7

Chaves: 6,3

SBT Brasil: 6,0

Chiquititas: 12,1

Rebelde: 7,2

Programa do Ratinho: 7,7

Cine Espetacular: 6,2

The Noite: 3,6

Jornal do SBT Noite: 2,6

Okay Pessoal: 2,1

Média do dia (6h/5h59): 1,8

 

Café com Jornal: 0,5

Dia Dia: 0,5

Band Kids: 1,0

Jogo Aberto: 2,5

Os Donos da Bola: 2,0

Só Risos: 2,0

Sabe ou Não Sabe: 1,8

Brasil Urgente: 2,9

Jornal da Band: 3,5

Show da Fé: 1,6

Zoo: 1,5

Como Eu Conheci Sua Mãe: 1,8

O Mundo Segundo os Brasileiros: 2,5

A Liga: 3,8

Agora É Tarde: 2,3

Jornal da Noite: 1,7

 

Média do dia (6h/5h59): 0,8

 

Te Peguei: 0,4

Você na TV: 1,2

Bola Dividida: 0,4

A Tarde É Sua: 1,6

Show da Fé: 0,8

Te Peguei: 1,3

Muito Show: 1,3

TV Fama: 2,2

Show da Fé: 1,0

Rede TV! News: 1,1

Luciana By Night: 0,9

Leitura Dinâmica: 0,8

Amaury Jr.: 0,9


Fonte: Emissoras

Cada ponto equivale a 65 mil domicílios na Grande SP

 

 

Notícias Da TV

 

Victor Fasano volta à Record

57366-data0002tssnapshot16162
Mesmo tendo perdido seu contrato com a Record em 2013 após três anos seguidos na casa, Victor Fasano está de volta à emissora.
Sem ressentimentos, o ator e o canal acertaram um novo compromisso, agora por obra, para “Plano Alto”, a nova série política de Marcílio Moraes e que tem previsão de estreia para o mês que vem.
Na trama, Victor será o Ubirajara, advogado e assessor pessoal de Guido Flores, governador do Estado e papel o qual será interpretado por Gracindo Júnior.
Curiosamente, Victor Fasano não fez nenhum trabalho na TV desde que perdeu seu contrato com a Record. Seu último personagem foi o Nestor, nos primeiros capítulos de “Balacobaco”.
O regresso do ator ao canal ocorre em mais uma parceria com Marcílio Moraes, com quem trabalhou em “Ribeirão do Tempo”.
NaTelinha

Qatar inks Boeing 777X order – buys 50 jets in US$19bn deal

Day 3: 777X marks the spot

Qatar Airways has locked in a massive order for 50 Boeing 777-9X jets worth a whopping US$19 (A$20.8) billion at list prices.

If that’s not enough to make Boeing pop some champagne, the Gulf carrier will also hold purchase rights to buy a further 50 of the 777X aircraft, potentially doubling the size of the deal.

The 777-9X is currently the larger of the 777X family and is expected to carry up to 407 passengers in a three-class configuration, with production to begin in 2017 with first delivery to airlines in 2020.

Qatar CEO Akbar Al Baker’s shopping spree comes one week after neighbour and competitor Emirates signed on the dotted line for 150 Boeing 777X jets.

However, Emirates will split its order into 115 of the 777-9X variant and 35 of the the more compact 777-8X.

Other airlines buying the Boeing 777X including Lufthansa, Cathay Pacific, Etihad Airways and Qatar Airways, while Air New Zealand and Qantas are also considering the 777X for their future long-range fleets.

Earlier this week Boeing announced that the 777X will adapt key ‘passenger experience’ traits of the 787 Dreamliner including a lower effective cabin altitude of 6,000 feet plus increased humidity to combat the effects of jetlag, as well as oversized windows set higher into the cabin and “economy class seat widths up to 18 inches wide.”

 

Source : Australian Business Traveller