Mesmo sem querer, “Aprendiz Celebridades” foi um grande programa de humor

57366-data0002tssnapshot16162

Lançado pela Record com a intenção de dar novo fôlego ao reality “Aprendiz”, a versão com celebridades não alcançou o sucesso esperado de audiência. Pior para quem não assistiu. O programa comandado por Roberto Justus ao longo de quase três meses foi uma das melhores opções de humor na TV este ano.

Muito da graça veio da escolha de um elenco formado por figuras desimportantes, pouco famosas e semi-anônimas, muito distantes da categoria “celebridades” anunciada.

Sem muito a perder, os participantes não tiveram vergonha de mostrar seus maiores talentos, produzindo momentos inesquecíveis de humor involuntário.

Beth Szafir, por exemplo, célebre como sogra de Xuxa, abrilhantou o “Aprendiz Celebridades” falando palavrões, criticando os colegas e, no fim, cobrando (ou “achacando”, como disse Cacá Rosset) R$ 30 mil para ajudar Ana Moser.

Nahim foi outra estrela do programa. Um dos maiores vencedores do “Qual É a Música?” no “Programa Silvio Santos”, do SBT, ele trouxe o seu estilo marcante ao “Aprendiz”, incluindo a boa ideia de batizar o seu grupo no programa, sem ninguém saber, com o nome de sua empresa particular.

Também merecia um prêmio especial a modelo Michele Birkheuer, encarregada de propor uma ação promocional para divulgar a novela “Vitória”, da Record. Ela fez um folheto que dizia: “Se depois de um dia cansativo você só pensa em descansar, não assista esta novela”.

Roberto Justus também deu um show. Começou o programa bem severo, como se estivesse diante de candidatos a um emprego em suas empresas, e expôs as “celebridades” aos maiores constrangimentos. Com o tempo, entendeu que tinha à sua frente participantes de uma gincana escolar. E se divertiu mais.

Ao final, o “Aprendiz Celebridades” cumpriu uma missão social, arrecadando bastante dinheiro (R$ 828 mil) para uma instituição que necessita de auxílio, o que é louvável, mas o programa será mais lembrado, mesmo, pelas situações engraçadas que proporcionou.

A ex-jogadora Ana Moser, uma das poucas figuras, de fato, famosas na edição, com história importante nos esportes, e cujo perfil não combina muito com este tipo de programa, acabou sendo a vencedora do prêmio de R$ 1 milhão.

Justus anunciou uma nova edição do programa para “2014”, mas todo mundo entedeu que se trata do ano que vem. A emissora tem um bom tempo pela frente para decidir se vai investir num “Aprendiz Celebridades” com mais figuras do naipe de Ana Moser ou apostar tudo num time com mais candidatos como Beth Szafir, Nahim e Michele. A segunda opção é garantia de risadas.

 

Maurício Stycer

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.