Londrina 2 x 2 Maringá

Tubarão fica duas vezes à frente, com Joel e Celsinho, mas não segura a vantagem. Zebra marca com Gabriel Barcos e Baiano. Finalíssima será no próximo domingo


Casa cheia, gols, disputas acirradas, rivalidade e muita emoção… A partida entre Londrina e Maringá teve todos os ingredientes de uma final. No fim, o equilíbrio prevaleceu, e os times empataram em 2 a 2 na tarde deste domingo, no Estádio do Café, no jogo de ida da decisão do Campeonato Paranaense. A finalíssima será no próximo domingo, às 16h (horário de Brasília), no Willie Davids. Quem vencer fica com a taça. O empate leva a disputa para os pênaltis.

O Tubarão deixou o Café com um gosto amargo, já que esteve à frente no placar em duas oportunidades. Joel e Celsinho anotaram os gols do time da casa. Já a Zebra saiu mais satisfeita por ter mostrado poder de reação – Gabriel Barcos e Baiano garantiram o empate – e também porque terá a necessidade de uma vitória simples diante do seu torcedor – que já esgotou todos os ingressos para o segundo duelo da final do campeonato estadual.

Os 26.827 torcedores que compareceram ao Café na tarde deste domingo (27.977 pessoas ao todo e R$ 873 mil de renda bruta) viram um confronto equilibrado.

O Londrina rondava a área adversária e levava mais perigo. Na bola parada, Joel colocou o time em vantagem. Já o Maringá, que tinha uma postura mais cautelosa, mas mostrava muita eficiência nos contra-ataques, empatou logo depois com Gabriel Barcos. O time da casa voltou à frente no placar com Celsinho, no segundo tempo, mas a Zebra fechou o placar com um golaço de Baiano.

Antes da finalíssima, o Londrina volta as atenções para a Copa do Brasil. Após vitória por 2 a 0 em casa, o time visita o Criciúma na quinta-feira, às 19h30m, no Heriberto Hülse, com a vantagem de poder perder por um gol de diferença ou até por dois gols, desde que marque ao menos um (ou seja, 3 a 1, 4 a 2…).

Joel e Barcos roubam a cena e fazem 1 a 1

Londrina e Maringá adotavam o mesmo desenho tático, o 4-4-2, e faziam um primeiro tempo disputado. Apoiado pela torcida, os comandados de Claudio Tencati eram mais perigosos, principalmente nos lances de bola parada. Rone Dias, Celsinho e Joel movimentavam-se e davam trabalho à marcação, e o artilheiro Arthur ficava na área à espera de uma chance. Aos 18, Rone Dias cobrou escanteio, e Joel desviou de cabeça para colocar o Tubarão em vantagem.

O time visitante, por sua vez, apostava nos contra-ataques, com destaque para o trio Léo Maringá, Cristiano e Gabriel Barcos. A Zebra tinha mais dificuldades para chegar ao ataque, mas quando a oportunidade apareceu, deixou tudo igual. Cristiano soltou a bomba, e Gabriel Barcos aproveitou o rebote do goleiro Vitor para empatar no primeiro tempo. Com o forte calor que fazia no interior do estado (superior a 30°C), o ritmo da partida caiu, assim como o número de lances perigosos.

Torcida do Londrina no Estádio do Café (Foto: Reprodução/RPC TV)
Torcida do Londrina faz bela festa no Estádio do Café (Foto: Reprodução/RPC TV)

Oportunismo de Celsinho e golaço de Baiano: tudo igual

Os times voltaram sem alterações para o segundo tempo, e o Londrina manteve a postura ofensiva, levando mais perigo ao gol adversário. A postura deu resultado. Aos 10, Maicon Silva cruzou, Arthur cabeceou no canto, e Edvaldo salvou com a ponta dos dedos. No rebote, porém, Celsinho – que vinha tendo atuação apagada na partida – chutou forte e recolocou o Tubarão em vantagem. Mas o Maringá, assim como no primeiro tempo, não baixou a cabeça. O lateral-direito Baiano, que tinha acabado de entrar no lugar do machucado Fernandinho, soltou a bomba de longe e acertou o canto, sem chance para Vitor. Um golaço e, mais uma vez, tudo igual no Estádio do Café.

Os técnicos passaram a mexer nos times. Claudio Tencati colocou Sílvio e Alexandre Oliveira; Clademir Sturion respondeu com as entradas de Fábio Gomes e Fábio Martins. O jogo ficou aberto até o final. Os dois times buscavam o gol que os daria uma vantagem na segunda partida da decisão. Mas um pouco pelo cansaço, um pouco pelo nervosismo de ambos os lados, as chances de gol tornaram-se raras. Assim, apesar da luta, o jogo terminou mesmo 2 a 2. A finalíssima no Estádio Willie Davids, no próximo domingo, promete muito mais emoção.

Londrina Maringá (Foto: Reprodução/RPC TV)
Londrina e Maringá fazem partida equilibrada no Estádio do Café (Foto: Reprodução/RPC TV)
GLOBO ESPORTE . COM

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.