Números do TV TOTAL no dia 21/02/2014

London 2012

País Visualizações
Sinal BrazilBrazil 654
Sinal Estados UnidosEstados Unidos 54
Sinal PortugalPortugal 19
Sinal AustráliaAustrália 5
Sinal United KingdomUnited Kingdom 3
Sinal ColombiaColombia 2
Sinal MexicoMexico 2
Sinal TurkeyTurkey 2
Sinal AngolaAngola 2
Sinal JapanJapan 2
Sinal ArgentinaArgentina 1
Sinal SwitzerlandSwitzerland 1

 

Gol chorado mantém Chelsea na ponta

Gol chorado mantém Chelsea na ponta

© AFP

Após empatar por 1 a 1 com West Bromwich na última terça-feira, o Chelsea passou muito perto de outro resultado negativo neste sábado, no duelo contra o Everton em Stamford Bridge. No entanto, um pequeno sufoco no fim e um gol chorado já nos acréscimos garantiu a vitória por 1 a 0 ao time de José Mourinho. No lance, Frank Lampard cobrou a falta da esquerda, John Terry chegou para dividir com o goleiro Tim Howard e a bola acabou entrando – o juiz indicou Lampard como o autor do tento.

Com o resultado, o Chelsea seguiu na primeira colocação na tabela do Campeonato Inglês, agora com 60 pontos, um a mais que o Arsenal e três a mais que o Manchester City, que tem um jogo a menos que os principais rivais. O Everton, por sua vez, perdeu a chance de voltar a briga por vaga na UEFA Champions League, seguindo na sexta posição, com 45 pontos.

No embate deste final de semana, Mourinho optou por escalar os brasileiros Oscar e Willian como titular no meio-campo. O volante Ramires, por sua vez, iniciou o duelo no banco de reservas e deu lugar ao sérvio Nemanja Matic, que formou dupla com Frank Lampard. Já David Luiz não atuou.

Apesar da formação ofensiva e de ter controle das ações do jogo durante boa parte do tempo, osBlues encontraram dificuldade para superar Tim Howard na etapa inicial. O desempenho deixou Mourinho insatisfeito, e quem acabou pagando foram os brasileiros. Assim, na volta do intervalo,Oscar deixou o campo para a entrada da Ramires, enquanto Willian saiu aos 17 para a entrada de Fernando Torres.

As mudanças deram mais movimentação ao Chelsea, mas ainda faltava criatividade. Samuel Eto’o ainda foi substituído por Schurrle e os londrinos só conseguiram uma pressão nos acréscimos, quando passaram a cruzar bolas na área. Em uma delas, já aos 48 minutos, saiu o gol salvador.

Chelsea volta a entrar em campo pelo Inglês no próximo sábado, no clássico local com o Fulham. Antes disso, porém, o clube londrino enfrenta o Galatasaray, nesta quarta-feira na partida de ida das oitavas de final da Liga dos Campeões.

Arsenal dá show
Pouco após o triunfo apertado do Chelsea foi a vez de Arsenal e Manchester City entrarem em campo e seguirem na caça ao líder. Em Londres, os Gunners ganharam novo fôlego na briga ao golear por 4 a 1 o Sunderland. Mesmo sem contar com Mesut Ozil, poupado por Arsène Wenger, a equipe teve pleno controle do duelo e abriu o marcador com Oliver Giroud aos cinco minutos. Pouco depois, ele mesmo aproveitou vacilo da zaga e se antecipou ao goleiro para marcar o segundo.

Apesar de estar à frente no marcador, a equipe londrina seguiu pressionando o rival e chegou ao terceiro após uma linda troca de passes iniciada ainda no campo de defesa e que Thomas Rosick completou com categoria para o gol. Já no segundo tempo, o zagueiro Laurent Koscielny anotou o quarto. Giaccherini, aos 36 minutos, descontou para os visitantes.

Já o City teve mais trabalho para derrotar em casa o Stoke City por 1 a 0, recuperando-se da derrota também em casa para o Barcelona na UEFA Champions League. O meio-campista Yaya Touré, aos 25 minutos do segundo tempo, marcou o gol que garantiu o bom resultado ao time da casa.

Confira os resultados dos jogos deste sábado do Campeonato Inglês:

Chelsea 1 x 0 Everton
Arsenal 4 x 1Sunderland
Manchester City 1 x 0 Stoke City
Cardiff 0 x 4 Hull City
West Brom 1 x 1 Fulham
West Ham 3 x 1 Southampton
Crystal Palace 0 x 2 Manchester United

 

FIFA.com

SBT define substituta da novela A Madrasta

MEX

O SBT definiu a novela que irá substituir A Madrasta. Será Abraça-me Muito Forte, exibida em 2001 e que volta no dia 17 de março, às 16h30. No dramalhão, Cristina, (Victoria Ruffo) engravida do capataz da fazenda do pai. Depois, casada com um fazendeiro falido, sofre um grave acidente e fica cega. Também estão no elenco Aracely Arámbula e Fernando Colunga.

Em Família sofrerá cortes e terminará após a Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014

A Globo deve decidir na próxima semana encurtar Em Família. Se batido o martelo, a novela de Manoel Carlos terá apenas 149 capítulos e será a mais curta do horário desde 1979, quando a rede exibiu a conturbada Os Gigantes, de Lauro César Muniz, com 147 episódios. Assim, o último capítulo da história das Helenas deverá ir ao ar em 25 de julho, duas semanas após o fim da Copa do Mundo, seis semanas antes do previsto.

Originalmente, Em Família iria até o final de agosto, com 179 capítulos. Perderá cinco semanas de exibição. A trama deverá ser encurtada por vários motivos: 1) a pedido de Manoel Carlos, que aos 81 anos escreve sua última novela; 2) a audiência melhorou na segunda e terceira semanas, mas, na casa dos 30 e poucos pontos na Grande SP, está abaixo do desejado pela emissora; 3) por causa da aceleração da primeira e segunda fases, a novela já começa a ter pouca frente de capítulos para gravar.

Do lado de Manoel Carlos, já está tudo certo para a redução da novela. Só falta acertar com Aguinaldo Silva e Rogério Gomes, respectivamente autor e diretor da novela que virá depois, Falso Brilhante (nome provisório). Silva já escreve os primeiros capítulos, mas a escalação do elenco está lenta.

Manoel Carlos comemorou a intenção da Globo de encurtar Em Família. “Boa notícia você me dá, se isso for confirmado. Quando aceitei fazer a novela, pedi que tivesse não mais que 150 capítulos. Isso está dito por mim em todas as entrevistas que dei e que dou. Se fixarem em 149 ainda saio ganhando mais um”, disse ao Notícias da TV, por e-mail.

Com 149 capítulos, Em Família irá durar dois terços de Amor à Vida, sua antecessora, que terminou com 221 episódios (e foi esticada).

 

Tom Barros comenta que o espera de Guarany de Sobral x Ceará

Guarany Sporting Club Ceará Sporting Club

 

O Guarany/S vem com a marca da ótima campanha da fase classificatória, onde foi primeiro do grupo, mas vem também com a chaga da terrível decepção por ter sido goleado pelo Sport/PE na segunda fase da Copa do Nordeste. Do grupo, conheço para valer Joécio, Márcio Tarrafas, Zé Augusto e Júnior Cearense. O time é bom. Não entendi a razão pela qual apagou no Estádio Arrudão. Vi mais jogos do Ceará. A produção no empate com o Vitória em Salvador foi boa. Encarou o adversário e muitas vezes marcou em cima. Creio que não será diferente amanha no Junco.

 

Tom Barros – Jogada – Diário do Nordeste-22/02/2014

Melbourne Victory downs Adelaide 4-3 thanks to late Kosta Barbarouses goal

February 23, 2014

Michael Lynch

SENIOR SPORTS REPORTER WITH THE AGE

A second-half blunder by Adelaide skipper and goalkeeper Eugene Galekovic and a late clincher from substitute Kosta Barbarouses paved the way for Melbourne Victory, which had twice come from behind, to leapfrog the South Australians on the A-League table with a dramatic 4-3 win in front of 18,341 fans at AAMI Park on Saturday night.

The visitors had led 1-0 and 2-1 earlier in the game only to be clawed back on both occasions, even though Victory had lost its main creative agent, Tom Rogic, to injury, early in the second half. Not even a hat-trick from Spanish striker Sergio Cirio could prevent Adelaide going home empty-handed following this see-sawing seven-goal thriller. With the scores locked at 2-2 midway through the second half neither side was ready to settle for a draw as both looked to secure third spot on the table. While both coaches – Victory’s Kevin Muscat and Adelaide’s Josep Gombau – would have chewed their fingernails to the bone, the crowd was treated to a rip-roaring finale with three goals in the last 25 minutes and a series of chances at either end which could have changed the complexion of the game had they been taken.

The critical moment came in the 66th minute when Victory forward James Troisi hit a long pass through the centre for Archie Thompson.

Victory's Scott Galloway is challenged by Sergio Cirio.

Victory’s Scott Galloway is challenged by Sergio Cirio. Photo: Getty Images

Galekovic looked sure to win the race as he charged out of his goal. But somehow he contorted his body, missed the ball and allowed Thompson to run on and pass into an unguarded net. Prior to that Cirio, with two first-half goals for the Reds and Gui Finkler, with a brace for Melbourne, had taken centre stage.

Advertisement

But it was to be Barbarouses, who replaced Rogic in the 50th minute when the latter limped off with a foot injury after colliding with his teammate Leigh Broxham, who would have the final say with a 75th-minute goal that gave Victory a critical two-goal break.

The Kiwi international held the ball up when played through as he waited for support, in the shape of Finkler, to arrive.

The Brazilian then slipped a pass through to Troisi, who beat Galekovic in a tight space inside the six yard box before sliding a pass across the face of goal for Barbarouses to tap in from close range.

Cirio got his hat-trick with seven minutes remaining after Victory defender Pablo Contreras slipped as he tried to clear a Fabio Ferreira cross, but the host held out in a nervous finale to what was a hugely entertaining and important match for both teams who went into the game level on 27 points but with the Reds ahead on goal difference. Victory’s win lifts it to clear third spot on 30 points, and with Sydney’s victory in Newcastle earlier in the night, Adelaide (27 points) drops to fifth, a point behind the Sky Blues.

Victory suffered a major blow four minutes into the second half when Rogic collided with Broxham and hurt his foot. The Celtic man, who has joined Victory on loan to get regular game time ahead of the World Cup, limped off and went straight to the dressing room for treatment.

Source: The Sydney Morning Herald

Victory’s Rogic sustains injury in seven-goal thriller

February 22, 2014 – 11:23PM

Michael Lynch

SENIOR SPORTS REPORTER WITH THE AGE

Tom Rogic makes a run during the match against Adelaide United.

Tom Rogic makes a run during the match against Adelaide United. Photo: Getty Images

Melbourne Victory’s key midfielder Tom Rogic is a major doubt for the club’s opening Asian Champions League game against Guangzhou Evergrande after limping out of his side’s dramatic 4-3 win over Adelaide United on Saturday night.

The Socceroo playmaker collided with teammate Leigh Broxham just after the interval and injured his right foot. He struggled to put weight on it as he limped off and went straight to the dressing room.

It was virtually the only blight on a marvellous night for the A-League on which these traditional rivals produced one of the games of the season, a seven-goal thriller in which the outcome see-sawed first one way and then the other.

Even when the hosts established a two-goal break near the end the result was still in doubt, as Adelaide’s Spanish striker Sergio Cirio completed his hat-trick with seven minutes to go, ensuring a nervous finish for Kevin Muscat’s men.

Advertisement

Muscat, who said Rogic would be given until the last moment to prove his fitness for the clash with the current Asian champions on Wednesday night, was delighted with the character his side showed having fallen behind twice in the first half before fighting to put themselves in the ascendancy.

It was the third week in a row that Victory has had to come from at least a goal down to secure a win, having done so against Central Coast in their last A-league match and Thai club Muangathong United seven days earlier in an Asian Champions League qualifier.

Chilean defender Pablo Contreras picked up another yellow card and will once again face a suspension, this one ruling him out of next Saturday’s derby with Melbourne Heart.

“What a great game of football. The boys showed a great deal of belief. I don’t think I have seen a better game of football here for a long time,” said Muscat. “In the final third we showed some of that killer instinct and the entire team put in an unbelievable shift.”

Source :The Sydney Morning Herald

Canberra United loss in W-League spurs on Michelle Heyman with Matildas

February 23, 2014

Lee Gaskin

SPORTS REPORTER AT THE CANBERRA TIMES

Canberra United striker, Michelle Heyman trains with the Matildas squad at the AIS on Saturday.

Canberra United striker, Michelle Heyman trains with the Matildas squad at the AIS on Saturday. Photo: Graham Tidy

CANBERRA United striker Michelle Heyman will use the disappointment of missing out on the W-League final as motivation for her busy international schedule.

Heyman and United teammate Lydia Williams have been involved in the Matildas camp at the AIS this week in preparation for next month’s Cyprus Cup.

They would have been excused from the camp had premier United beaten Brisbane Roar in last weekend’s semi-final at McKellar Park.

However, a 2-1 loss in wet conditions means United will watch from Canberra while the Roar faces Melbourne Victory in Melbourne in Sunday’s grand final.

Advertisement

As much as Heyman enjoys being part of the Matildas, the 25-year-old made it clear where she would rather be this weekend. ”I definitely wanted to be in the grand final to win that, but I still have training with the Matildas, which is a good thing,” she said. ”Getting that loss then knowing I had to be in camp wasn’t the best thing to hear.

”Other than that, I’ve got to put all that behind me and focus on the Cyprus Cup and get good preparation for the Asian Cup.”

The Cyprus Cup is an invitational 12-team tournament held between March 5-12.

It will be used as a vital lead-up event to the women’s Asian Cup in Vietnam in May, where the Matildas are the defending title-holders.

Source : The Canberra Times

Com ótima campanha na 1ª fase, Fortaleza busca manter aproveitamento e voltar a ser campeão cearense

Há 3 anos sem conquistar o título estadual, o Fortaleza aposta suas fichas no time da atual temporada. Após desfilar na primeira fase, o Tricolor do Pici entra na segunda fase do Campeonato Cearense confiante em voltar a ser campeão cearense.

Devido ter conquistado a liderança da 1ª fase, o Leão já inicia o hexagonal com 2 pontos. O time, comandado por Marcelo Chamusca, foi soberano no início da competição. Até a 17ª rodada, o Fortaleza venceu 12 das 15 partidas disputadas, além de 3 empates. Invicto, o Tricolor de Aço soma um aproveitamento de 86.7%.

O último título estadual leonino foi em 2010, quando o Fortaleza conquistou seu tetracampeonato. Em 2014, o objetivo tricolor é evitar que o seu maior rival, o Ceará, seja tetra novamente.

Rotatividade marcou o Leão na primeira fase

Fortaleza

Devido ao insano ritmo de jogos, o que marcou o Fortaleza na primeira fase do estadual foi a grande rotatividade pela qual passou o elenco. 29 jogadores foram testados durante a competição.

E os atletas em destaque também foram muitos. O quarteto de frente do Leão, formado por Edinho, Marcelinho Paraíba, Waldison e Robert, marcou 28 dos 46 gols da equipe na competição. Além deles, dois garotos da base mostraram bastante potencial: o volante Walfrido e o atacante Romarinho.

Mesmo após muito revezamento, pode-se definir o time base do tricolor para o hexagonal com: Luis Henrique; Tiago Cametá, Luís Gustavo, Eduardo Luiz e Fernandinho; Guto, Walfrido, Edinho e Marcelinho Paraíba; Waldison e Robert.

 

Diário do Nordeste – Jogada – 22/02/2014

Time a ser batido, Ceará prioriza estadual e busca tetracampeonato

Magno Alves é o destaque do Ceará com 4 gols marcados na temporada (Foto: Kid Júnior)

 

Mesmo com a Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Série B em disputa, a prioridade do Ceará para o ano do seu centenário está definido desde o início da temporada: o tetracampeonato estadual. Maior campeão cearense, com 42 títulos, o Vovô vai em busca do terceiro tetra. O primeiro foi conquistado entre os anos de 1975 e 1978, enquanto o segundo aconteceu entre 1996 e 1999.

Para o presidente alvinegro, Evandro Leitão, a conquista do Campeonato Cearense de 2014 é um título bastante esperado por todos que formam o clube. “O estadual é prioridade nossa. Uma competição importante para todos nós. Trata-se de um tetracampeonato, que toda a torcida espera”, declarou o dirigente.

Devido ao regulamento, que retira os dois representantes cearenses da 1ª fase do Estadual para disputar o Nordestão, o Ceará só entra no hexagonal da competição. Dessa forma, o Alvinegro faz sua estreia diante do Guarany de Sobral, neste domingo (23), no Junco.

Time base da Copa do Nordeste deve ser mantido

Quem acompanha o Vovô na Copa do Nordeste, não deve ver surpresas em relação ao time que atuará no Campeonato Cearense. O time base alvinegro é: Luís Carlos; Samuel Xavier, Anderson, Sandro e Vicente; João Marcos, Leandro Brasília, Ricardinho e Souza; Magno Alves e Bill.

O destaque do Ceará continua a ser o experiente atacante Magno Alves. Artilheiro no Nordestão, com 4 gols marcados, Magnata é a grande esperança da torcida alvinegra para a conquista do tetracampeonato.

 

Diário do Nordeste -Jogada – 22/02/2014