Tom Barros comenta que o Fortaleza poderoa aceitar a ajuda de empresários , mas sem deixar que vire FLUNIMED…

 

O Fortaleza pode e deve admitir o apoio de empresários, desde que estabeleça claramente os limites de atuação e competência de cada um. Evitará que, ao final do contrato, apareçam cobranças indevidas ou dúvidas sobre valores.

Tom Barros – Jogada – Diário do Nordeste – 14/02/2014

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.