Renato Maurício Prado comenta acordo escuso proposto pela CBF à Portuguesa

Nota de 100 Edir Macedo

Era o que faltava. Na tragicômica novela em que se tornou o Brasileirão de 2013 e, em consequência, o de 2014, surge agora um capítulo ainda mais vergonhoso: denúncia feita pela ESPN Brasil revelou que a Portuguesa pediu um empréstimo de R$ 4 milhões à CBF e esta condicionou a liberação da verba ao fim da luta nos tribunais e à concordância da Lusa em disputar a Série B.

Trechos dos documentos trocados entre o clube e a entidade evidenciam como manobras de bastidores são usadas fartamente pelos que comandam o futebol brasileiro em prol dos seus próprios interesses e vontades. E a torpe tentativa de chantagem revela que a CBF sabe o alto risco que corre na Justiça Comum.

Renato Maurício Prado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.