Igreja Mundial: dívidas de R$ 21 milhões e denúncias de desvios de dízimos derrubam 100 líderes da denominação

Igreja Mundial: dívidas de R$ 21 milhões e denúncias de desvios de dízimos derrubam 100 líderes da denominação

A Igreja Mundial do Poder de Deus vem enfrentando acusações de que um dos integrantes do alto escalão da denominação estaria envolvido em desvio de dinheiro arrecadado com dízimos e ofertas dos fiéis frequentadores.

O bispo Josival Batista, tido como o principal responsável pela administração financeira da igreja e número dois na organização da denominação – atrás apenas do fundador, apóstolo Valdemiro Santiago – é visto como um dos responsáveis, segundo informações da coluna Brasil Econômico, escrita pelo jornalista Gilberto Nascimento no portal iG.

Batista foi transferido para dirigir filiais da Igreja Mundial em Portugal e outras 100 pessoas foram afastadas de suas funções, como resposta ao rombo de R$ 21 milhões em dívidas da denominação com emissoras de rádio e TV. Um dos 100 integrantes da cúpula da igreja que deixaram a Mundial é o bispo Marcelo Santiago, que não possui vínculo familiar com Valdemiro.

De acordo com o jornalista Nascimento, a Igreja Mundial foi procurada para comentar as informações, mas optou pelo silêncio a respeito do assunto.

 

Gospel +

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.