Quadrilhas assaltam três bancos no Interior

Diário do Nordeste-Polícia -28/09/2013

 

Entre a noite de quinta-feira e a tarde de ontem, ladrões atacam as cidades de Apuiarés, Meruoca e Catarina

Três agências bancárias foram atacadas no Ceará em menos pouco mais de 12 horas. Os assaltos ocorreram entre o fim da noite de quinta-feira última e o começo da tarde de ontem, nas cidades de Apuiarés, Meruoca e Catarina. Até a noite passada, nenhum dos bandidos envolvidos nos crimes havia sido preso.

O primeiro crime aconteceu por volta das 23h45, na cidade de Apuiarés (128Km de Fortaleza), quando uma quadrilha numerosa e armada com fuzis e pistolas invadiu a cidade e explodiu os caixas do Bradesco, conseguindo levar todo o dinheiro que haviam nos equipamentos. Os caixas haviam sido abastecidos por um carro-forte na tarde de quinta-feira.

Repetição

Segundo a Polícia, os criminosos se dividiram na hora da ação e parte do bando foi até a sede do Destacamento da PM, onde passou a atirar para impedir que os policiais de plantão tentasse impedir o ataque ao banco.

Este foi o segundo ataque ao mesmo banco, em Apuiarés. No dia 21 de junho, uma ação semelhante foi registrada naquela cidade. O delegado Romério Moreira de Almeida, titular da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) esteve em Apuiarés e informou que já tem pista do bando

“São pessoas que já foram presas e já estão novamente soltas. Mas já temos pistas e vamos prendê-las novamente”, disse Almeida ainda em Apuiarés.

A Polícia Militar fez um cerco na região, com o apoio dos destacamentos de Pentecoste, General Sampaio e do 4º BPM (Canindé), mas não conseguiu, ainda, localizar os assaltantes.

Segundo caso

Cerca de três horas após o caso em Apuiarés, outro bando, também fortemente armado, invadiu a cidade de Meruoca, na Zona Norte do Estado (277Km de Fortaleza) e praticou ação semelhante, atacando o Destacamento da PM e, ao mesmo tempo, colocando explosivos na agência do Banco do Brasil.

Segundo a PM, os bandidos chegaram à cidade de Meruoca em uma caminhonete Hilux e dois Corollas, além de uma motocicleta. “Eles metralharam a nossa viatura e outra parte colocou os explosivos nos dois bancos, no Bradesco e no Banco do Brasil, mas só houve explosão no Banco do Brasil. Ouvi, pelo menos, umas três explosões”, contou um PM à Reportagem ainda na madrugada de ontem.

Depois de roubar todo o dinheiro dos caixas eletrônicos do Banco do Brasil, os assaltantes fugiram de Meruoca nos três automóveis e na moto. Um dos carros, porém, foi abandonado e incendiado na estrada que dá acesso ao Distrito de Anil.

Terceiro ataque

Já no começo da tarde de ontem, o ´alvo´ dos criminosos foi a agência do Bradesco da cidade de Catarina, na Região dos Inhamuns (398Km de Fortaleza).

A agência foi invadida por quatro assaltantes que chegaram ali em três motocicletas. Uma viatura chegou ao local e se deparou com os bandidos, que fizeram o gerente e uma mulher de reféns. O bando atirou contra a viatura e um dos policiais ficou ferido pelos estilhaços dos disparos que atingiram o vidro do veículo. O grupo fugiu em direção ao município de Tauá (344 Km de Fortaleza) e abandonou os reféns no caminho.

O Comando Tático Rural (Cotar) e a Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) realizavam diligências para encontrar a quadrilha, mas ninguém foi detido.

FERNANDO RIBEIRO
EDITOR DE POLÍCIA

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.