RedeTV! coloca mais uma edição do “Teste de Fidelidade” aos domingos

https://i1.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20130316152235.jpg

Divulgação/RedeTV!
A RedeTV! fez uma mudança em sua grade dominical. Com o sucesso que obteve nas noites de sábado, atingindo a vice-liderança na semana passada, a emissora decidiu colocar mais uma edição do “Teste de Fidelidade” nas noites de domingo, às 21h.
Ou seja, além da edição de sábado à noite e o “Você na TV”, que estreia no próximo dia 25 de manhã, a RedeTV! dará mais espaço na programação para João Kleber.
A mudança deve ser um teste para que o programa vá de vez para as noites de domingo. A alteração já consta no site da emissora. Com isso, os programas “Tá Gravado” e “WWE SmackDown” sairão do ar.
Esta é a segunda vez que a RedeTV! tenta colocar um programa para competir na briga pela audiência dos domingos. O primeiro foi o “Saturday Night Live”, que não vingou e saiu do ar no mês passado, com apenas uma temporada.
natelinha

O Observador: Ui, ele não assiste ao “Big Brother Brasil”

https://i2.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20130316165523.jpg

O jornalista Pedro Bial é o apresentador do “BBB 13” – Foto: Divulgação/TV Globo
 
É tão clichê e antiga essa ideia de que o “Big Brother” não acrescenta nada de bom a quem o assiste, que as pessoas pararam de tentar encontrar argumentos convincentes e começaram a se apoiar somente em preconceitos e exemplos ridículos para criticar o programa e seus telespectadores.
Ao ser questionado sobre o que acha do “BBB”, um senhor, em entrevista ao repórter Vinícius Valverde, disse que é “um programa de péssima qualidade, de nível cultural baixíssimo” e não consegue “assistir sequer um minuto” ao reality.
O vídeo com a entrevista, que não foi ao ar na TV Globo – por motivos óbvios –, está rodando pelas redes sociais e já acumula dezenas de milhares de acessos.
 
Agora uma pergunta que o tal entrevistado e todos que compartilham da sua opinião jamais poderão responder: qual a obrigação do BBB em enriquecer culturalmente a população se é um programa de entretenimento? É como se alguém esperasse adquirir conhecimento assistindo “Zorra Total”.
Outra coisa, o homem disse também que é por assistir a programas como o “BBB”, que o povo brasileiro se encontra dessa forma atualmente. Ignorância duplicada. O formato é estrangeiro e faz sucesso em vários países de primeiro mundo. O que faz um povo não é o que ele vê ou vive, mas a forma como encara isso.
Tem gente que faz questão de ficar confinado na própria ignorância.
Em tempo:
Esta 13ª edição do “Big Brother Brasil” cumpriu as expectativas. A direção mesclou com os novatos alguns veteranos polêmicos e conseguiu dar o tom certo ao programa. Mesmo com baixa audiência, em comparação com as demais edições, mais uma vez a atração se mostra um mega sucesso comercial dentro da emissora e teve uma repercussão grande, como já esperado.
Além disso, “BBB13” vai ficar marcado por personagens novatos que deixaram sua marca no programa, como Kamilla, Fernanda, Andressa, André… Isso acontece depois de duas edições onde a maior parte dos participantes não fizeram diferença e dificilmente são lembrados.
Breno Cunha escreve sobre mídia e televisão há quatro anos e sempre foi conhecido por grandes discussões provocadas por suas críticas. No NaTelinha não é diferente. Converse com ele: brenocunha@natelinha.com.br / Twitter @cunhabreno

Renato Maurício Prado ironiza possível saída de Matheus do Flamengo

 

Bagá anda enfurecido com essa história de Matheus, filho de Bebeto, insistir em deixar o Flamengo para se transferir para a Juventus. Com um mau-humor do cão, ele dispara, ao me ver de longe:

— Chefia, Negueba saiu do Fla, teve uma lesão nos ligamentos. Bottinelli saiu do Fla, sofreu uma fratura no tornozelo. Wellington Silva saiu do Fla e fraturou o calcanhar. Sei não…

 

Coluna redigida pelo jornalista Renato Maurício Prado para o jornal carioca O GLOBO no dia 16/03/2013

GP Latinoamericano no Chile 2013

 

Três cavalos brasileiros, Stockholder, Beduíno do Brasil e Energia Eros, disputam amanhã, no Chile, o GP Latinoamericano. Minha aposta? Stockholder, da Coudelaria Barcelona, de Luís Antônio Monteiro, o Vasquinho, que já venceu, entre outros clássicos na areia, o GP Bento Gonçalves.

 

Coluna redigida pelo jornalista Renato Maurício Prado para o jornal carioca O GLOBO no dia 16/03/2013

Flamengo e São Paulo poderão trocar de treinador em breve …

 

Dois técnicos de ponta pairam, como fantasmas, sobre a cabeça dos treinadores dos times de primeira linha do Brasil: Mano Menezes e Paulo Autuori. É difícil imaginar que ambos comecem o próximo Brasileiro desempregados. Mano no Flamengo e Autuori no São Paulo? Quem sabe…

 

Coluna redigida pelo jornalista Renato Maurício Prado para o jornal carioca O GLOBO no dia 16/03/2013