Ana Hickmann nega gravidez: “Está me chamando de gorda?”

anahickmann_tudoepossivelhttps://i0.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20121221144301.jpg

Divulgação

Na manhã desta sexta-feira (21), surgiu a informação de que a apresentadora Ana Hickmann estaria grávida.

A loira teria levantado suspeitas por estar com alguns quilinhos a mais.

Amigos próximos da apresentadora também estariam comentando que ela estaria esperando seu primeiro filho com o marido, o empresário Alexandre Corrêa.

Porém, no início da tarde, Ana Hickmann usou seu Twitter oficial para desmentir a notícia e ainda brincou: “Gente, acabei de ler em uma nota que eu ’estaria grávida’ Perai, eu NÃO estou! Então quer dizer que a jornalista está me chamando de gorda??”.

Em tempo:

 

No mês de abril, uma possível gravidez de Ana Hickmann virou debate e gerou enorme repercussão após uma declaração de Adriane Galisteu, em seu extinto programa “Muito +”, na Band.

Na época, Galisteu comentou: “um filho vai melhorar muito o jeito dela”.

A partir daí, o marido de Ana Hickmann, Alexandre Corrêa, teceu diversas críticas à apresentadora da Band e chegou até a xingá-la.

Após muito tempo, ele acabou pedindo desculpas por ter exagerado na reclamação, mas ainda assim deixou claro que não quer proximidade com Galisteu.

natelinha

“Fazenda do Satanás” : Com 64% dos votos, Angelis continua na Fazenda de Verão

Na última terça-feira (18), os participantes protagonizaram uma das formações de Roça mais quentes da temporada.

Com direito a muitas alfinetadas e uma briga histórica envolvendo Angelis e Ísis, as polêmicas indicações foram comentadas pelos confinados dias e dias depois.

Na votação aberta, Rodrigo Carril foi indicado à berlinda com o total de cinco votos. Depois, houve a votação fechada.

Os integrantes da Equipe Cigarra votaram em seus próprios companheiros de time e Ísis Gomes foi a mais votada do grupo. Já Angelis Borges foi a mais votada pela Equipe Formiga.

Rodrigo Carril, portanto, teve de escolher com quem enfrentaria a sua primeira Roça e acabou optando por Angelis.

Nesta quinta-feira (20), porém, a angústia dos roceiros chegou ao fim. Rodrigo Faro, ao vivo, comunicou que, mais uma vez, Angelis permanece no jogo com o total de 64% de aprovação do povo brasileiro, eliminando o advogado da disputa.

É a quarta Roça que a assessora de imprensa enfrenta e sai vitoriosa.

Na primeira, disputada contra Bianca, a moça de Uberlândia (MG) teve 74% de aprovação dos telespectadores e mandou a loirinha para fora do programa.

A segunda eliminação disputada pela morena foi contra Sacramento. Angelis permaneceu no jogo com 71% dos votos, fazendo com que o modelo desse adeus ao sonho de conquistar o grande prêmio de R$ 1 milhão.

Já em sua terceira berlinda, desta vez contra Nuelle, a gata contou com a aprovação de 73% dos brasileiros.

Confira como foi a trajetória de Rodrigo Carril no jogo:

O gaúcho de 25 anos, desde os primeiros dias de confinamento, mostrou-se uma pessoa serena e observadora.

Mesmo com seu temperamento nada explosivo, Rodrigo Carril se envolveu em uma briga para lá de polêmica com Halan.

Além do barraco, o advogado será lembrado por seu forte vínculo com Dan e Flávia. O trio, inclusive, não se desgrudou durante os últimos dias de confinamento de Carril.

Apesar de não ter conseguido se envolver emocionalmente com ninguém dentro da casa, Carril não deixou por menos e deu várias investidas em Ísis, que, por sua vez, optou por trocar beijos com outro participante: Thyago.

Durante a Festa Claro, sua última balada dentro do programa, o confinado parece ter premeditado sua saída e não conteve as lágrimas.

Band comemora audiência de programas noturnos nesta quinta

https://i1.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20121221134821.jpg
“Agora é Tarde” atinge boa audiência na Band – Divulgação
A noite desta quinta-feira (20) deu motivos de sobra para a Band comemorar o desempenho de seus programas nos números do Ibope. Quase todos os programas alcançaram boa audiência e alguns conseguiram a vice-liderança.
A começar pelo “Brasil Urgente”, que conseguiu 5 pontos de média, impulsionando o “Jornal da Band”, que registrou 4 pontos. Mas uma das surpresas da noite foi mesmo o “Polícia 24 Horas”, que cravou exatos 7 pontos de média, ficando em terceiro lugar no Ibope.
O “Agora é Tarde”, de Danilo Gentili, que abordou a polêmica do fim do mundo, conquistou o segundo lugar isolado com 6 pontos. Para se ter uma ideia, essa audiência é maior que o “CQC” e “Pânico”, principais humorísticos da emissora, conseguiram nesta mesma semana – ambos ficaram com 5 pontos.
Cada ponto no Ibope equivale a cerca de 60 mil domicílios na Grande São Paulo e servem de referência para o mercado publicitário. Esses números são consolidados.

Indignação de Raul Gazolla com entrevista resulta em reuniões na Record

Ator ficou revoltado com espaço dado a Guilherme de Pádua, assassino de sua esposa

https://i1.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20121221150733.jpg

Divulgação

A clara decepção de Raul Gazolla com a entrevista promovida por Marcelo Rezende com Guilherme de Pádua, assassino de sua ex-mulher Daniella Perez, ainda está repercutindo nos bastidores da Record.
Raul, que é contratado da emissora desde o fim de 2005 e atuou em novelas como “Prova de Amor”, “Vidas Opostas” e “Máscaras”, se irritou por não ter sido procurado e sequer informado do que a produção do “Domingo Espetacular” estava preparando.
Glória Perez, mãe de Daniella e autora de “Salve Jorge”, também se decepcionou com a atitude da emissora e inclusive entrou com um processo contra ela e contra Guilherme.
A manifestação de Raul teria acarretado, inclusive, em um pedido de desculpas informal por parte do núcleo de dramaturgia da emissora, atualmente presidido por Anderson de Souza e que tem Marcelo Silva como um dos principais membros.
Já em São Paulo, onde o “Domingo Espetacular” tem sua produção alocada, assim como o departamento de jornalismo, houve reuniões entre a cúpula para abordar a falha e tomar as decisões cabíveis em relação ao caso.
natelinha

Consolidados 20-12-2012


Bom Dia Brasil – 6
Mais Você – 6
Bem Estar – 4
Encontro com Fátima Bernardes – 3
Globo Esporte – 8
Jornal Hoje – 9
Vídeo Show – 8
Da Cor do Pecado – 12
Sessão da Tarde – 9
Malhação – 12
Lado a Lado – 14
Guerra dos Sexos – 18
Jornal Nacional – 20
Salve Jorge – 30
A Grande Família – 22
Como Aproveitar o Fim do Mundo – 16
Suburbia – 11
Jornal da Globo – 8


Carrossel Animado – 4
Bom Dia e Cia – 5
Um Maluco no Pedaço – 6
Gotinha de Amor – 3
Canavial de Paixões – 3
A Usurpadora – 5
Casos de Família – 4
Chaves – 4
SBT Brasil – 4
Carrossel – 12
Programa do Ratinho – 7
A Praça é Nossa – 8
Conexão Repórter – 5


Fala Brasil – 5
Hoje em Dia – 4
Balanço Geral – 6
Programa da Tarde – 4
Cidade Alerta – 6
Jornal da Record – 6
A História de Ester – 5
Balacobaco – 6
Fazenda de Verão – 5


Band Kids – 2
Jogo Aberto – 3
Os Donos da Bola – 3
Popeye – 3
Brasil Urgente – 4
Brasil Urgente SP – 5
Jornal da Band – 4
Polícia 24 Horas – 7
Agora é Tarde – 6

Cada ponto equivale a 60,2 mil domicílios na Grande São Paulo.

Audiência do Encontro com Fátima Bernardes piora a cada dia que passa

Nesta quinta-feira (20), de acordo com a prévia do Ibope, o programa “Encontro com Fátima Bernardes” registrou a pior audiência desde sua estreia. A atração marcou apenas 3,5 pontos de média.

Na média, perdeu para o SBT, que liderou com 5 pontos. E, em alguns minutos, Fátima empatou com a Band, que marcou 3 pontos.

Cada ponto equivale a 60,2 mil domicílios na Grande São Paulo.

O PLANETA TV!

O Observador: Chegada de Dani Calabresa reestabelece força da Band

https://i1.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20121221133208.jpg

Divulgação

A contratação de Dani Calabresa pela Band reacende de forma intensa a discussão sobre os artifícios que a emissora do Morumbi tem para conseguir cada vez mais espaço entre os brasileiros, principalmente quando um ano novo e a renovação que ele carrega se aproxima. Agora, com mais uma integrante de peso para o casting do canal, a direção precisa começar a ambicionar voos maiores que os atuais.
É engraçado observar que a Rede Bandeirantes, apesar de na TV aberta ser só a quarta no ranking, não deve nada para nenhum outro grande grupo de comunicação no país em quase todos os ramos. Com importantes canais de rádio de música e notícias, portal na internet, uma grande emissora na TV aberta, canais exclusivos de esportes e notícias na TV fechada, além de uma forte equipe em todos os setores, o grupo consegue se destacar de vários outros que se dizem importantes.
O intrigante é que, com tudo isso, o que falta para virar uma potência, tanto em faturamento quanto em audiência, como outros gigantes? Se a resposta fosse tão simples, a questão já estaria resolvida. E, falando especialmente na Band, o que falta para a disparata nos números do Ibope? Algumas pistas indicam o rumo que a emissora deveria seguir.
No área de jornalismo, há profissionais tão bons que teriam tranquilamente espaço em quaisquer outras emissoras, como Ricardo Boechat, Marcio Campos e José Luiz Datena, por exemplo. Além disso, as coberturas jornalísticas da Band são de primeira linha – vide a qualidade editorial e técnica do “Jornal da Band”. Mais um telejornal diário com bancada enriqueceria ainda mais o setor do canal.
No ramo do esporte, é inquestionável a forte presença da TV Bandeirantes. Transmissões esportivas com os melhores locutores, repórteres e comentaristas consideráveis, programas com ênfase em debates esportivos, como o público gosta, e vários outros fatores fazem da Band referência no assunto. Credibilidade nasce de investimento. Talvez falte, nesse caso, somente mais padrão, organização: muitos comentaristas acham que são os donos da verdade e acabam exagerando em diversas ocasiões. Esse exagero soa mal ao telespectador.
Na área do humor, a chegada do “Pânico” colocou a Band num patamar onde nenhuma outra empresa de comunicação brasileira se encontra. A turma de Emílio Surita, junto com o incomparável “CQC” e o já consagrado “Agora é Tarde”, são os grandes responsáveis pela reformulação do humor no Brasil e tem uma força imensurável entre o público jovem. O canal poderia investir mais em divulgação para esses programas. A chegada de Dani Calabresa reforça ainda mais isso.
Outra área em que a Band poderia entrar de cabeça é a de dramaturgia. É de conhecimento de todos que não há mais espaços para produções de novelas no país, a programação televisiva já está saturada delas, mas, com a contratação de bons escritores e atores, é possível investir em séries de curta duração e fisgar justamente esse público impaciente e cansado. É preciso apostar.
A Band tem condições de, em 2013, sair do seu ponto de conforto e lutar por maiores troféus. Às vezes, o que dá a parecer é que falta ousadia.
Breno Cunha escreve sobre mídia e televisão há quatro anos e sempre foi conhecido por grandes discussões provocadas por suas críticas. No NaTelinha não é diferente. Converse com ele: brenocunha@natelinha.com.br / Twitter @cunhabreno